Campeonato Brasileiro 1975

Campeonato Brasileiro 1975

O Campeonato Brasileiro de 1975 foi disputado por 42 clubes entre agosto e dezembro. O sistema de disputa era de fases com grupos, até a definição dos semifinalistas. Vitórias por 2 ou mais gols de saldo davam 3 pontos ao vencedor.

A Primeira Fase tinha quatro grupos – dois com 10 e dois com 11 clubes. Após turno único, os 5 melhores de cada grupo avançavam à Segunda Fase; os “eliminados” ganhavam mais uma chance na repescagem.

O Palmeiras, após um começo razoável, parou de vencer após a quinta rodada e se classificou em quinto lugar. A derrota para o Tiradentes não pegou bem para o técnico Dino Sani.

A Segunda Fase tinha os 20 clubes disputando doze vagas – dois grupos de 10, passando os seis melhores de cada. Mais uma vez o Verdão avançou, mesmo com uma campanha medíocre: após 3 vitórias, 5 empates e 2 derrotas, o time se classificou em quinto lugar, segurando um empate em Porto Alegre contra o Inter.

Os doze classificados se juntaram a mais 4 clubes da repescagem e os 16 clubes foram divididos mais uma vez em duas chaves. Após sete rodadas, os dois melhores de cada grupo avançaram às semifinais. E desta vez o Palmeiras não foi mal.

Com cinco rodadas disputadas, o Palmeiras tinha 10 pontos ganhos e estava entre os classificados, mas perdeu o Derby na penúltima rodada, com um gol de pênalti aos 47 do segundo tempo. A infração só existiu aos olhos do juiz carioca Luiz Carlos Felix, que assim deixou a decisão da vaga para o último jogo, entre Fluminense e Palmeiras, no Maracanã.

O Fluminense tinha um time muito forte e fez uma grande partida. Virou o primeiro tempo vencendo por 2 a 0 – no segundo gol nossa defesa tentou marcar um impedimento no grito e parou na jogada que Paulo César Caju tocou para o gol vazio. O time carioca chegou a abrir 4 a 0 no início do segundo tempo, com dois golaços de Gil e Toninho; o Palmeiras reagiu com gols de Edu e Alfredo, mas acabou mesmo eliminado com a derrota.

O Fluminense avançou à semifinal. E mesmo jogando no Maracanã, não teve juiz que resolvesse no confronto com o Inter, que venceu por 2 a 0, foi à final e derrotou o Cruzeiro, para chegar a seu primeiro título.

Lista de jogos

Lista e estatística dos jogadores