2
X
3

O Palestra Italia venceu o São Paulo da Floresta por 3 a 2 no Campo da Floresta, em partida que foi marcada pelas grandes atuações dos  jovens Tunga e Pupo, oriundos da várzea paulistana. Os dois passaram a ser comparados pela imprensa da época com Serafini e Ministrinho, respectivamente, depois da grande exibição.

O time da casa saiu na frente com  Araken Patuska aos 7 minutos. Romeu Pelicciari empatou aos 10, de cabeça, após escanteio batido por Pupo. E o primeiro tempo terminou empatado por um gol.

Logo no início do segundo tempo, Armandinho arrematou rasteiro no canto direito de Figueira, que substituía o lesionado Joel, e recolocou o time da casa na frente.

Aos 25 minutos, Faria foi encoberto pelo quique da bola e o jovem Pupo ficou livre na frente de Joãozinho e não desperdiçou, empatando novamente a partida.

A virada palestrina aconteceu a dois minutos do fim, mais uma vez com Pupo, após passe de Lara.

A grande virada sobre o campeão do ano anterior marcou uma arrancada no certame. Foi a segunda das 11 partidas do turno único que consistiu aquele campeonato (a revolução constitucionalista abreviou a disputa). Foram 11 vitórias, 100% de aproveitamento e o primeiro de três títulos consecutivos conquistados pelo Palestra entre 1932 e 1934.

Ficha Técnica

Escalação

São Paulo da Floresta

Joãozinho
Faria
Barthô
Milton
Bino
Fábio
Luizinho
Armandinho
Friedenreich
Araken Patuska
Junqueirinha
n/d
TÉCNICO