Campeonato Paulista 1966

O Campeonato Paulista de 1966 foi disputado por 15 clubes entre julho e dezembro, após a disputa da Copa do Mundo, em turno e returno, pontos corridos. O Palmeiras viveu um período atribulado entre março e junho, período em que as competições no país foram paralisadas em função das atividades da seleção brasileira.

Enquanto disputava amistosos, a diretoria decidiu contratar o paraguaio Fleitas Solich para o comando técnico do clube, rebaixando Mario Travaglini novamente ao posto de auxiliar. Solich estreou com o elenco abalado pela morte do lateral Luís Carlos, promessa contratada no início do ano junto à Prudentina, num acidente na rodovia Raposo Tavares. O meia Suíngue estava no carro e sobreviveu, mas teve sérias lesões no rosto.

O Palmeiras começou a competição bem desfalcado: Rinaldo voltou lesionado da excursão ao Peru realizada semanas antes do campeonato, e Tupãzinho teve uma contusão séria no joelho logo no segundo jogo. Mesmo assim, o Verdão terminou o primeiro turno empatado com o SCCP, os dois já com uma pequena margem para o terceiro colocado, o SPFC, contra quem o Verdão fez a última partida do turno e aplicou uma boa goleada: 4 a 2, na estreia do peruano Gallardo.

Já com Suingue recuperado do acidente, o Verdão entrou pelo returno vencendo as duas primeiras partidas, quando teve que dividir as atenções com a Taça Brasil, o que desestabilizou um pouco o time. O Palmeiras acabou eliminado em três jogos pelo Náutico e voltou a focar apenas no Paulista, onde seguia ponteando o campeonato, mas tinha dificuldades.

Na rodada 22, a seis do fim, o time foi derrotado por 2 a 0 pelo Santos e o SCCP colou novamente na classificação, o que causou a demissão de Solich. Mario Travaglini então reassumiu o time, e uma sequência de quatro vitórias, sendo a quarta uma goleada de 5 a 1 sobre o Comercial, deixou o Verdão muito próximo do título.

Para conquistar o troféu bastava ao Palmeiras vencer o SCCP na penúltima rodada. O time não entrou bem em campo e acabou derrotado. Mas o título veio mesmo assim, porque cinco dias depois o Santos, único time que ainda poderia tirar o campeonato do Verdão, perdeu para a Portuguesa. O Palmeiras recebeu as faixas na partida final, quando aplicou 3 a 0 no SPFC, fechando mais uma temporada como campeão.

Lista de jogos

Lista e estatística dos jogadores