Na busca pelo título então inédito da Libertadores, o Palmeiras enfrentou o Vasco, então campeão, nas oitavas-de-final. O primeiro jogo no Palestra Italia terminou empatado por 1 a 1, mas o Verdão foi até São Januário e venceu o time carioca por 4 a 2, com grande desempenho de Alex.

A equipe vascaína saiu na frente com Luizão logo no início do jogo, mas aos 29 minutos, depois de jogada ensaiada, Júnior cruzou e Paulo Nunes empatou. O gol da virada aconteceu três minutos depois, após linda tabela entre Alex e Paulo Nunes; o camisa 10 entrou na área e chutou cruzado para colocar o Verdão à frente. Ramon, contudo, voltou a deixar o placar igual, aos 35 minutos.

Logo aos dois minutos do segundo tempo o Palmeiras voltou a ficar na dianteira, novamente com Alex, e aos 5, ampliou para 4 a 2 com Arce, de falta, abrindo uma vantagem confortável.

Os cruzmaltinos tentaram voltar à partida, mas, mesmo Junior sendo expulso, o Verdão segurou o placar e enfrentou o rival SCCP na fase seguinte da competição continental.




Ficha Técnica

15.215

R$ 161.550,00

Wilson de Souza Mendonça

Vasco da Gama

Márcio
Zé Maria
Odvan
Mauro Galvão
Alex Oliveira
Nasa
Paulo Miranda
Luiz Cláudio
Juninho Pernambucano
Ramon
Vagner
Donizete Pantera
Luizão
Antônio Lopes
TÉCNICO