Marcos Rocha busca bicampeonato da Recopa Sul-Americana

Marcos Rocha
Cesar Greco

Iniciando sua quarta temporada no Verdão, lateral pode chegar a seu quinto título

O Palmeiras entra em campo na noite desta quarta-feira para enfrentar o Defensa Y Justicia, da Argentina, na finalíssima da Recopa Sul-Americana. Para conquistar o título, inédito na História do clube, o Verdão pode até mesmo empatar, já que na primeira partida venceu os argentinos por 2 a 1.

Campeão deste torneio em 2014, quando atuava pelo Atlético-MG, o lateral direito Marcos Rocha busca o bicampeonato da competição.

“Conquistei esse título em 2014, agora vou ter essa oportunidade novamente. Espero fazer uma grande partida e conquistar mais essa taça para o Palmeiras”, afirmou o camisa 2.

Para Marcos Rocha, um eventual título servirá para elevar o moral do elenco para o restante da temporada: “Se conquistarmos, será um título que vai dar confiança para o decorrer do ano, além de podermos dar continuidade a um trabalho que foi muito bem feito na temporada passada. Vamos com muito respeito ao adversário, sabendo que temos condições de sair com a vitória”, concluiu.

Marcos Rocha é um “chama-título”

Aos 32 anos, o lateral, que jogando pelo Atlético venceu quatro campeonatos mineiros, uma Copa do Brasil, uma Libertadores e uma Recopa,  pode chegar ao quinto título com a camisa palmeirense.

Contratado em 2018, Rocha conquistou pelo Verdão o Brasileirão (2018), Paulistão (2020), Copa do Brasil (2020) e Libertadores (2020). Em números gerais, o atleta possui 146 jogos com a camisa do Palmeiras, 6 gols e 21 assistências (terceiro colocado do atual elenco).

  • Brilha Esteves!

    Sempre achei um absurdo a cobrança em cima dele, pode ter feito más partidas, mas tem só 20 anos e veio da nossa base, merecia mais consideração da nossa torcida, ainda mais levando em conta que ele jogou em umas 15x posições diferentes já rs

    Parece que esquecem que num passada recente a gnt tinha Márcio Araujo de titular incontestável…

    Da partida, pra mim só Zé Rafael ficou muito abaixo, me lembrou até o Luan Calça Jeans, só que deslocado para o meio de campo.

    Avanti palestra!

    • É assim mesmo… Pouco tempo atrás a torcida estava pegando no pé do Rony, e olha onde ele está hoje!