Apesar de campanha abaixo do esperado, Abel Ferreira elogia elenco: “Orgulho tremendo”

Verdão terminou o Mundial na quarta colocação

Abel Ferreira
Cesar Greco/Ag.Palmeiras

O Palmeiras encerrou sua participação no Mundial de Clubes desta temporada relegado ao quarto lugar da competição. O Verdão encarou os egípcios do Al Ahly e, após empate sem gols, perdeu nos pênaltis. À beira do gramado, o técnico Abel Ferreira analisou o resultado negativo.

“Foi um jogo equilibrado hoje. Juntaram as quatro melhores equipes do mundo e qualquer uma poderia marcar. Foi para os pênaltis e aí foi a competência de quem defende contra a competência de quem ataca”, observou.

O português comentou também a campanha palmeirense na competição.

“O que eu levo daqui é um orgulho tremendo dessa equipe. Cheguei para substituir um treinador onde muitas dúvidas existiam. Ganhamos o direito de disputar o Mundial, vamos disputar de novo daqui a dois anos por direito próprio, ganhamos a Libertadores, temos a Copa do Brasil e a Recopa. É o privilégio de estar entre os quatro melhores do mundo”, completou.

O Palmeiras chega amanhã pela manhã ao Brasil e já terá mais um adversário pela frente, no domingo, pelo Brasileirão: a equipe enfrenta o Fortaleza, às 18h15, no Allianz Parque.

  • Retrospecto do árbitro em nossos jogos é ótimo, levando em conta que vencemos o primeiro jogo por 1×0. Estive naquele 4×0 contra o Atl-PR que abriu a caminhada para o enea!