3
X
1

Arrasador no Campeonato Paulista, o Palmeiras comandado por Vanderlei Luxemburgo vinha fazendo também uma boa campanha na Copa do Brasil de 1996 (passou por Sergipe, Atlético-MG e Paraná) e encarou o Grêmio, algoz da Libertadores do ano anterior, na semifinal do torneio nacional.

O jogo de ida aconteceu no Palestra Italia e, com quase 30 mil torcedores na arquibancada, o Verdão venceu o time gaúcho por 3 a 1. Rivaldo, Djalminha, Muller marcaram os gols palmeirenses.

Depois de 35 minutos de um jogo muito brigado, o Palmeiras abriu o placar com Rivaldo após boa jogada de Djalminha e passe de cabeça de Muller. Antes do primeiro tempo acabar, aos 47 minutos, Flávio Conceição lançou Djalminha, que com categoria encobriu Danrlei e ampliou a vantagem alviverde para 2 a 0.

No segundo tempo, o time gaúcho comandado por Luiz Felipe Scolari descontou com Paulo Nunes, aos 9 minutos; mas a reação parou por aí. Com a partida se encaminhando para o final, aos 35 minutos, Cafu cruzou, Muller dominou e de carrinho fez o terceiro gol do Palmeiras na noite.

Com o resultado garantido em 3 a 1, o Palmeiras podia até perder por um gol de diferença em Porto Alegre que mesmo assim avançaria para a decisão do torneio – o que acabou acontecendo.

Quatro dias depois desta semifinal, o esquadrão alviverde bateu o Santos por 2 a 0 e sagrou-se campeão Paulista com a histórica marca de mais de 100 gols feitos na competição.




Ficha Técnica

29.747

R$ 331.324,00

Wilson de Souza Mendonça

Grêmio

Danrlei
Arce
Rivarola
Luciano
Carlos Miguel
Dinho
Emerson
Luís Carlos Goiano
João Antônio
Aílton
Rodrigo
Paulo Nunes
Zé Alcino
Jardel
Luiz Felipe Scolari
TÉCNICO