0
X
0

Pré-Jogo

Pré-jogo Palmeiras x Atlético-MG

Na tarde de hoje, a Sociedade Esportiva Palmeiras recebe o Atlético-MG em partida válida pela quarta rodada do Brasileirão. Depois de duas derrotas consecutivas fora de casa, o time joga sob relativa pressão e buscará a reabilitação para evitar uma posição extremamente desconfortável na tabela.

Palmeiras

DESFALQUES
Lesionados:
Thiago Martins, Moisés, Arouca e Dudu
Transição física
: Luan

Há várias dúvidas acerca do time que entra jogando, já que Cuca foi bastante misterioso durante os treinos após a classificação na Copa do Brasil. Sem poder contar com Dudu, a vaga no flanco esquerdo está entre Keno e Willian Bigode – na prática, quem disputa duas vagas no time titular são Keno, Roger Guedes e Borja, já que o Bigode parece ter o lugar garantido.

No meio, Guerra também é dúvida, já que ainda sente uma pancada na panturrilha. Sem Dudu, que seria naturalmente deslocado para jogar por dentro, os meninos Raphael Veiga e Hyoran são os favoritos.

Dois titulares tidos como absolutos começam a ter o lugar ameaçado: na direita, Jean pode perder a vaga para Fabiano ou mesmo para Mayke. E na volância, Thiago Santos tem jogado muito bem e parece bem mais adaptado às exigências de Cuca do que Felipe Melo. Cheia de parênteses, a possível escalação é Fernando Prass; Jean (Fabiano ou Mayke), Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Thiago Santos (Felipe Melo) e Tchê Tchê; Roger Guedes (Borja), Guerra (Hyoran ou Raphael Veiga) e Keno (Borja); Willian Bigode.

Atlético-MG

Se você acha a nossa posição na tabela complicada após duas derrotas, a do Galo está bem pior: foram apenas dois pontos conquistados e com duas partidas em casa já disputadas; o time vem de dois tropeços em Belo Horizonte (derrota para o Fluminense e empate com a Ponte Preta) e vive as mesmas dificuldades do Palmeiras com relação a calendário, já que segue na disputa da Libertadores e da Copa do Brasil.

Roger Machado está cheio de desfalques, todos no departamento médico: Marcos Rocha, Leonardo Silva, Lucas Cândido, Jesiel, Carlos César e Luan. Sem ter a mesma variedade que o Verdão para escolher os substitutos, o treinador já declarou que vai com o que tem de melhor: Victor; Alex Silva, Felipe Santana, Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca, Yago, Elias e Cazares; Robinho e Fred.

Lei do Ex

Elias é cria de nossa base, embora nunca tenha jogado em nosso profissional.

Retrospecto

O Atlético construiu nos últimos anos um tabuzinho chato contra nós: foram nove derrotas e dois empates nos últimos onze jogos. E mesmo assim nossa vantagem ainda é boa, só para ver como o Galo é nosso freguês.

Aproveite todas as funcionalidades do Almanaque do Verdazzo. Consulte os links abaixo, e faça os cruzamentos com outros dados como preferir:

Atlético-MG
Atlético-MG
Allianz Parque
Allianz Parque
Marcelo de Lima Henrique
Marcelo de Lima Henrique
Campeonato Brasileiro
Campeonato Brasileiro

Parpite

Mesmo sem um elenco tão recheado, o time titular do Galo, do meio para a frente, é muito forte e vai exigir toda a força de nosso sistema defensivo. Os dois times têm as mesmas motivações e o jogo tende a ser bastante parelho – o fator casa vai fazer a diferença em nosso favor: dá Verdão, 2 a 1, com gols de Roger Guedes e Willian Bigode, para 34.567 pagantes. VAMOS PALMEIRAS!

Transmissão

TV Globo Globo – para MG e Campinas

PFCPFC

Pós-Jogo

Palmeiras 0x0 Atlético-MGCésar Greco / Ag.Palmeiras

O Verdão empatou sem gols como Atlético Mineiro, chegou a 25 jogos sem derrota no Alianz Parque, mas também perdeu a chance de terminar com um tabu de 11 jogos sem vencer o time mineiro e ainda ficou mais para trás ainda na tabela de classificação do campeonato.

Apesar disso, foi um bom jogo, com lances empolgantes – o Palmeiras chegou a mostrar lampejos do time envolvente de 2016, mas ainda corre atrás de mais consistência e objetividade.

PRIMEIRO TEMPO

Além de sacar Jean e Felipe Melo do time, Cuca também deu mais uma chance para Egídio, deixando Zé Roberto no banco. Willian seguiu como atacante mais avançado, tentando emular Gabriel Jesus, sem o menor sucesso.

Diante do poderio ofensivo do adversário, a tática do Palmeiras foi manter a posse de bola pelo maior tempo possível. E deu relativo resultado; o Atlético tinha sérias dificuldades em sair para o ataque e o Palmeiras dominou as ações. Aos dois, Tchê Tchê fez grande jogada pela esquerda, driblou três marcadores e a bola ficou com Egidio, que cruzou; Victor tentou segurar mas falhou; a bola ficou viva na pequena área e a defesa colocou a escanteio – quase Willian toca para o gol vazio.

Aos sete, depois de escanteio pela esquerda, Victor socou para fora da área e Thiago Santos tentou o arremate de fora, mas mandou pra muito longe. Cinco minutos depois, um lance bem parecido para o Galo: após falta da direita, a bola foi rebatida e Fabio Santos pegou a sobra, batendo de primeira e levando muito perigo para o gol de Fernando Prass.

Aos 14, Thiago Santos apoiou e lançou na área; a zaga do Galo só assistiu e Willian escorou para Keno, que bateu bem, de curva – a bola venceu Victor e beijou o travessão, saindo por cima. O Verdão aumentou a pressão e aos 16 Egídio levantou na área, a bola ficou viva e Guerra bateu para o gol – a bola bateu na mão de Edu Dracena e foi afastada da área.

O Atlético tinha claros problemas com a saída de bola e a marcação do Palmeiras parecia muito bem encaixada. Mas o jogo permanecia equilibrado por causa da arbitragem problemática de Marcelo de Lima Henrique, que inventava uma série de faltas em favor dos visitantes, quebrando o ritmo do Verdão.

Aos 25, depois de linda jogada de Keno, a bola foi a escanteio pela esquerda. Na cobrança, que veio por baixo, Willian Bigode deu um toquinho na bola e Mina quase conseguiu tocar para o gol, mas Fabio Santos chegou antes e tirou a escanteio – o árbitro deu tiro de meta.

Quando o Galo conseguia desenvolver uma jogada com toques de pé em pé, levava perigo. Aos 28, Fred foi lançado pela esquerda por Cazares e cruzou por baixo; Yago estava livre para abrir o placar mas Egídio cortou para escanteio – por muito pouco não marcou contra.

Depois do susto, o Verdão voltou à carga: aos 35, depois de linda troca de passes de todo o ataque, Guerra bateu de fora, para defesa tranquila de Victor. O Galo respondeu aos 38: depois de escanteio, bate-rebate em nossa área e algum pé tentou empurrar a bola para o gol – ela passou muito perto, desviada pela defesa. Em nova cobrança, Fernando Prass agarrou firme e lançou Keno rapidamente com as mãos; ele driblou três marcadores e cruzou; a bola foi rechaçada e Roger Guedes, livre, de frente para o gol, finalizou de forma bisonha, por cima.

Aos 42, depois de falta sofrida na esquerda por Willian, Egídio suspendeu e Fred empurrou Edu Dracena por trás – pênalti claro assinalado pelo juiz. Depois de muita discussão e dois cartões, um para Robinho por reclamação, e outro para Victor, que esburacou a marca do pênalti durante as discussões – Willian percebeu a tramoia e afastou o goleiro da marca. Talvez desconcentrado pelo buraco, Willian bateu muito mal e Victor defendeu com o joelho, já depois da marca dos 45.

SEGUNDO TEMPO

Cuca trocou Roger Guedes, em tarde muito ruim, por Borja, abrindo Willian pela direita. O Verdão voltou no modo Porco Doido e logo a um minuto Mina arrancou do campo de defesa; como um panzer, foi arrastando tudo o que tinha pela frente até sofrer falta de Yago. Na cobrança ensaiada, Borja tentou meter por fora da barreira e a bola foi rebatida; na sobra Tchê Tchê finalizou da meia-lua e Victor fez uma grande defesa.

Aos cinco, Egídio fez grande jogada: roubou a bola no campo de defesa num ataque promissor do Galo e puxou o contra-ataque, tocando para Keno na esquerda; ele driblou Alex Silva e  cruzou pra trás, Borja finalizou bem mas foi travado. O lance levantou a torcida no Allianz Parque.

O Palmeiras emendou uma pressão enorme. Aos oito, Borja recebeu no círculo central, deu dois passos com a bola e soltou um míssil de fora, de muito longe; a bola entraria na gaveta mas Victor se esticou e fez grande defesa. Percebendo o momento do estádio, o experiente goleiro tratou de ficar no chão para esfriar nosso time. A estratégia deu resultado e o Galo conseguiu segurar nossa pressão quando a bola voltou a rolar.

Aos 19, Guerra foi lançado no mano a mano com Gabriel, que perdeu o tempo da bola e deixou o corpo cair na frente do venezuelano, que acabou sendo derrubado. Pênalti claro, que o juiz não marcou. Mas o Palmeiras já não tinha a mesma presença no campo de ataque.

A entrada de Michel Bastos deu um novo fôlego ao time: aos 26, ele insistiu na jogada pela direita, entrou na área e rolou para trás – quase Willian chega para conferir, mas Yago afastou o perigo da área. Dois minutos depois, Michel Bastos e Mayke tocaram a bola pela direita e Michel cruzou; Willian se atirou na bola no segundo pau mas não alcançou. Um minuto depois, foi Guerra quem tentou alcançar Willian; ele dominou dentro da área mas não conseguiu levar vantagem sobre Felipe Santana, que afastou o perigo.

O Atlético estava claramente satisfeito com o empate e jogava como pequeno; procurando uma bola vadia. Aos 29, quase ela veio: Egídio falhou na marcação; Cazares dominou e aproveitou a bola pingando pra soltar um foguete de fora – Fernando Prass espalmou a escanteio. Na cobrança, a bola foi afastada e Fabio Santos lançou de novo na área, de muito longe – Prass borboletou e Rafael Moura ficou com o gol aberto, mas ajeitou com o braço. O juiz apitou tão rápido que jamais saberemos se ele marcou perigo de gol ou se realmente viu a irregularidade.

Aos 32, Cuca tentou uma substituição mística: mandou Erik a campo, no lugar de Willian. É verdade que o camisa 29 não fazia um bom jogo, mas ao menos estava sempre dentro da área incomodando a defesa mineira. Erik entrou com muita vontade, mas tudo o que fez foi meter correria, desconectado do resto do time. O que deveria ser uma pressão violenta do Palmeiras no final virou um jogo morno – e quem chegou mais perto do gol foram os visitantes.

Aos 34, Maicossuel puxou contra-ataque, abriu para Otero que cruzou – a bola desviou em Edu Dracena e quase matou Fernando Prass. Nosso goleiro nos salvou de novo aos 42, depois de ótima tabela entre Valdivia e Maicossuel, que bateu cruzado e obrigou Prass a dar um tapa de gato na bola, mandando a escanteio.

A última chance do jogo foi aos 43, numa tabela entre Guerra e Borja na frente da área; o colombiano viu Tchê Tchê chegando de trás e rolou para a batida, que saiu fraca, à direita de Victor, o grande responsável pelo zero a zero no placar.

FIM DE JOGO

Apesar da falta de gols, vimos um bom jogo no Allianz Parque. O Atlético respeitou demais o Palmeiras; mesmo sem nenhuma vitória no campeonato, considerou o empate um bom resultado o tempo todo e conseguiu o resultado com catimba e experiência. O Verdão melhorou um pouco em relação às partidas anteriores e teve momentos muito interessantes na partida, mas ainda falta manter o ritmo com consistência até chegar ao gol. Cuca estava indo bem até a última mexida, quando praticamente inutilizou nossos últimos minutos e matou a pressão deveria ser mais forte ainda.

Alguns atletas aproveitaram a chance que receberam; outros, nem tanto. O Brasileirão vai ficando um objetivo cada vez mais difícil de ser conquistado se o time não engatar uma sequência realmente boa nas próximas partidas. De qualquer forma, a torcida tem que se manter junto ao time e dar apoio, porque estamos fortes nas copas e o Brasileiro não pode se tornar um fator de pressão. VAMOS PALMEIRAS!

Ficha Técnica

Atlético

Victor
Alex Silva
Felipe Santana
Gabriel
Fábio Santos
Rafael Carioca
Yago
Otero
Maicossuel
Cazares
Robinho
Valdivia
Fred
Rafael Moura
Roger Machado
TÉCNICO

Notas


Jogador
Descrição
Nota
Fernando Prass
Uma borboletada inacreditável que só não rendeu uma derrota porque Rafael Moura (e/ou o juiz) quebrou nosso galho; mas pegou duas bolas realmente boas.
7.5
Mayke
Em sua segunda partida como titular, parece já bem mais ambientado, com boa performance defensiva.
6.5
Mina
Já começam a faltar adjetivos para o que esse rapaz vem fazendo em campo. Que puta jogador!
8.5
Edu Dracena
Bem no duelo com Fred, foi lá na frente e ainda sofreu um pênalti.
7
Egídio
Fez uma jogada sensacional no segundo tempo, para equilibrar com o monte de escolhas erradas que não consegue evitar.
5.5
Thiago Santos
Agarrou a chance na unha. Felipe Melo deve ter coçado a careca no banco.
8.5
Tchê Tchê
Partida correta; deu equilíbrio ao meio-campo tanto na marcação quanto na construção de jogadas.
6
Roger Guedes
Partida irritante, errou batidas simples na bola por tentar inventar demais.
4
Borja
Continua com problemas de encaixe com o resto do time. No lance em que tentou resolver sozinho, passou perto de marcar um dos gols mais bonitos do Allianz Parque.
6
Guerra
Lúcido e habilidoso, parece bem sólido no time.
8.5
Keno
Combinando velocidade com habilidade, infernizou o lado direito da defesa do Atlético.
8
Michel Bastos
Entrou forte e criou boas jogadas, mas logo caiu de produção. Muito individualista.
6
Willian
Apesar do pênalti perdido e da baixa produtividade com a bola nos pés, estava sempre bem posicionado e preocupando a defesa do Atlético.
4.5
Erik
Correu, correu, correu... e deve estar correndo ainda.
5
Cuca
Cuca
Segue buscando a melhor adaptação do elenco ao sistema de jogo, conseguiu alguma evolução contra um adversário forte, mas matou a chance de vitória quando mandou Erik a campo no lugar de Willian.
5.5





  • Gosto muito do sistema 4-4-2;;; quem sou eu pra sugerir, mas.. gostaria de ver o time assim :-
    Prass, Jean, Mina, Dracena, Zé Roberto; Thiago Santos, Felipe Melo, Dudu, Guerra; Willian e Borja.
    Dessa forma teríamos maior cobertura na esquerda do Zé Roberto, um meio campo forte na marcação e dois meias que chegam com facilidade no gol e acredito eu, muitas e muitas bolas pro nosso Centroavante começar a decolar.

  • Sinceramente pra mim já deu de Roger Guedes, jogador de segundo tempo.
    William pode muito bem fazer a ponta direita.
    Não é fácil substituir o craque Gabriel Jesus (mobilidade e faro de gol acima da média), então ou o time joga em função do Borja ou ele não ira render! Borja não tem a mobilidade e habilidade de Jesus.
    (pra exemplificar o que estou falando é só ver o que o Barrios vem fazendo no Grêmio)
    Precisamos URGENTE de mais um meia experiente para quando Guerra não jogar (enquanto Moisés não está a disposição)
    Salvo os erros da arbitragem que nos prejudicaram, achei o time muito fraco ontem.
    Completamente perdido e amedrontado.

    É isso, precisamos melhorar e muito!

  • Vejo muita gente falando sobre FM x TS.

    Eu tava olhando no Footstats, comparei os dois na libertadores, onde cara um tem 4 jogos.

    Fica bem evidente que o TS é mais marcador (14 desarmes contra 10 do FM) e o FM é mais técnico (tem aproveitamento de 90% dos passes contra 75,5% do TS) e o aproveitamento dos lançamentos são parecidos, mas o FM é melhor nesse quesito tbm.

    Perda da posse de bola dos dois é igual, 4 cada um, cada um tem dois amarelos, TS fez 7 faltas, FM fez 6.

    Como o Moisés pode ser considerado um volante com habilidade e não tanto marcador, acho que o FM seria o mais próximo das suas características.

    Acho que se o TS melhorar o fundamento do passe, vai se tornar um volante completo e se tornar o titular!

    Então eu penso assim com uma zaga sólida, a escolha é o FM, com uma zaga que tem nos dado sustos, talvez seja melhor o TS, mas vamos perder bastante na saída de bola, então alguém tem que vir buscar a bola pra ela chegar redonda no ataque.

    • No presente momento de absoluta instabilidade tática e principalmente baixíssimo rendimento técnico da maioria de nossos jogadores, não optaria entre um e outro e sim colocaria os dois juntos, sacrificando o TchêTchê, ou até usando-o na lateral. nosso 8 tá numa rotação muito baixa atualmente pra se garantir na meiúca. Como Jean também tá incrivelmente fraco, Mayke ainda é uma incógnita e Fabiano é mais tática do que técnica, seria talvez a solução enquanto não estabilizar a parte tática da equipe.
      Com ambos como dupla de volante daria mais solidez e respiro pra zaga, e ainda deixaria o Guerra mais livre pra ajudar o Borja a marcar a saída do adversário.

      • Uma excelente ideia.

        Prass, Jean, Mina, Edu, MB, TS, FM, Guerra, Dudu, Keno e Borja.

        MB e Jean podem subir mais, por ter dois volantes, quando o lateral não subir, FM pode apoiar o ataque, Guerra fzndo a ligação enqto Dudu e Keno com muita movimentação, já o Borja mais centralizado, mais dentro da área.

        Uma escalação conservadora, mas que pode nos dar tempo pra estabilizar o time, depois que a coisa estiver redondinha, começa a inventar.

  • 1 – Jean no meio é uma piada, não precisamos disso…pelo amor de Deus, quase tive uma síncope nervosa!
    2 – O Felipe Melo atrapalha nosso meio de campo. A “cadência” que ele dá ao jogo não combina com o estilo de jogo do Palmeiras. O Tchê-Tchê nunca consegue jogar bem com ele do lado.
    3 – Se o Cuca for coerente, como foi com o Willian Bigode / Borja, colocando para jogar quem está em melhor fase, fará o mesmo com Thiago Santos / Felipe Mello, não é possível que não esteja vendo isso!!
    4 – De novo…até Mister Magoo já viu que é só acelerar o jogo para o lado do Zé Roberto que alguma coisa sai. De novo tomamos gols pelo lado dele. Passou da hora de colocar o Michel Bastos por ali.

    • Até Mister Magoo foi hilário.

      Mas é verdade, só um cego não consegue ver este grave problema do lado esquerdo…

  • Palmeiras não jogou nada de novo, esperávamos tdos uma postura diferente depois do vergonhoso jogo contra os bambis, so que mais uma vez jogou mal de mais, assistiu o inter jogar, nossa sorte é q o Inter por mais q tenha jogado bem melhor ainda é bem limitado, e não conseguiu manter o ritmo pra matar o jogo, mas é mata mata e o q vale é classificação e aquele golzinho chorado salvou o time numa noite péssima.

  • Olha o que precisa ser repensado urgentemente e o Ze Roberto, onde novamente 2 gols nas costa da avenida a esquerda. Essa gratidão que o Palmeiras tem com ex atletas pode tirar pela luta por títulos.
    Isso ja aconteceu em campinas esse ano.

  • Sempre leio quase todos os comentários, mas primeira vez que to comentando. Juro que nunca entendi o Fabiano ser titular. Ele é grosso não tem o fundamento básico pra um lateral, o cruzamento. Erra todos. E todas as jogadas qdo a bola chega nele, acabam. Jean tem q ser titular na LD e não ir pro meio, ja que temos no banco pelo menos 3 boas opções de ofício. Outra coisa, gosto do Zé Roberto, mas o Michel Bastos jogando vendado é mil anos luz melhor que o Zé Roberto. Sem contar que o MB entrando de titular na LE, caso necessite no meio do jogo de uma alteração tática, dá pra sacar um meia pelo Zé Roberto, que entrando descansado não corre tanto risco, e deixar ele na LE deslocando o MB na criação ofensiva, que inclusive é um dos únicos jogadores do Palmeiras que arrisca e bem, chutes de fora da área. Mais uma em relação à ontem. Time qdo improvisa é pq tem elenco pequeno. O Palmeiras jamais deveria improvisar com o tanto de jogadores de qualidade que tem, e colocar FM na zaga na minha opinião é meio imcompreensivel, e na pior das hipóteses já que improvisou eu teria colocado o TS na zaga e não o FM, que tem saida de bola bem melhor. Enfim. Alguém discorda?

      • O FM tem feito bons passes e bons lançamentos, ele é um grau a mais de qualidade ao nosso time. O problema é que não sabemos o que queremos dele. Hora marca pressão, hora zona, hora terceiro zagueiro, ao meu ver pela sua qualidade e determinação estamos sacrificando um dos nossos melhores soldados.

        • ainda vou discordar de vc sobre o FM: tem qualidade no passe, mas acho muito lento, não está conseguindo se encaixar no time, desde a época do EB, e tb acho que o time não deve mudar de esquema por causa dele. Vejo a contribuição dele ao time sendo muito pequena. Resumindo, o meio campo de 2016 era bem superior ao de 2017

    • Concordo quanto o Michel Bastos, deveria ser titular neste time.

      Quanto ao Felipe Melo, é um grande jogador, acostumado a jogar por zona e sem o vigor físico que tinha a alguns anos atrás. Por este motivo, a ideia do Cuca de tentar aproveitá-lo em uma linha de três como líbero, ficando na sobra e fazendo a saída de bola do time…

  • Pra mim no esquema 4-3-3: Prass; Jean(Mike); Mina; Juninho(AC); MB(Zé); TS; FM(2Tchê); Guerra(Hyoran); Dudu(Veiga); William(RG) e Borja.
    Já no esquema 3-5-2: Prass; Mina(Fabiano); Antonio Carlos(Edu) e Juninho; Guerra(Hyoran); MB(Veiga); TS; FM(Jean) e 2Tchê; William(Dudu) e Borja.

  • Cada um tem sua opinião, esse é o barato do futebol. Vou expor a minha…

    Felipe Mello: zagueiro ou banco, mais para banco, lento demais e produtivo de menos. Tem hora que me lembra o Marcio Araujo, pois 90% dos passes é para o lado ou para trás. Quando está em campo ficamos com 3 zagueiros e com 1 a menos no meio campo, mata o Tche Tche. É muito legal ver as entrevistas dele, mas foi contratado a peso de ouro para jogar, está devendo muito.

    Zé Roberto: já fez muito, mas não tem condição de continuar como titular, principalmente com Dracena e Felipe Melo. É muito jogador veterano junto na mesma área do campo. Mesmo sendo ruim de marcação, prefiro o Egidio.

    Eu voltaria o Jean para a lateral. Na ausência do Guerra, e agora do Dudu, insistiria como o Veiga ou até Hiorran.

    • corrigindo, na lateral esquerda acho melhor o Michel Bastos.

      Na meia, tb tem a opção do Michel Bastos. Neste caso, aí assim colocaria o Egidio lateral

  • Os comentários dos ultimos tres jogos do Palmeiras, salvo exceções, parecem apontar para:
    1. Nao se pode colocar o segundo time em nenhuma competição. Se for pra rodar serao dois ou tres reservas
    2. Fernando Prass é o goleiro preferido e sua defesa é formada por Jean, Mina, um zagueiro canhoto ( Juninho) e Michel​ Bastos. Tanto o Dracena quanto o Ze Roberto compõem bem o grupo e podem jogar mas no sao mais titulares
    3. Felipe Mello joga junto com Tche Tche e Thiago Santos é o reserva imediato. Embora muitos parecem até preferir Thiago Santos que Felipe Mello
    4. Meia é o Guerra e quando nao joga entra outro meia (Dudu improvisado ou Veiga).
    5 O ataque preferido é William e Borja com Roger Guedes entrando só durante a partida a semelhança de Keno.
    6. As subidas de Mina e as variações de escalação de Jean e Guedes nao parecem estar agradando a maioria.
    7. Tem muita gente achando que alguns titulares, cujo exemplo mais gritantes sao Jean e Dudu, tem que ser substituidos mais vezes e não sao intocáveis.
    Essa é a sintese dos comentários. Embora eu discorde de alguma coisa é isso que ando lendo aqui.

  • jogo de ontem era só deixar:
    Jean na lateral, Tiago Santos junto com Felipe Melo, TT no meio com o Dudu (falso ponta), William e Roger G

  • O futebol do Verdão precisa melhorar muito pra se tornar aceitável… Se Borja não se tornar, urgente, titular ao lado de William, os goleiros adversários continuarão assistindo nossos jogos…

  • Até quando Cuca vai ficar inventando? Escalou mal e mexeu pior ainda… Não é porque o T. Santos que entrou, jogou bem e até fez gol que foi uma boa substituição. Foi péssima.
    Transformar o Mina em atacante não é genialidade, é desespero!
    A insistência em Jean no meio e William de centroavante irrita. Além de queimar o Borja.
    Pior que isso só ver que Jean e Tchê² jogam mal o tempo todo e nunca são substituídos.
    E quando você tem um zagueiro no banco, que sempre que entrou jogou bem e prefere optar por improvisar um volante na zaga? E quando você tem dois bons jovens meias no banco e prefere jogar com 3 volantes e abdicar do meio campo e passar a viver de chutões e lançamentos longos pra atacantes baixinhos? Que motivação jogadores como Antônio Carlos, Veiga e Hyoran podem ter sabendo que o treinador prefere improvisar jogadores do que colocar eles?
    Mina é um craque sem dúvidas, mas já disse outro dia, ele está inventando toda hora de querer dar passes em profundidade e lançamentos difíceis. Sem falar que às vezes baixa o Lúcio nele e ele se manda pro ataque que nem louco… Talvez seja desespero por ver que o time não cria nada e ele quer resolver.
    Zé Roberto indo pro ataque vai a 100 por hora, mas pra voltar…
    Keno foi um dos melhores em campo, mas a mexida poderia ser diferente. Talvez com Veiga ou M. Bastos pra tentar ajudar a armar o time.
    Nota 0 pro Cuca mais uma vez. Passou da hora de fazer o básico e parar de inventar…
    Começamos o ano empolgados e achando que brigaríamos por todos os títulos, hoje já não temos mais tanta certeza assim…

  • O péssimo FM acaba com o meio de campo do Palmeiras. Todo jogo é a mesma coisa e todo pós-jogo é a mesma nota, vai entender…
    Jogadores são eleitos como craques, ousados e coisas do gênero e parece que nem precisam jogar bola.
    Assim como o Arouca já foi intocável, hoje são Jean, FM, Prass e Dudu. Abram o olho para esse tipo de craque.
    O Cuca tem que começar a dar o colete desde o goleiro até o atacante, mas considerando quem irá ajudar de verdade e não pelo nome.

  • O Palmeiras era favorito a tudo em janeiro, no papel. Já não é mais. Tem outros jogando muito melhor. Mas antes que o Conras me chame de bipolar, não acho que o time é horrível e que está tudo perdido não, temos, sim, ótimo elenco e comissão técnica, e podemos ganhar algo este ano.

  • Melhor em campo: Felipe Melo! Lúcido, técnico e focado!
    Pior em campo: Dracena, iria entregar a rapadura a qualquer instante. Que faaaase.

    Só o Cuca não percebe que o Bigode não rende como centro avante? Como homem de referência, mais eficiente o Borja. E, por outro lado, pelas beiradas o Willam participa mais e ainda faz gols. Cuca tá desperdiçando dois talentos de uma tacada só.

    Será que a insistência em colocar o colombiano no banco e o Bigode na frente é para pressionar a diretoria a trazer outro nove? Se liga, Cuca, Borja tem potencial pra ser o cara, eu acredito.

    Fora o jogo ruim, o Palmeiras foi prejudicado com dois penais não marcados, sacanagem. Ainda bem que a vaga veio.

  • 3 jogos, 3 derrotas. Time mal escalado, mal motivado. Passamos de fase com 2 gol contra.
    Até a vitória contra o Tucuman foi meio falsa. Esse oba oba tem que acabar.
    Concordo com os amigos nos outros comentários, FM deixa o time lento, não possui desenvoltura pra dar grandes arrancadas e dar novas opções para o ataque. Infelizmente perdemos Moisés o ano inteiro, ele fará muito falta, uma vez que Tchê Tchê não consegue jogar sem ele.
    Cuca, mais uma vez, decepcionou demais, e mandou um recado que está perdido, uma vez que colocou o Borja em uma enrrascada. “Não confio em você, te deixo no banco, mas entra lá e decide pra gente” patético.
    Temos muito que melhorar. Eduardo, por muito menos, foi execrado.

    • Tava indo mais ou menos bem até invocar o EB. Por favor né? Cuca tá chegando agora, classificou o time nos dois torneios, o EB não fez absolutamente nada, a não ser perder o Paulista de forma patética e desfazer todo o trabalho do ano passado. Palmeiras pagou um cara pra fazer bagunça…

  • Bom, acho que infelizmente ainda não temos um time, nossas opões embora muito boas tecnicamente, são muitas de características bem diferentes, por isso não tem como jogar do mesmo jeito, Cuca já identificou isso e esta testando, que é o que tem que ser feito mesmo, o problema é que agora já estamos num momento importante da temporada, mas fazer o que, se não fizer isso não terá a evolução necessária. Nesse momento é contar c/ a sorte e exigir no mínimo vontade desses atletas, que em muitos tem faltado nos jogos. Primeiro de tudo, ontem por exemplo acho que ele por ter que testar escalou mal, não tinha ninguém pra criar (3 volantes), e outra coisa, me desculpe mas é muito jogador s/ brio que ta jogando (RG, TT, Jean, Dudu), nosso time não ganha uma dividida, se igualarmos na pegada dos adversários, não perdemos pra ninguém no Brasil, o problema é que quase nunca fazemos isso e aí como taticamente estamos muito abaixo ainda, todo jogo é complicado. Acredito muito no Cuca, nosso time vai dar liga, só espero que isso acontece antes que seja tarde.
    Agora algumas coisas são certas na minha visão nesse momento: ZR na lateral não dá mais (ponto mais vulnerável do time), Willian titular mas junto c/ outro centroavante (de costas mata ele), TT ou acorda ou banco urgente, Dracena nesse momento banco tb (muito lento e passa um mal momento), Dudu tb está muito mal (embora é um ótimo jogador ta merecendo banco tb), Jean é outro que se tiver uma opção pra testar tem que esperar um pouco tb, RG é jogador de 2 tempo (muito mole quando jogo é pegado e individualista) e o TS hj tem que ser titular, pois é o único jogador que rouba bola no meio campo (tem que arrumar lugar pra ele). Enfim eu testaria um time bem diferente, jogadores nós temos pra montar um timaço agora é aguardar e confiar no Cuca….ACORDA VERDÃO!!!!

  • Tenho a sensação que o todo o grande futebol do Tchê² ano passado se deve ao Moisés, o grande craque do time no BR16.

    Vamos sofrer se o Moisés não voltar bem.

  • Acho o FM um bom jogador, bom passe, boa visão de jogo, mas a entrada dele é, na minha opinião, nosso principal problema esse ano. Ele tem uma característica q não se encaixa no nosso modo de jogar, se movimenta pouco (tanto defendendo, qto atacando) e cadencia demais o jogo. Aquele meio-campo dinâmico, com Moisés e Tchê Tchê despareceu, o q tem tido efeitos imediatos sobre o futebol do Tchê. O problema é q o cara foi uma das principais contratações do ano e é o xerifão do time. Muito do encaixe do time passa por ajustar a posição do FM.

    • O problema do TchêTchê não é o Melo ou a falta do Moisés, é que ele meteu na cabeça que quer ser craque e não mais carregador de piano.

      Ele NÃO É CRAQUE!!!

      Se destaca muito sendo carregador de piano. Aí é um dos melhores e mais úteis jogadores que existe!!! Ou ele esquece essa história de ser craque e volta a se multiplicar dentro de campo, ou deixa o Thiago Santos ser o carregador de piano e existe o jogo do banco.

      • Não me parece q o problema do Tchê Tchê seja máscara. O posicionamento dele mudou com a entrada do FM, mais até do q isso, a função dele mudou. Com certeza não é craque, aliás não temos nenhum craque no time, temos bons jogadores para determinadas funções, se o cara é escalado pra fazer uma função diferente, o futebol dele despenca. O Borja é outro bom exemplo, não sei quem foi o gênio q achou q ele seria o substituto do GJ, as características são completamente diferentes. O Borja é pra disputar bola com zagueiro na explosão e finalizar. Se não jogar assim, não rende.

        • Temos SIM um CRAQUE com todas as letras maiúsculas.

          Se chama Yerry MINA!!!

          Os outros jogadores do elenco são todos bons jogadores, não existe nenhum medíocre no meio.

          E não disse que ele está mascarado, apenas que ele está tentando ser o que não é!! Não é por falta de tentar, é por falta de se contentar!!

          Ele, quando não está se esforçando pra ser ‘jogador acima da média’ quando concentra seus esforços em ocupar todos os espaços do campo, se destaca fácil; independente do esquema, ou de quem esteja ao seu lado.

          • Realmente Rafael, concordo com você. Yerry Mina é o nosso único craque…

          • O Mina é fera mesmo, porém só não aprovo a subida dele toda hora no ataque em jogadas de bola rolando, isso demonstra um desespero e/ou falta de comando da comissão técnica, toda hora ele quer subir para o ataque! Depois volta que nem um louco pra cobrir a zaga em contra ataque, precisamos tomar cuidado com isso!

          • Concordo ele tem que subir apenas esporadicamente aparecendo como elemento surpresa, ou no fim do jogo pra fazer o abafa em casos de desespero. Se ele avança frequentemente, deixa de ser ‘surpresa’…

    • Sabe que tb tenho tido a mesma impressão, ele deixa nosso time muito lento no meio de campo e não tem mais vigor físico p/ ir atrás de roubar a bola, como faz o TS, mas não é só ele, a diferença de ter o GJ e o Borja na frente, não só pela diferença técnica, mas principalmente pela maneira de jogar tb muda muita coisa, nosso ataque hj não pressiona saída de bola como ano passado, logo o adversário sai c/ a bola c/ muita tranquilidade e sobrecarrega meio campo e defesa, enfim o Cuca vai ter que achar taticamente um forma de esse monte de bons jogadores, formarem um time bom e consistente, porém infelizmente isso leva tempo, mas VAMO Q VAMO….

    • Seguindo a sua lógica, Tchê Tchê deveria render quando Felipe não atuou ou quando atuou de zagueiro, o que, claramente, não vem ocorrendo. O problema do time é desorganização, apenas. Não é má vontade, não é esquema, não é jogador x. Se for por jogador, nem Mina ta rendendo defensivamente, e a culpa é do Felipe? É o quinto jogo do Cuca e com o tempo o time vai se organizando e cada um subindo de rendimento. Felipe Melo é com sobras o melhor volante no Brasil atualmente. Colocá-lo no banco pq o “estilo de jogo” não casa me parece loucura. Existem milhares de maneiras pra esse time render, mas isso requer tempo. Cuca não é o messias, milagreiro, e nem com Moisés esse time ficaria jogando como no ano passado em 5 jogos.

      • Companheiro, “a minha lógica” vai muito além da presença do jogador A ou B, tem a ver com a forma do time jogar, de acordo com as características dos jogadores q são escalados. Já disse e repito, o FM é um bom jogador, mas o estilo dele é de volante setorizado, ele não corre atras do meia (ou meias) adversário como o TS, por exemplo. Isso implica numa mudança de função e posicionamento de todo o meio-campo, tanto no que diz respeito a marcação no meio, a cobertura das laterais, qto no apoio. É uma forma completamente diferente de jogar da do ano passado. É verdade q mesmo q o Moises volte nao vamos atuar q nem o ano passado, pois não temos um atacante com as características do GJ, o atacante contratado (Borja) joga de forma completamente diferente. Esse é o dilema do Cuca, ou muda completamente o estilo de jogo com relação ao ano passado, ou tenta adaptar essas contratações ao estilo de jogo q ele quer.

        • O time no Botafogo jogava de uma forma, o Atlético jogava de outra, Palmeiras no ano passado jogava de outra e esse também deve ser diferente. O elenco é diferente, ñ há porquê jogar como no ano passado. Diferente do ano passado que era agressiva e veloz, essa equipe tende a ser mais controladora. Felipe Melo marcou de forma zonal por década na europa, enquanto Thiago Santos marca individualmente desde que estreou como profissional, é normal que o segundo se encaixe mais no estilo do ano passado, porém, perdemos em muitos outros quesitos. Moisés tem uma característica bastante peculiar, é forte no combate e possui qualidade em passes longos, mas fazer o quê? Esperar ele voltar de uma contusão séria? Me parece muito claro que Cuca terá que mudar a forma de jogar. O 3-4-1-2, demonstrando no sábado, mostrou como essa equipe pode ser controladora e mais “plástica”. O problema ficou mo último terço do campo, muito por causa de algumas escolhas equivocadas, como ausência de Borja.

          • Mas é isso, o Cuca vai ter q decidir (rapidamente), qual o melhor esquema para esse novo elenco, o problema é q consertar o avião em pleno vôo é foda! Fiquei mais tranquilo com a entrevista do pós-jogo de ontem, qdo ele assumiu os problemas, antes aquela conversa de “tudo bem, é normal”, tava me preocupando.

  • Bom , nao jogamos nada e ja sao tres derrotas , na minha opiniao Cuca esta mexendo demais no time , pq nao manteve a escalacao do jogo contra o Vasco ou pelo menos os jogadores na mesma posicao ??? Pelo brasileiro contra o Galo temos q vencer ou vamos ficar para tras…

  • Eu avisei que vinha invenção do Cuca e veio mesmo.

    Na boa, Jean é na LD, Fabiano não dá! O cara fez 4 cruzamentos, errou 3, errou os 5 lançamentos que tentou.. teve um que foi patético, tinha um jogador no meio campo e ele mandou na linha de fundo..

    O cara é limitado, não tem condições normais de jogo, quer outro volante leve enquanto o Moisés não volta? Puxa o ZR pro meio e deixa o MB na LE e Jean na lateral direita! Lembrando que, ao contrário de Fabiano na LD, MB fez boa partida na LE.

    Nossa fragilidade maior sempre foi na LE, então melhor inventar nela, do que causar um problema que não existia.

    Edu tava uma bosta mesmo, tinha levado cartão, mas improvisar outro volante no lugar do zagueiro, é só invencionice e não deu certo não, passamos vários apertos, expôs demais o time e matou uma substituição.

    Mina de centroavante foi desespero, só isso.. Borja tinha que sair de dentro da área (onde teoricamente ele é bom) pq não tinha espaço pros dois, parecia pelada..

    Passamos, estamos nas quartas de finais, isso que importa, Cuca tem tempo, capacidade, tem elenco e a empatia da torcida e vai ajeitar o time..

    • cara nao achei o fabiano tao mal…lembre-se que para ele apoiar precisa ter opções proximas, e ontem as opcoes dele eram jean e guedes…dificil hein? nem o carlos alberto torres faria algo ali… o que mais me irritou foi ver os 2 “meias” tche tche e jean, receber a bola, ciscar, e devolver a bola pro mina ou pro prass rifar…os 2 eram para ser o motor do time, e se esconderam

      • Então eu já achei que o Guedes não tava tão mal.. até fez o gol (que foi legal, tava na mesma linha).

        Os números que eu coloquei ali são reais, Fabiano errou mesmo, não sei em que Jean ou Guedes poderiam ajudar ele pra acertar os cruzamentos ou os lançamentos, então pra mim ele é fraco em fundamentos, se joga bem na zaga, que vá pra lá, pq essa não está nada bem tbm.

        O TcheTche era irritante ver ele perder a bola e sair caminhando!

        A real é que o time inteiro jogou mal, acho que o Prass se salvou nessa, jogo chato e irritante.. Jogar contra um time superior e se classificar dessa forma é uma coisa, não foi o caso desse jogo.

        Abçs

  • Tava com um arsenal de reclamações para postar aqui no pós-jogo, mas a entrevista do Cuca no final amenizou um pouco a ira. Dessa vez não teve tudo bem, tudo normal, Cuca botou o dedo na ferida, chegando inclusive a dizer q o time atual é inferior ao do ano passado apesar do elenco ser melhor. De qq forma, algumas cornetadas são inevitáveis, o ZR não dá mais para ser lateral, todo mundo joga nas costas dele (os dois gol do Inter foram nas costas dele). Outra coisa, o MB tem vaga nesse time mole, mole, ainda mais com as ausências de Guerra e Dudu. Ainda bem q a Liberta esse ano está mais espaçada, da tempo de corrigir o time.

  • Algumas considerações:

    Jogamos com muito mais segurança e melhor contra o SPFC do que contra o Inter.

    Com os laterais que estão no Palmeiras, temos que jogar no 3-5-2.

    Temos que jogar com dois volantes (Thiago Santos e Felipe Melo)

    Borja jogou muito bem. Pela primeira vez vi ele correndo e se dedicando. Não foi indolente como nos jogos anteriores…

        • Sim, verdade. Normalmente são eles mesmo que destoam do resto que tá uma merda. A melhor opção eu li em algum lugar aqui nesse post, que seria Borja centroavante e Bigode atrás, como segundo atacante.

          • Isso é verdade. Afinal, o Borja pode até estar em má fase, mas quando disputa jogadas, abre espaço e/ou sobra alguma bola pro Bigode. Guardadas as devidas proporções, isso aconteceu algumas vezes com Barrios e Jesus.

  • Cuca está chegando agora.

    Está analisando todas as possibilidades do elenco.

    Ao menos não tomamos nenhuma goleada, como no ano passado.

    Nosso erro é achar que o time é o mesmo do Cuca do ano passado.

    Confio no trabalho desse técnico.

  • Essa lesão do Dudu vai nos ajudar muito, eu acho.
    Ele já estava precisando sair do time titular, só isso para tirá-lo.

    Agora é a hora de dar pensar diferente, refletir POR QUE A BOLA NÃO CHEGA REDONDA NA FRENTE.

    Eu arriscaria um 4-4-2 com Prass, Jean, Mina, Edu, Egídio, TSantos, Melo/Tche, Guerra, Veiga, Borja e Willian.

    • Concordo, pois Dudu nesse momento tá mal demais, só trocaria o Egidio pelo Michel Bastos, Egidio é fraco demais e na zaga eu testaria o Juninho no lugar do Dracena, mas acho que o time do Palmeiras tem que ser mais ou menos assim tb.

  • Acho engraçado que, contra o Palmeiras, os adversários sempre fazem a melhor partida da temporada.

    Mas ontem nós contribuímos para isso.

    Não gostei da escalação do Cuca, mas ela não funcionou porque o Tche2 e o Jean ficaram perdidos em campo. Dudú não acerta nada faz uns 4 jogos, Edu Dracena fez a pior partida dele desde que chegou ao Palmeiras e o ZR não consegue mais acompanhar o jogo como lateral na defesa.

    Aí não tem esquema de jogo que tenha sucesso.

    Essas duas últimas derrotas (principalmente) deixaram bem claro para o Cuca certas deficiências do time que precisam ser corrigidas.

    Duro dizer, mas acho que a saída do Dudú, hoje, será benéfica para o time.

    Eu sei que o Cuca sabe de tudo isso. Confio no trabalho dele, mas minha opinião é:

    1. com esse elenco, a melhor solução é Borja de centroavante e Wilian, não pelo lado, mas como 2o atacante.

    2. hora de se pensar em MB na esquerda, junto com o Keno ou RVeiga.

    3. hora de TS no lugar do Tche2.

    4. hora de se entrosar melhor o Juninho na vaga do Dracena.

    5. Jean deve ir para a lateral ou entrar no decorrer dos jogos.

    E desse time criar vergonha na cara e jogar bola.

  • Pior coisa que podia acontecer foi o Zé Roberto fazer aquele golaço na Libertadores. Deu mais um gordura para ele ficar de titular.

    Me parece que ele só quer quebrar recordes esse ano (jogador mais velho a fazer algum feito) e o nosso time aceita isso.
    Vou repetir o que venho dizendo desde o final do ano passado: Continuar com o Zé de titular é jogar a temporada inteira no lixo – tudo isso para fazer o cara quebrar uns recordes.

  • Na minha opinião temos 3 problemas pontuais :
    1 estamos jogando sem meio campo organizador, jean sem chance no meio ( moises ta fazendo falta) contratamos 72 meio de campo e cuca não poe ninguém pra jogar.
    2 sem meio de campo nossa organização fica ruim, fica igual futebol de varzea, bola da zaga direto para ataque, e isso acaba queimando nossos atacantes é impossível o borja, bigode, guedes, Dudu, enfim quem estiver nesse ultimo terço de campo jogar bem, a bola vem sempre de longe forte picando ou alta, não chega uma bola redonda pra eles, precisamos de um meia organizador.
    3 zé roberto e edu dracena não tem mais 20 anos e os dois estando ainda do mesmo lado é logico que a equipe adversária vai forçar os ataques nesse local queimando os dois, ou troca o edu de lado com mina ou substitui pelo menos um deles.

  • Hoje, nenhuma equipe no Brasil joga um futebol tão feio e desastroso igual ao Palmeiras. O goleiro do Inter não fez UMA defesa. Por sorte a única chance que ele teria de sair numa foto a bola entrou e o Palmeiras se classificou. Tomamos dois gols por jogo e se quer conseguimos dar um chute ao gol, ou seja, essa campanha é digna de rebaixamento. Acredite, meus amigos, o atual campeão brasileiro está indo do sonho de conquistar um Mundial a ser rebaixado. Tem coisas que só acontece no Palmeiras….

    • Infelizmente é verdade! Há muitas opções para escalar a equipe hoje! Talvez certos “medalhões” não estão em uma boa fase; Mudança já!

  • Jean NÃO pode jogar no meio campo, se o Cuca esta testando ele pra jogar no lugar do Felipe Melo na Libertadores ja deve ter visto que o cara não consegue. Zé Roberto também não pode jogar mais na lateral, ontem foram dois gols nas costas dele.
    Outra coisa que não entendo é o motivo de ter trazido o Michel Bastos, o Rafael Veiga e de ter subido o Vitinho, eles nunca têm oportunidade. Jogamos com 3 volantes, desse jeito o Tche Tche também não vai render.
    Espero que o Cuca consiga arrumar o time e não se apoie na muleta de que o time esta mais fraco que o do ano passado, pq apesar disso ainda é o mais forte do Brasil.

  • Ta dificil esses jogos as 21h45 com essa emoçao…ontem para dormir foi a base de sedativo, depois de
    uma sessão de desfibrilador.

    Olha, há uns meses eu falei algo aqui e me apedrejaram…ontem o próprio cuca falou exatamente o que eu disse: “o time desse ano é pior do que o do ano passado”… podemos ter elenco mais qualificado, mas os 11 são piores. Tem que parar com esse negócio de mehor time to brasil, “ferrari” e o escambau.
    O time titular é um bom time, mas nada que destoe dos outros candidatos a título.

    O problema é que muitos jogadores estão atravessando uma fase técnica horrível: Dracena, Zé Roberto, Tche Tche, Roger Guedes e Jean (esse último eu já começo a crer que ele joga isso aí mesmo, e estava numa fase inspirada, um lapso, qdo trouxemos ele). Não tem time no Brasil que se vc pegar metade do time e colocar numa fase ruim, vai ganhar algo… Pelo menos acho que agora os 80% dos torcedores que conseguiram a demissão do EB já perecebeu q o problema não era só o técnico.

    O que fazer: Primeiro parar de cornetar, maior folha de pagamento não quer dizer melhor futebol. Pode ser que sim, pode ser que não… não é com ofensas no campo e na internet que isso vai melhorar. Segundo: Treinar amigo…agora teremos uma folga de mata-mata e a tensão vai dar uma trela, vi um colega abaixo ai sugerindo uma ida a Atibaia e eu concordo 100%. Terceiro: Cuidar do ambiente…ano passado com o Nobre o grupo me parecia em harmonia, hoje está diferente…não gosto de falar desse assunto pq não vivo o dia a dia do clube, mas é bom ficar de olho.

    E por fim, se não ganhar nada, PACIENCIA. Futebol é para ser um prazer, não para descontar suas frustações da vida exigindo e obrigando profissionais a fazer o que vc quer, com a sua escalaçao… sejamos mais adultos pelamor.

    Sempre com responsabilidade kkkk
    avanti!!

    • “O problema é que muitos jogadores estão atravessando uma fase técnica horrível: Dracena, Zé Roberto, Tche Tche, Roger Guedes e Jean (esse último eu já começo a crer que ele joga isso aí mesmo, e estava numa fase inspirada, um lapso, qdo trouxemos ele)”

      Para mim o Roger Guedes é outro que desconfio que teve uma fase inspirada e é isso aí. Como diz um amigo meu: “Jogador ruim que teve uma fase boa”

      Zé Roberto tem que aposentar.

  • Meu ponto de vista sobre o jogo e alguns jogadores:
    1 – Raça e vontade foi só na segunda metade do 2o tempo…porque no começo tava um sono da p., não sei como conseguem entrar dormindo assim…talvez seja um ar de superioridade, espero que não.

    2 – Tiago Santos no jogo da Libertadores comeu a bola, é o melhor que tem na função de marcador. Pra mim, tem que sair jogando, e em um jogo como esse eu mandaria ele + Felipe Melo, pra ficar um pouco mais solto e usar sua técnica de passes…teria que sentar o Tche Tche…porque o Felipe ontem na marcação foi de doer, abandonou várias jogadas trotando, inclusive a do gol.

    3 – Jean não dá pra saber o que se passa, errando passe de 2m. Zé abandonando a lateral e não conseguindo mais marcar. Dracena parecia juvenil. O que acontece com os medalhões?!?!

    Passamos e é o que importa, mas domingo temos um bom teste de fogo.

    Avanti!

  • Raça e vontade ? Assistimos outro jogo, não é possível! Sou extremamente paciente e tento ser otimista, mas tudo tem limite! Não quero e não precisa dar show e golear, porém, ficamos a um fio de cabelo de um vexame! Entramos no mês de junho e não há padrão e convencimento do futebol apresentado pelo Palmeiras (sei que equipe nenhuma está voando), mas esse futebol é extremamente abaixo do satisfatório; Ontem se fosse um adversário meia boca tínhamos levado uma surra das grandes, inacreditável! Nesse jogo, em quatro minutos já contabilizava três escanteios para os caras, um gol aos 10 minutos! Estamos falando de um adversário que entrou em campo precisando da vitória (pressão), na série B, sem técnico e apresentando um futebol na segunda divisão bem mais ou menos…Minha nossa! Mudança de postura urgente! AVANTI!!

  • Eu não assisti ao jogo, então por isso talvez eu tenha uma visão mais otimista… Não consigo deixar de lembrar da Copa do Brasil 2015. Durante a fase de mata-mata fizemos alguns jogos ruins, como o primeiro jogo contra o fluminense e o primeiro contra o santos. Fomos avançando e saímos campeões.

    Ano passado o grêmio jogou muito mal o segundo jogo no Pacaembu. Se não fosse o Allione, teríamos passado com os reservas. O grêmio foi campeão.

    Então eu penso exatamente como o Conrado, nesse tipo de jogo tem que avançar, não importa como. Se jogar bem e não avançar, vai sair como o Inter, aplaudido e eliminado. Não adianta nada.

    Como eu disse, não vi o jogo, mas tenho certeza que precisamos melhorar e muito! E o importante é que nesse começo de trabalho do Cuca a gente avance. Assim ele tem mais tempo pra arrumar o time para as fase mais decisivas. Vamo, Palmeiras!!!

    • na propria liberta de 99 fizemos jogos ruins, incluindo a final… mata mata não é dar show, é se classificar

    • é isso ai o importante é passar, as vezes tem que jogar com o regulamento mesmo, mas o juizinho foi de ferrar ein

  • O principal problema do Palmeiras é um meia de armação, só cego não vê, o time não tem nenhuma jogada de prnetração só tem bola alçada na area.

    • Amigo, no futebol moderno o meia tem de pensar rápido e tocar rápido para abrir espaços.

      O Palmeiras com Guerra joga diferente e cria boas jogadas.

      Mas, infelizmente ele não consegue jogar duas vezes/semana.

      Cuca sabe o que faz.

      Cuca está chegando agora e está analisando todas as possibilidades desse elenco.

    • Perfeito, falta movimentação. Mas isso não é tarefa somente do meia armador, alguns times do Brasil perderam jogadores nessa posição, e essa ausência foi compensada com MOVIMENTAÇÃO.

  • Não vi toda essa raça e vontade em campo, queria ter essa visão otimista também, mas minha impressão foi de um time morto achando um gol no segundo tempo.
    A questão não é jogar bem ou não, como foi dito o importante no mata-mata é classificar, o problema é que o Internacional não jogou nada, e o Palmeiras foi ainda pior, e isso tem sido uma constante.

  • Vocês vão querer me matar. Mas tenho uma crença de que o Palmeiras perdeu o encaixe com o Felipe Melo na proteção. É paradoxo porque ele joga muito, mas a impressão que tenho é que ele é excelente em tudo, mas peca no que mais precisamos num time que se expõe. Velocidade para recompor e roubada de bola.

    Tem muito craque. Tá faltando o carregador de Piano…

    • Concordo contigo sobre a questão do FM. Ao menos na entrevista de ontem, achei bom ele dizer que precisa aprender coisas ainda, mas convenhamos que não é o perfil dele “caçar” alguém no setor de meio campo igual o Thiago faz. Vamos aguardar a solução que o Cuca vai arrumar.

    • Realmente, tá difícil pro resto do time entender e se encaixar com o estilo dele de jogo. O Eduardo teve problemas pra encaixa-lo e o Cuca também está tendo dificuldade. Significa que seria melhor o time sem ele??

      “HELL NO!!!”

      Significa que o treinador tem que redobrar o trabalho pra conseguir explorar toda sua qualidade, sem que o time perca dinâmica com suas deficiências. O mesmo vale pro Borja, pro Guerra e também pro Keno, William e Bastos. Tem que ADAPTAR o esquema aos jogadores que temos, não adianta ficar sonhando em emular Jesus, Moisés e Torugo do ano passado!!!

      Sua última frase foi PERFEITA!!!

      “Tem muito craque. Tá faltando o carregador de Piano…”

      Ano passado o carregador de piano foi o Tchê Tchê (com alguma ajuda do Moisés)!!! Esse ano, principalmente depois daquelas convocações da selenike em que ele era cotado e não foi chamado, ele meteu na cabeça que não é mais carregador de piano e que vai tentar ser craque…

      Não tá dando certo!!! ou alguém convence ele que ele só se destacou e foi cotado pra selenike JUSTAMENTE por ser o carregador de piano, ou já passou da hora de ele assistir as partidas junto do Alan. Thiago Santos tá pedindo passagem…

    • E se a gente jogasse com o Thiago Santos e o Felipe Melo? O Tchê Tchê tá precisando sentar no banco um pouco, não dá pra jogar só pelo que fez no ano passado.

      A saída de bola do Felipe Melo é excelente. Enquanto que o Thiago Santos marca bem e tem uma saída ruim.

      Será que não seria uma opção?

      • Pode ser uma saída. Aí só treinando pra saber se a coisa engrena.
        Mas eu prefiro manter o Tchê Tchê. Acho que em contra ataques ele tem mais recuperação. E o Tchê tchê pode fazer a ligação defesa–>meio campo.

        • Tche Tchê é ambidestro, poderia ter invertido com o Zé durante o jogo. Na situação de ontem, seria uma alternativa.

        • O Tchê Tchê é excelente, mas o futebol dele caiu muito. Talvez tenha relação com a saída do Moisés, não sei. Mas acho que algumas coisas o Cuca precisa mudar urgente:

          – Testar o time sem o Tchê Tchê
          – Jean voltar pra direita
          – Egídio ou Michel Bastos na esquerda
          – Borja e William jogando juntos
          – Banco no Roger Guedes
          – Veiga, Hyoran ou Michel Bastos quando o Guerra não joga

          Enfim, vejo muita coisa errada no time. Mas acho que o Cuca logo corrige.

    • Exato, gosto do futebol do Felipe Melo e achei um ótima contratação, mas infelizmente não encaixou nesse time até agora! Parece que estamos jogando com um homem a menos;

    • não cara, a culpa pelo mal futebol não pode ser de um (bom) volante… o time é acéfalo, e ontem o Cuca fez questão de jogar os 90 minutos assim… no meu ponto de vista o Moisés faz muita falta e o Guerra não tem as mesmas características, GJ nem se fala. Tchê Tchê mal, Jean tem que ser lateral no máximo, Zé Roberto tomando muitas nas costas, Roger Guedes e Borja extremamente individualistas, Dudu abaixo do esperado… são muitos os motivos.

      • Entendo. Sim, pode ser que seja uma junção de fatores. Mas eu acredito mais numa causa raiz do desajuste. EU diria que de tudo isso que mencionou, os principais pontos de desequilíbrio são:
        – Felipe Melo lento;
        – Guerra busca mais aproximação pra jogar enquanto que Moisés conseguia uma bola longa de melhor qualidade em contra ataque;
        – Borja é finalizador, se a bola chega quadrada ele não tem tantos recursos pra arredondar.

        Perdemos na recuperação e reorganização da equipe na defesa, na FORMA de ligação entre meio e ataque e no domínio e poder de decisão no ataque.

        Mesmo o William é um jogador mais finalizador , não tem aquela qualidade de segurar a bola na frente pro time sair um pouco de trás. Por isso quando o Palmeiras começa a tomar sufoco tem demorado pra sair.

  • Cuca inventou moda hoje e quase custou a classificação. Entrou sem meia-armador e com 3 volantes, sendo que Jean anda numa fase péssima. William Bigode não é centroavante e não rende absolutamente nada jogando nessa posição. Zé Roberto e Dracena na esquerda somam uns 80 anos e fazem uma avenida para o ataque adversário. Quando o Dudu se lesionou, poderia ter corrigido parte dos problemas colocando um meia (Veiga, Hyoran, Bastos, Vitinho?), mas manteve o esquema com Keno, que carrega bem mas não sabe passar rápido. Depois inventou mais ainda ao colocar o quarto volante em campo (Thiago Santos). No final, no desespero, armou esse esquema louco com nenhum zagueiro de ofício na primeira linha de quatro e o Mina de atacante. Acabou achando um gol, mas a verdade é que não jogou nada. No primeiro jogo do Brasileiro, Cuca fez o simples e deu certo (Prass, Jean, Mina, Dracena, Zé Roberto, Felipe Melo, Tchê Tchê, Guerra, R. Guedes, Borja e Dudu), não entendo essa vontade de inventar!

    • Quando imagino que comissões técnicas embolsam 800 mil temers mês pra fazer essas coisas me bate uma revolta …

  • Já pode chamar o treinador de burro? O Palmeiras ontem fez tudo pra ser eliminado e felizmente não conseguiu! Li o pré jogo ontem por volta das 15:00 hrs e tive a certeza absoluta que seríamos derrotados, escalação padrão Marcelo Oliveira total …

  • A única virtude do Felipe Melo são os lançamentos, no mais é um jogador pesado que não marca nada e só consegue pegar algum adversário quando dá aqueles carrinhos pra quebrar. Todo mundo ama ele por causa de entrevistas polêmicas, está na hora de olharmos pra ele dentro de campo.

    • Vc tem razão, mas tem um ponto que ninguem comenta. O FM está em ritmo de final de temporada.Apesar de ter feito toda a preparação inicial da temporada aqui, ele já estava no meio da temporada lá na Itália. não estou usando isso como desculpa, mas não sei tbm até que ponto influência.Posição desgastante que exige um preparo fisico no limite..

  • Não custa repetir mais um vez que o Cuca não teve pré-temporada com o grupo, o Cuca quando chegou aqui na primeira vez perdeu vários jogos antes de começar a ganhar.

    Precisamos analisar a coisa assim: estamos classificados em 2 competições de mata-mata jogando 20% do que somos capazes e agora temos algum tempo para chegarmos a 60% de nossa capacidade que, ao meu ver, deve ser suficiente para seguirmos adiante nessas competições.

    Agora, com esse elenco, se chegarmos a jogar 100% do que podemos, vocês já sabem onde vamos chegar né?

  • Zé Roberto não tem condições de jogar, foram 11 bolas nas costas. Aí pra ajudar, ele colocou no lado esquerdo o Dracena, que é lento também…

  • Depois que termina o jogo é facil falar, Mas poderia ter começado com o MB no lugar do Jean, ajudaria com Zé na esquerda. Foi nitida tbem a falta de um meia pra criação

  • O pior foi ver um time apático, perder para o Inter na casa deles pode ser normal, mas não jogar bola isso é anormal, foi mesma coisa contra os bambis não jogaram nada, haja trabalho pro Cuca heim, boa sorte…mas vamos melhorar no momento decisivo e crescer na reta final que é quando o bicho pega.

  • A fala do Cuca pro SporTV me deixou tranquilo que ele mesmo externou consciência das dificuldades que o time está enfrentando e denotou clareza e compromisso de buscar soluções.

    #ForzaCuca

  • velho, é o que eu sempre digo, se não contratarmos laterais direito e esquerdo que sejam bons defensivamente, vamos continuar com esse péssimo futebol, e esquece títulos esse ano com esse futebol. O Juninho confio nesse zagueiro tomara q s e destaque e seja titular, pq apesar d e edu dracena ser bom zagueiro pela idade é melhor ser um reserva, sinto que precisamos de um meia que de passes para gol, o palmeiras sente essa falta em muitas partidas, mas creio que vai melhorar muito com a volta de moises, mesmo me da uma raiva que o nosso time não foi buscar o everton ribeiro que vai p flamerda.

  • Cuca ja preparando o Mina pro barcelona;caps minusculo memo; pra tomar o lugar do Shakira Pique. Lembrou muito hj. Porco doido p cima.

  • Atuação catastrófica. A classificação não escapou por muito pouco. Toda e qualquer chance de fazer a jogada errada, o passe errado, o chute errado, o palmeiras agarrou com unhas e dentes.

    Eu cheguei a acreditar que o time estava fazendo de propósito, para perder, e poder se focar só na liberta, tamanha a perplexidade que me acometeu.

    Aliás, ainda acho, que o time, entrou pensando assim: ” Vamos na moralzinha, se por um acaso acharmos um gol, bom, mas se formos eliminados, tá bom também, dá pra se focar só na liberta”.

    Nada me tira da cabeça que era esse o pensamento hoje. Analisando o que todos os times do Brasil vem jogando, peço que entreguem logo as taças pro grémio…

  • não sei se foi só eu que vi, mas o thiago santos nem toca na bola quem toca é o borja e a bola bate na perna do zagueiro, então de uma duas gol do borja ou contra o marcador.No mais ta valendo a péssima atuação do arbitro da partida, duas penalidades e um impedimento no mínimo questionável. e no time do time do barrios a mesma coisa sem dois penaltis a favor

  • Gostaria de ver o Michel Bastos tendo mais chances. Sempre que entra vai bem. Poderia ter entrado no lugar do Guerra. Não acho que T. Santos e F. Melo seria a melor alternativa. Pra mim, MB tem condições de jogar tanto na do Guerra quanto no Dudu (claro que muda, mas vejo como a melhor alternativa no elenco). Pro ataque, Borja e William. Mas acho que a prioridade é arrumar o sistema defensivo, principalmente o lado esquerdo.

  • Acho que o Cuca errou bastante na escalação. Seus maiores erros foram não colocar Michel Bastos no Zé Roberto (Michel está numa ótima fase, diferente do Zé), escalar Jean no meio em vez na lateral, e Willian como titular sem o Borja para fazer o pivô e abrir espaços pra ele. Willian não é um NOVE-NOVE, é um ponta ou, no máximo, um segundo atacante que fica na sobra.
    Algo que poderia ser considerado também é que Dudu e Edu Dracena não foram muito bem nos últimos jogos, e poderiam tomar um chá de banco. Antônio Carlos é mais jovem e veloz que Edu, e vem entrando bem nas partisse. E eu gostaria de ver uma partida do Hyoran como titular, acredito que o garoto tem potencial, e o Raphael Veiga anda apagado nas partidas que entrou.
    Escalaria assim: Fernando Prass; Jean, Mina, Antônio Carlos, Michel Bastos; Felipe Melo, Tche Tche (ou Zé Roberto, acho que ele pode render melhor no meio como segundo volante, Tche Tche não anda muito bem também); Roger Guedes, Hyoran, Willian; Borja.

  • Uma coisa que já está clara desde a era EB é que Willian não é centroavante. Então nem adianta essa discussãozinha besta iniciada pela imprensa: “Willian ou Borja?” Willian é titular, mas para centroavante é Borja e não tem discussão. Willian não rende absolutamente nada quando joga nessa posição.

  • Ano passado quando o Cuca escalava o time conforme o adversário e dava certo, todo mundo elogiava e com razão. Mas nesses últimos dois jogos, esses improvisos NÃO funcionaram. O Thiago até entrou bem e fez o gol, mas tomamos o segundo antes disso. Sem falar que a intenção dele com a mexida era liberar o Tchê Tchê, outra coisa que não funcionou. Então é bom evitar falar que a mexida engenhosa e errada do Cuca deu resultado, porque não deu, e tem que servir de lição, assim como outras escalações erradas.

  • Jogo MEDONHO que resumiu a nossa agridoce bipolaridade: partida PAVOROSA onde PERDEMOS e classificamos com gol do Thiago PETRUKIO Santos, o tão contestado JAGUNÇO do Palestra.

    Algumas observações no pá-pum:

    – Zé e Edu de um lado da defesa não dá. São literalmente 80 anos, qualquer um com meio pulmão vai passar por ali;
    – Era jogo para marcar 1 golzinho e deixar os caras caírem no desespero de marcar 3. O que o Cuca fez? Meteu o time na retranca com Bigode isolado de centroavante. Foi desesperador;
    – Partida perfeita do Felipe Melo e do Thiago Santos, dois dos mais regulares jogadores desse elenco que podem e devem jogar juntos;
    – O meia que vinha jogando não foi pra partida. Tínhamos 3 meias disponíveis para o jogo: Veiga, Hyoran e Michel. Quem armou o time? Jean. Na fase técnica assustadora que está. Ajuda nóis, Cuca?


    Não gosto das comparações com 2016, mas se tem uma coisa que fez bem para o elenco ano passado e não está acontecendo nesse ano são os retiros em Atibaia. Cuca precisa encontrar tanto o time quanto a química, e isso não virá da noite para o dia.

    Devemos passar perrengue um bom par de meses até esse time engrenar. Pra terminar com a setinha pra cima, um alento: essa semana ainda um novo centroavante deve desembarcar no Palestra. Que sua energia chegue contagiando positivamente todos os nossos jogadores, que precisam se fechar entre eles e torcida bipolar para alcançar os objetivos e sonhos de 2017. Tem gente de sobra puxando nosso tapete antes mesmo da temporada começar.

  • Foi um jogo feio, mas gostei da evolução que vi.
    Palmeiras entrou serio para jogo, numa formação digamos que “básica”, obvia, pra ganhar. e depois quando precisou mudou pra uma espécie de 3-4-3 que foi eficiente, então ja estou feliz.

    • rotina se tratando de palmeiras. e pode esperar que amanha algum comentarista vai achar algo pra falar mal, Cuquinha expulso vai ser a crise instalada no Palmeiras.

  • cuca é simples: Prass, jean (jean no meio tá muito mal), mina, juninho e egidio (desculpa, mas estamos tomando muito gol nas costas do ze).Tiago Santos, felipe melo, guerra, dudu, william e borja.

  • Esta fácil jogar conosco, não dificultamos a vida de ngm e ainda reabilitamos quem esta com o pé na cova!
    Já fiz comentários bem.ponderados, especialmente em 2015, que nos faltou técnica e sobrou raça, mas seria leviano demais fazer qualquer elogio à essa atuação.
    Por ser palmeirense até a medula, espero que essa classificação – consequência do RESULTADO e não da atuação – não tire o foco dos seríssimos problemas técnicos e táticos que esse teme tem!

  • Antes de mais nada: Obrigado, Thiago Santos. A despeito da classificação, uma sucessão de equívocos que quase culminou em uma tragédia (sim, perder p/ um time na série B sem técnico é uma tragédia). Cuca armou e substituiu o time hoje de uma forma que me deu vontade de me ajoelhar e pedir perdão ao Baptista. Ñ vou nem entrar na discussão do jogo em si, pois acho que dispensa comentários, mas aí vai as mudanças: Sobre o Zé Roberto: Ñ importa se ele fala bem, motiva o time, seja exemplo, etc etc etc. É INCONCEBÍVEL estar na linha defensiva. INCONCEBÍVEL. Obs: Michel NÃO É SOLUÇÃO.
    Thiago Santos: Fechou todos os espaços possíveis e DEVE ser titular. Obviamente, ñ há como Felipe ser zagueiro, é um desperdício. Acalma a bola de forma absurda e deveria jogar ao lado do Thiago.
    JEAN: Volta pra lateral.
    Borja: Dane-se a fase dele, É TITULAR. O time com referência é outro, ele puxa a marcação, abre espaços, apenas o fato de estar na área é vital TATICAMENTE (Mais importante que Willian)
    Roger: Ñ vou comentar para meu comentário ñ ser removido. Apenas vá para o banco.
    E ah, como é bom ver nego quebrar a cara achando que o culpado da desorganização era o esquema, Borja, etc.
    Hoje tudo isso caiu.
    O time ñ pode sair disso:
    OBS: O time ñ vai ficar organizado de uma hr p outra, requer tempo e Cuca ñ tem muito. Mas precisamos ter uma base sólida pra evoluir.
    Prass
    Jean
    Mina
    Dracena
    Juninho (?)
    Thiago Santos
    Felipe Melo
    Tchê Tchê
    Guerra
    Keno (Willian)
    Michel (Willian)
    BORJA.
    Ou formação com 3 zagueiros (minha preferência), que muitos criticaram sabado e ñ sofreu riscos antes da falha do Prass e desmontar o esquema.

    • Exato. A função tática do Borja em campo é fundamental: prende os zagueiros na área e abre espaços pro William e pros pontas. Nenhum outro jogador no elenco é capaz de fazer isso. Com má fase e tudo tem que ser titular.

      • Hahaha, verdade! Por isso minha preferência por um esquema com 3 zagueiros. Nesse caso, Tchê Tchê (que está em péssima fase) sai. Mas, como Guerra pode ñ jogar domingo. É totalmente cabível 4-3-3 com Tchê Tchê alinhado ao Felipe e Thiago na contenção.

  • Por favor, alguém me responda o que nosso time precisa para voltarmos a ser o time campeão brasileiro que gostávamos de assistir no ano passado.

  • Tudo errado apesar da classificação. Aliás nem dá vontade de comemorar.
    Impressão que esse time não deu liga.

  • FATOS: Jean, Zé Roberto e Edu Dracena: DESASTROSOS. Sem condições de serem titulares.

    Keno, Thiago Santos, Mina e Felipe Melo: Carregaram o time hj.

    O Futebol do William DEFINITIVAMENTE melhora com o Borja em campo. Eles tem que jogar juntos.

    O Dudu ter machucado MELHOROU a nossa bola parada. Por mim ele não bate mais nem lateral.

    Alguém me responda: Que mal o Michel Bastos causou à humanidade pra não ser titular nem com o E. B. nem com o Cuca???

    Ser desclassificado por um time de Série B SEM TÉCNICO seria o fim da picada… Cuca que pare de inventar….

    • Faços suas as minhas palavras. Principalmente em relação ao Dudu, incrível como ele ainda continua batendo todas as faltas e escanteios sem força e mesmo assim ninguém diferente bate.

    • Desde o jogo contra ponte está escancarado que o Zé não aguenta mais a lateral e mesmo assim o erro permanece. Tche Tchê continua titular pelo o q fez no ano passado, prefiro jogar com felipe melo e thiago santos na raça do q tchê tchê sumido no jogo.
      Outra, não adianta botar dois pontas velozes jogando com Willian de centroavante. Willian sempre rende mais jogando com o Borja.
      E o Guerra sendo meia, se ele não joga, não precisa improvisar Jean, testa Veiga ou Hyoran, ou serão mais dois jogadores q serão emprestados sem praticamente não ter chances no time.

    • Discordo em apenas um ponto: Dracena até agora é titular incontestável. Temporada impecável. Primeiro jogo ruim dele no ano.

      • Pra mim o Dracena é um bom reserva e só . O Palmeiras passou a tomar mais gols de cabeça depois que ele assumiu a posição do Vitor Hugo. Pra piorar, Dracena é lento e joga justo do lado da avenida Zé Roberto… Do mais é um cara experiente e bom de se ter no elenco.

      • dracena estava em boa fase no campeoanto paulsita amigo…outro nivel…desde q começou o brasileiro me bateu uma saudades do VH (aquele do ano passado)

        • Mas no brasileiro o treinador é outro. O estilo de marcação é outro. Com Eduardo era por zona e agora é encaixe individual. Ñ muda da água pro vinho. Ou você que o Mina ta jogando bem? Defensivamente, eu digo. O Tempo ao tempo. Ñ acho que o problema seja o Dracena.

    • Eu testaria no próximo jogo: Prass, Jean, Mina, Juninho, M.Bastos, F. Melo, Thiago Santos, Guerra (Veiga), Keno, Willian e Borja.

      • Eu concordo com essa escalação, mas acho que o Willian é jogador de segundo tempo, preferiria Keno, Roger G e Borja.

        • Concordo. E isso ñ é de agora. Willian arrebentou em seu primeiro ano no Cruzeiro entrando no segundo tempo. No ano seguinte, quando foi titular, um fracasso. Esse ano, quando iniciou jogando, seja centralizado ou na ponta, foi mal pra caramba. Em todos os jogos. Prefiro ele no banco e entrando constantemente. Caso Dudu esteja lesionado, Michel tem as característica mais similares, mas jogando na direita.

        • mas o roger guedes é muito individualista, teve um lance que era pra ter tocado a bola depois de uma roubada do fabiano. se é ao contrário, ele dá chilique.. segundo tempo ele nem entrou em campo… merece banco

  • Embora classificados o time estava TODO errado novamente. Nao tinha ninguém armando o jogo. É incompreensível!!! Melo, Tche Tche e Jean sairam jogando no meio sem ninguém armando? Ai o Dudu machuca e continua ninguém armando??? As apresentações de Dracena, Jean e Roger Guedes foram vergonhosas. O primeiro tempo do Mina, do proprio Felipe Mello foram medonhos. William nao viu a bola. Se pegassemos um time forte teriamos tomado uma goleada historica. Quando estava 2 x 0 fiquei com medo. Classificados sim…mas nao mereciamos, de jeito nenhum!!!

    • Que isso, moço? Atuação ñ foi das melhores e entendo sua revolta, mas dizer que ñ merecíamos? Gol anulado e dois pênaltis ñ marcados. Inter nos deu campo e merecemos muito a classificação.

  • Pq não colocar o Michel de vez na lateral e aposentar o Zé da posição, deixando-o pra jogar no meio campo?

  • Símbolo da campanha de 2017: Mina fazendo papel de atacante……….. Por ordem do treinador!!!!!!!! Enfim, passamos!!! Com um rendimento ridículo, mas já estamos nas quartas!!!

    • Detalhe: Mina era nosso único zagueiro de ofício em campo e foi improvisado de atacante. Foi ridículo de ver!

      • Mina é disparado nosso Melhor Jogador. Tecnicamente, Taticamente e Fisicamente!!!
        Ainda é de uma GARRA e GANA de VENCER invejável!!!

        Na hora do desespero tem mais é que botar seu melhor jogador perto do gol mesmo!!!

        Ridículo não foi isso, ridículo foi chegar no desespero contra um timinho desses!!! Num jogo que tinha tudo pra ser tranquilo…

        • Discordamos então. Achei ridículo improvisar o único zagueiro em campo como atacante… Foi desespero total e como você disse, num jogo que tinha tudo pra ser tranquilo.

          • Claro que foi desespero total, final estávamos a 15 minutos de uma eliminação injustificada, nessas horas tem que fazer o possível, o impossível e o inimaginável.

            Tem que fazer o que for preciso pra conseguir fazer um gol, se fosse pra melhorar nossas chances de fazer gol, até mandar o Prass pro ataque.
            Com o Mina ali ganhamos o preenchimento de espaço e a possibilidade dele só na força física bruta ganhar uma bola, um rebote que acabasse coma bola no barbante. Como eu falei, o ridículo é estar em situação de desespero, agora quando se está nela, tem que apelar pra medidas desesperadas também!!!

  • Será q o Cuca não tá enxergando que todos os nossos adversários só atacam pelo lado do Zé Roberto, uma avenida, não dá mais, e Michel Bastos sempre entrando bem como lateral e fica no banco.
    E outra, Jean e Tchê Tchê no meio, outra vez foram totalmente inativos, não se ouviu o nome deles no jogo e ficaram até o final da partida, não é possível que Veiga e Hyoran não tenham condições de substituir o Guerra.

  • Takiparil!!!

    Pow, alguém avisa pra esses caras que nós já passamos todos os testes pra cardíacos, teste de paciência, de fé no time, de resistência ao sofrimento,…,etc., na última década!!!

    Chega de deixar agente de cabelo em pé. Vamos JOGAR BOLA CAZZO!!!!
    Vai dizer que vocês não tem categoria pra isso??

    Pow Tem condições de jogar, muito, mas MUITO MAIS do que isso!!!

    Chega de sofrimento, vamos botar a cabeça no lugar e começar a AGIR como CAMPEÕES!!!
    Como time que QUER MUITO, que TEM VERDADEIRA GANA de SE IMPOR e Conquistar os títulos!!!
    TODOS OS TÍTULOS!!!

    Eu acredito no trabalho de vocês pra Caracas!!! Mas já passou da hora de mudar radicalmente a atitude!!!

    VAMOS PALMEIRAS!!! VAMOS CUCA!!! Vamos ELENCO de OURO!!!

  • Não é possível que o Cuca não viu que Zé Roberto e Jean foram medonhos.
    Pelo amor de Deus, banco para os dois!

  • acredito que os jogadores tao fazendo corpo mole pelo investimento feito pelo clube no borja….mesmo caso de robinho e lucas ano passado.. algo ta errado. time campeao brasileiro nao esqueçam disso…..

  • Felipe Melo, Mina, Thiago Santos e Keno. Só estes entraram em campo querendo alguma coisa, os outros tão de palhaçada. Não aguento mais ver o time do Palmeiras andando em campo.

  • Time sofrível, classificação na bacia das almas. Tchê e Jean juntos no meio é pra matar o time mesmo. Tenho curiosidade de saber os desarmes desses dois no jogo. Alguma coisa próxima de zero de cada um não me surprenderia. O buraco era por ali. Não estão passando nem defendendo. Meros espectadores privilegiados. Levamos muita sorte. tem que arrumar a casa Cuca, mesmo que isso valha barrar medalhões. Tem que jogar para o time.

  • – Eu sei que nossos laterais são testes cardíacos
    – Eu sei que o posicionamento e cobertura tão uma bosta
    – Eu sei que Os jogadores erraram demais individualmente
    – Eu sei que o psicológico desse time ta no vinagre

    MAS CHUPA SÉRIE B FAZEDORES DE CERA

    • Só tem pedreira nas 4as de final. Da quase mais difícil que a Libertadores! E eliminar o Inter RS 2 anos seguidos na Copa do Brasil é muito bom. Levamos mais uma vez com gol no final!

  • Odeio reclamar do borja, porque ainda acredito nele, mas me irrita ver ele caminhando na marcação e vê-lo acompanhando o goleiro… não entendo

  • Eu sabia que o thiago Santos ia resolver. Substituição estratégica do cuca. Por isto que o Baptista tinha que sair mesmo. Hahahahha

  • nao é possivel…time ta horrivel…irreconhecivel dentro de campo…Cuca ta inventando todo jogo…ate parece q quer sair da competiçāo…ta osso de assistir esta falta de comprometimento e respeito pela camisa.

  • Vou dormir , pra mim chega , Cuca deve estar com algum problema FM de zagueiro nao aguento , mais uma vergonha , nesse ritmo e brigar pra nao cair no brasileiro…

  • Não é o estádio que é maldito. Maldito é esse descompromisso. Ver nego ganhando milhões pra jogar com má vontade é no mínimo enjoativo.

  • Cuca queimou uma alteração com a entrada do Thiago Santos. Agora precisa do gol e nao tem um armador. Quant coisa errada hj, começando pela estrategia do Cuca. Ridiculo

  • Meu Deus que time horrível, na verdade o elenco e o time não são nada disso, acho que está ficando muito claro

  • Sei que Jean é um jogador (ligeiramente) acima da média. Por isso é precipitado querer queima-lo.

    Mas a sua fase… o rapaz se tornou uma máquina ensandecida trabalhando para o lado errado, uma.verdadeira metralhadora de armar contra ataque para os adversários. Difícil de entender.

    • Cara, ele ainda não voltou pra temporada 2017. É assustador como ele ficou horrível do dia pra noite. E pra piorar, ele CONTINUA sendo um dos mais regulares do elenco: tem sido regular até na ruindade…

      E o time voltando a bola pra trás toda hora pro Prass… O que o Cuca estava pensando quando escalou o time com 3 volantes (e voltou pro segundo tempo com 4)?

    • É pq insistem com ele no meio. O Jean se encontrou no nosso time como LATERAL DIREITO. Ele pode ter a sua posição de origem no meio, mas eu nunca vi uma presentação dele boa nessa posição, nem esse ano, nem ano passado. Eu não gosto dele como meia ou volante. Temos Raphael Veiga, Hyoran, Michel Bastos e até o Zé Roberto pode fazer a função de meia melhor que o Jean, o lugar dele é na Lateral Direita.

  • O básico que se espera de um jogador é que se entregue no jogo, tenha raça, vontade. Se não tiver isso não adianta ser habilidoso, ter técnica. É muito jogador sem vontade num time só. Independentemente do resultado do jogo de hoje é uma inconstância muito grande do time. Tem que dar chá de banco nuns 4,5 do time e colocar pra jogar quem tem vontade de jogar (quem sabe assim a preguiça acaba?)

  • Fora o fato do time não ta jogando nada o juiz ainda ferra, aquele impedimento anulado e o pênalti não marcado foi tenso

  • Amigos , o salario deve estar atrasado , devem estar qrendo derrubar o Cuca , devem ter brigas internas entre jogadores , ou simplesmente estao de sacanagem…mas cade a porra do Verdao ?!?! Ate o Cuca desaprendeu , tres volantes e tres jogadores de velocidade…cade o meia e a porra do atacante ?!?!? Ta foda…

  • O time está com posicionamento ridículo. Não ganha uma segunda bola. Os jogadores só chegam atrasados.

  • Com esse futebolzinho é chance zero de ganhar a Libertadores, muito fraco o time. Dá impressão que pq ganharam o brasileiro se acham o máximo e não precisam mais jogar! Tem muito jogador merecendo chá de banco nesse time (Zé Roberto, Dracena, Tche Tche, Jean, Roger Guedes não merecem ser titulares pelo q jogam). Tem que ter critério. Se o Borja não joga como titular pq nao vem atuando bem todos esses aí também deveriam estar no banco.

      • já falei em post anterior e ainda espero que seja coincidência: só foi dar colher de chá para o Must…. tanto internamente como na imprensa que gosta de tumultuar o ambiente do Palmeiras que as coisas estão confusas – espero estar redondamente enganado.

  • Chavinha começou em Off hj, infelizmente. Como desde janeiro, as jogadas pela esquerda nos assustam e terminam na cara do Prass.

    Essa equilibrada que o time deu me da esperança.

  • Esse time é disparado a maior decepção de 2009. Os caras não tem vontade de jogar, começando o jogo sempre morrendo, às vezes e só as vezes depois de tomar um gol acordam pra vida. Até o Cuca tá loqueando. Pra que entrar com 3 volantes, sem nenhum meia? Adiantou alguma coisa isso (o time tomou gol com menos de 10 minutos!). Sinceramente me sinto um trouxa de perder meu tempo vendo esses jogadores se arrastarem em campo. Se eu fosse mais inteligente estaria fazendo outra coisa que não fosse ficar passando raiva vendo esse jogo.

  • Toma gol com 10 minutos, esquece esse ano já era, não vamos ganhar nada, vai ter que fazer Fachina geral. Os caras não estão querendo jogar

  • cara palmeiras não vai perde .. eu aposto vamos voltar a jogar o grande futebol que jogamos ano passado …. podem ter ctz hoje inicia a jornada das vitorias…

  • a vai a merda cara .. vai perde uma poha….. agora to puto caralho como o borja no inicia jogando? alguma coisa aconteceu pro cuca ta queimando o cara ou ele ta fazendo corpo mole no treino….

  • To sentindo que o Palmeiras vai perder hoje. Tomara que seja por 2×1 ou 3×2, assim a gente se classifica. Se não… não quero nem pensar.

    • Também acho que iremos perder por 2 a 1. Vamos tomar dois gols, mas iremos fazer um golzinho no final do segundo tempo, como nas partidas da Libertadores.

        • Hahaha, pra mim, estava na cara que seria sofrido assim. Ganhar do Inter no Beira Rio é complicado, apesar do Inter estar na série B, é um time com peso na camisa e precisava dar uma resposta ao momento que estão vivendo. Mas o Palmeiras também é grande, e os jogadores foram pra cima sem muita técnica, mas com raça, honrando a nossa camisa.
          O juizão deu uma grande ajuda pra eles, poderia ter sido 4×2 para nós, mas esse placar não reflete ria bem como foi o jogo. Aliás, essa derrota (que, apesar da classificação, ainda foi uma derrota) vai servir pro Cuca abrir o olho e corrigir falhas técnicas. Se tivéssemos ganhado de 4×2, era capaz de acharem que o time jogou uma maravilha, mas não jogou, foi um jogo difícil de assistir mesmo.

  • Pela fase horrenda, péssimo futebol apresentado em 2017 todo, melhor jogar na RETRANCA e ver se dá ao menos para empatar ou no mínimo levar a decisão para os penais.

  • Pqp, PALMEIRAS NAO TEM OBRIGACAO DE GANHAR NADA!!!!!
    É por conta de torcedor que fala isso, que mete pilha na imprensa e por co sequencia nos jogadores e assim nao fazem tudo que podem em campo…. larguem a mao de ser caxias, alienados, braço de imprensa nota 1/100.
    Palmeiras tem obrigacao de jogar bem, vitoria é co sequencia.

  • Acho que podemos esperar uma verdadeira guerra.
    A Copa do Brasil é a única maneira de o Inter ter um ano digno.
    Vão jogar com a faca nos dentes.

    Defesa sólida e contra-ataque rápido.
    Qualquer empate é nosso.
    Se fizermos um gol, o Inter tem que fazer três.
    É jogo pra jogar com o regulamento debaixo do braço.

  • Será igual no jogo contra o Cruzeiro pela CdB 2015… Faremos um gol cedo, mataremos o confronto, treinaremos algumas jogadas e perto do fim a gente deixa eles brincarem tbm. 1 x 3 pra nós.

  • Tem que fazer o simples e parar de inventar. Jean na direita, F. Melo, Tchê² e Veiga no meio. Borja no ataque.
    O Willian jogou contra o SP e tb não fez absolutamente nada, o que pode ter dado um pouco de crédito ao Borja, mostrando que a culpa também é do time.
    Se fizer um golzinho já mata o jogo, porque obriga eles a fazerem 3! Chega de fiascos e chega de time sonolento. AVANTI!

    • Só que Willian se movimenta, corre e marca. Borja parece que comeu uma marmita tamanho G de feijoada antes dos jogos…

      • Mais um queimando uma possivel estrela do futebol mundial.
        Aposto que é o mesmo que deve estar chorando o Barrios meter gol no gremio.

      • Tá certo que o William tem muito mais vontade que o Borja, mas no primeiro jogo o Borja se movimentou bem e até veio dar carrinho pra ajudar a defesa.

    • Troco o do Mina por um do Borja. Esse cara precisa começar a engrenar com nossa camisa, começar a se sentir em casa. Tenho certeza que ele vai nos dar muitas alegrias ainda, é só questão de entrar nos eixos.

      Aliás uma coisa que a maioria que o crítica (até com uma certa razão) não para pra analisar, é que raramente quando ele não está em campo o time melhora. 90% das vezes que ele sai ou não é escalado o time vai pior sem ele do que quando ele está em campo.

      • Eu ia falar 3 dele, mas não quero zicar. Andei parpitando gol dele pra zica ir embora e não deu certo. Superstição idiota de futebol é foda.

        • kkk, repare que eu NUNCA palpito placar dos jogos…
          Não é superstição não rsrsrs
          afinal:
          “No creo em brujas, pero que las hay, las hay!”

  • Conrado, acho legal o almanaque e tal, mas sinto muito a falta de quando você destacava os momentos mais relevantes dos apitadores em jogos do Palmeiras.

    Tipo: se já nos prejudicou, se foi em lance apenas duvidoso ou escandaloso. Se acabou de alguma forma nos beneficiando num raro erro à nosso favor, o tanto de cartões que costuma distribuir para nossa equipe, se é caseiro quando apita nossos jogos ou não…

    O almanaque só oferece os números frios, sua perspectiva ajudava a ativar a memória de como foi a atuação do individuo. Sugiro trazer de volta um resumo de sua analise do apitador nos pré jogos…

    Só uma sugestão…

  • Tenho certeza que Cuca entrar com o seguinte time, Prass, Fabiano, Mina, Dracena e Zé, Felipe Melo, Jean, Tche Tche, Roger Guedes, Dudu e Willian.

    Na minha escalação eu só trocaria o Willian pelo Borja….vamooo verdão!

    • Jogaria com Bigode e Borja juntos, com o Willian na vaga do Roger Guedes; e R.Veiga no meio ao invés de Jean…

      • Roger Guedes é melhor pro contra-ataque do que o Willian, e o Jean no Meio é pra reforçar a marcação junto com felipe melo e tche tche dando mais liberado pro Dudu sair da esquerda pro centro, sem precisar voltar tanto com o lateral.

        Fabiano e Jean fecha o corredor da direita e Zé e Tche Tche o da esquerda.

  • Famiglia Palmeiras, partindo agora rumo a Porto Alegre!
    04h de estrada para apoiar o nosso Verdão! Espero que o time mostre realmente que o foco principal está nos mata-matas e nos presenteie com um bom jogo e a classificação.

    Apesar do Inter estar na série b e além disso estar jogando muito mal, tenho certeza de que será um jogo muito difícil. Por que?

    Aqui no sul. Chove a 7 dias sem parar. E hoje, dia do jogo, infelizmente é o dia que mais chove.
    Nossa equipe é mais técnica e joga com a bola no chão, sendo assim será o maior prejudicado com esta condição. Pela situação, o jogo tende a ser mais brigado e explorado nas bolas aéreas, coisa que viemos sofrendo bastante nos últimos jogos.

    O Inter não tem nada a perder nesta competição. Seu foco está em retornar a série A e uma eliminação para o atual Campeão Brasileiro não será nada vexatória. Esta falta de pressão pela classificação favorece ao time gaúcho.

    E por fim, o péssimo árbitro Ricardo marques apita o jogo. A Margarida Fake é toda atrapalhada e costuma favorecer os donos da casa.

    Por fim, que San Gennaro nos ajude e que o nosso time consiga voltar classificado e nos recompense por este banho que vamos tomar e pela madrugada que vamos passar na estrada no retorno.

    AVANTI MEU PALMEIRAS!!!!

      • Báh… realmente não foi uma boa viagem.
        Ao término do jogo ao chegar ao estacionamento do Beira-Rio encontrei meu carro depredado. Furaram um pneu, arrancaram a placa, quebraram os limpadores de para-brisas, quebraram antena, arrancaram a tampa do tanque de combustível e riscaram todo o carro, chegando ao cúmulo de escreverem um enorme INTER na porta traseira.
        Valeu apenas pela classificação.

    • Boa sorte, A vitória virá nos penais, pois só parte da falta de vontade deles deve ter ficado no caminho.

  • A imprensa esta jogando e estamos caindo igual peixe, Borja fez gol contra o vasco, não existe crise, qualquer 9 fica sem marcar gols alguns jogos

    • Exata, dai uns trouxa xinga o cara pq eh substituido, pq nao meteu gol. Fica queimando o proprio talento, bando de burro que tem que ficar em casa. Estadio eh pra torcer, impulsionar.

  • Vai ter que ver direitinho esse nosso lado direito, pois o que eles tem de forte é o lado esquerdo, Se for com o Jean na lateral, tem que ir de RGuedes pra ajudar a marcação. Se for de Fabiano, pode trazer o Jean pro meio ajudando pelo lado direiro. Acho que ganhamos de 2 a 0 dois de Borja pra destravar de vez

  • Obrigação… Priorizar… Obsessão… Virar “chavinha”… Isso já deu no saco. A única obrigação dos caras é correr e tentar jogar TODAS as partidas da melhor forma que seu condicionamento físico permitir. O resto é papo de torcida e imprensa sem assunto.

      • Não, é que encheu o saco mesmo esse negócio de tratar partida A ou B como mais ou menos importante. Recebeu salário, amiguinho, tem que trabalhar.

        • Concordo. Veja o nível dos campeonatos europeus, por exemplo, e lá ninguém mete essa de ‘poupar’, ‘priorizar’ isso ou aquilo.

        • Palmeiras quer ser um time com reconhecimento mundial, tem que deixar de ter pensamento mediocre e ir pra cima com o que tem de melhor. E temos melhores 30 jogadores do brasileiro

    • Obrigado por ter nocao de mundo parça.
      Se TODOS palmeirenses fossem assim, quem sabe nao atacariam tanto Felipe Melo no assunto da briga, quem sabe meteriam o pau na globo por vincular somente o soco desferido por ele e nada do grupo que agrediu o Prass.

  • palmeiras 4×1… borja 3x.dudu 1x. vitoria para colocar o palmeiras novamente nos trilhos e mostrar que o porca ta muito vivo novamente…..

  • Jogar sem um único meia de oficio é suicidio, espero que essa escalação seja apenas suposição!

  • Acredito em vitória! 2×1. Abrimos o placar no início do primeiro tempo, inter empata no final da primeira etapa e no segundo parte com tudo já que não tem outra alternativa, no contra ataque o verdão mata o jogo!

  • Jogo dificil e o Palmeiras nao tem sorte neste estadio, impressionante. Da Internacional, com gol no primeiro tempo. Palmeiras entrou do jeito que acabou no paletone. Segundo inicia apos uma bronca do Cuca nos vestiarios e no final o jogo mesmo acaba 1×0 para o Inter. Penalties da Palmeiras 4×2!

  • Hoje temos que jogar pra ganhar e dar ritmo pro time de domingo. Eu acredito em uma vitória magra do verdão por 2 x 0, mas com uma defesa convincente e um time bem postado. Gols de Borja e Jean de penal.

  • agora, fora os prejuízos financeiros que uma eliminação possa trazer, caso a mesma venha sob uma atuação inconvincente, vai começar aquela inhaca de cornetagem “contra tudo e contra todos” que já conhecemos bem.

    pelo menos pra evitat a inhaca, POR FAVOR, #ClassificaVerdão

  • Creio que hoje vamos descobrir se o time vai escolher mata-matas ou os pontos corridos. Afinal, focar em só uma competição é muito arriscado, e um detalhe põe tudo a perder.
    Taticamente falando, espero muito que volte à ideia do 4-3-3 clássico, dessa vez com o Raphael armando o jogo (tá precisando ser testado ao lado do time titular) ou Michel.

    AVANTI!
    Inter 0x2 Palmeiras.

      • A preguiça de uns e o péssimo momento técnico de outros jogadores nos últimos jogos ( incluindo o primeiro contra o inter ) me deixou muito preocupado.

  • estou com pressentimento que o cuca vai manter o mesmo esquema do jogo de sabado, e dessa vez o ataque vai funcionar melhor… vamos tomar pressao, deve ter estadio cheio…mas confio na classificação, com um empate em 1×1

    • E acho que até deveria, esse esquema é bom e não foi de todo mal contra o SP; faltou o passe final. E, ainda, se não fosse os frangos do Prass e a cagada do Jean, poderíamos ter saído com a vitória tranquilamente.

      • sim…concordo, com o elenco que temos hj esse esquema seria o melhor…nossos laterais sao mais ofensivos. basta treinar e ter paciencia

  • É amigos, acredito na vitória hoje também, porem um empate não é de todo ruim. O que não pode é o time destoar novamente em campo de sua qualidade técnica.

  • Jogo pra tomar MUITO cuidado. Inter desesperado para conseguir algo e acalmar a situação. Palmeiras precisa tentar garantir um gol pra ficar tranquilo.

  • Só o que me preocupa é que temos tomado gols em quase todas as partidas esse ano. Se o Cuca não arrumar o setor defensivo vamos penar um bocado, vai ser sempre com muita emoção, à la J. Winstermann. Haja coração.

  • Não podemos nos dar ao luxo de ser eliminados por time de série B. Não com todo o trabalho e o investimento que a diretoria fez esse ano.

    2×0, Dudu e Borja.