2
X
1

Já consagrado como Campeão Paulista de 1994, o Palmeiras entrou em campo pela última rodada do Estadual para enfrentar o SCCP, em jogo para cumprir tabela que serviu para que o time recebesse as faixas de campeão.

Jogando no Pacaembu, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo não deixou dúvidas sobre qual era o melhor time do campeonato e venceu o rival por 2 a 1, com um gol de Evair e um golaço de Edílson. A vitória no Derby fez com que o Verdão, além de ratificar o título, atingisse o feito de vencer todos os seus adversários no campeonato.

Após quase 40 minutos de um jogo amarrado, o Palmeiras teve um pênalti marcado a seu favor, após Evair ser derrubado na área por Moacir. A penalidade foi assinalada pelo juiz Roberto Perassi aos 39 minutos, mas o centroavante palmeirense só conseguiu balançar as redes de Ronaldo cinco minutos depois: o time rival reclamou muito da marcação e o meia Marcelinho Carioca chegou a agredir o juiz, que no meio da confusão não percebeu o autor do pontapé.

Dois minutos depois de abrir o placar, o Verdão ampliou a vantagem com um golaço de Edílson: o camisa 7 pegou a bola ainda no campo de defesa palmeirense; foi carregando para o ataque, driblou Moacir, deu um drible da vaca em Ezequiel e tocou por cima de Ronaldo. Golaço e 2 a 0 para o Palmeiras.

O Verdão administrou a vantagem no segundo tempo e viu o adversário diminuir com Tupãzinho, aos 36 minutos, selando o placar. A partida encerrou a primeira passagem do colombiano Rincón com a camisa palestrina; o camisa 10 deixou o Brasil para jogar no Napoli, da Itália.




Ficha Técnica

27.784

CR$ 214.923.000,00

Roberto Perassi

SCCP

Ronaldo
Valdo
Wilson Mano
Zé Elias
Elias
Ezequiel
Moacir
Marcelinho Carioca
Casagrande
Viola
Tupãzinho
Marques
Carlos Alberto Silva
TÉCNICO