Torneio Rio-São Paulo 1998

Torneio Rio-São Paulo 1998

O Torneio Rio-São Paulo de 1998 foi disputado pelos quatro grandes clubes de cada estado entre janeiro e fevereiro. Foram montados dois grupos com duas equipes cariocas e duas paulistas, que jogaram em turno e returno dentro dos grupos e após seis jogos foram definidos os semifinalistas.

Jogando contra Botafogo, Vasco e SCCP, o Palmeiras fez uma boa fase preliminar, encaixando rápido os novos contratados, principalmente Paulo Nunes, que imediatamente virou titular de Felipão. O Palmeiras venceu quatro jogos, empatou um e só perdeu no último jogo, contra o Botafogo, usando um time cheio de reservas, já que o calendário colocou jogos da Copa do Brasil – clara prioridade do time no semestre – no meio do caminho.

Nas semifinais o Palmeiras emparelhou com o SPFC e venceu o primeiro jogo por 2 a 1, no Pacaembu. A volta foi disputada no estádio Brinco de Ouro e o Verdão foi seriamente prejudicado pela arbitragem de Paulo César de Oliveira. O árbitro enervou nossos jogadores com xingamentos durante todo o primeiro tempo, expulsou Felipão no intervalo, expulsou Zinho por reclamação e facilitou para que o SPFC vencesse o jogo, por 1 a 0.

Na disputa de pênaltis, o SPFC avançou à final e acabou vencido pelo Botafogo, que levantou o troféu.

Lista de jogos

Lista e estatística dos jogadores