1
X
2

Pré-Jogo

Pré-jogo Vasco x Palmeiras

Na noite desta quarta-feira, a Sociedade Esportiva Palmeiras visita o Vasco da Gama, em São Januário, em jogo válido pela 31ª rodada do Brasileirão. Mesmo inconstante, o time vem de três vitórias e enfrenta um adversário bastante desfalcado, mas que ainda luta para se afastar da “zona da confusão”.

A distância para o Flamengo segue em oito pontos e se o time ainda quiser manter as chances de disputar o título nas rodadas finais, só pode voltar do Rio com um resultado: vitória.

Palmeiras

PalmeirasDESFALQUES
Suspenso
: Felipe Melo

Pendurados: Antônio Carlos, Bruno Henrique, Lucas Lima e Carlos Eduardo

Com o DM zerado, Mano Menezes ainda deve manter Luiz Adriano no banco; Ramires, mesmo com a suspensão de Felipe Melo, ainda deve concluir o recondicionamento e quem briga pela vaga do camisa 30 são Thiago Santos e Matheus Fernandes, com vantagem para o primeiro.

Mesmo com a boa partida no final de semana, Mayke deve devolver a vaga a Marcos Rocha e o time que tende a sair jogando é Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Thiago Santos e Bruno Henrique; Dudu, Zé Rafael e Gustavo Scarpa; Deyverson.

Informação de última hora: Weverton, Vitor Hugo, Diogo Barbosa, Bruno Henrique e Gustavo Scarpa não viajaram ao Rio por recomendação da equipe de apoio e farão trabalhos individualizados na Academia de Futebol. O time que tende a entrar em campo, diante disso, é Fernando Prass; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Victor Luis; Thiago Santos e Matheus Fernandes; Dudu, Lucas Lima e Zé Rafael; Deyverson.

Vasco

VascoVanderlei Luxemburgo está repleto de problemas para escalar o Vasco, a começar pela ausência do craque do time, Talles Magno, que está disputando o Mundial Sub-17 com a seleção brasileira. Henrique sofreu lesão e dá lugar a Danilo Barcelos na lateral esquerda.

Luxa também perdeu sua dupla de volantes, Richard e Bruno Gomes, suspensos pelo terceiro cartão. Assumem Fellipe Bastos e Raul. Na frente, Ribamar dá lugar a Bruno César, que deve jogar como “falso nove”. Ê, Luxa!

O Vasco deve vir de Fernando Miguel; Yago Pikachu, Henriquez, Leandro Castan e Danilo Barcelos; Fellipe Bastos e Raul; Rossi, Guarín e Marrony; Bruno César.

Números

  • O Vasco é o time não-paulista que mais enfrentou o Verdão na História: foram 129 jogos, com enorme vantagem do Palmeiras: 58 vitórias contra 31 derrotas, mais 40 empates.
  • A última derrota do Palmeiras para o Vasco foi há quatro anos, em novembro de 2015, durante a reta fina da Copa do Brasil.
  • Com mando vascaíno, o panorama é de equilíbrio em 57 jogos: 20 vitórias palmeirenses, 15 empates e 22 triunfos cruzmaltinos.
  • Em Brasileiros, foram 56 jogos: 27 vitórias verdes, 17 empates e 12 vitórias do Vasco.
  • Nos 37 jogos em São Januário, o Vasco leva vantagem: venceu 19 vezes, com 9 empates e 9 vitórias do Verdão
  • Nas duas últimas partidas no estádio vascaíno, deu Palmeiras: 4 a 1 em 2015 e 1 a 0 em 2018, em jogo que nos garantiu o decacampeonato brasileiro.

No calendário

O Palmeiras já disputou 19 jogos no dia 6 de novembro. Veja a lista completa clicando neste link.

Lei do Ex

Arbitragem

Rafael TraciÁrbitro Principal:
Rafael Traci

Héber Roberto LopesVAR:
Héber Roberto Lopes

Projeção de pontos

De acordo com a projeção de pontos feita antes do início do campeonato, estamos quatro pontos abaixo. A meta para este jogo era de vitória – e mesmo que não fosse, agora seria de qualquer forma.

Parpite

Vasco desfalcadíssimo e com Bruno César no ataque. Tem que dar Palmeiras, vai dar Palmeiras: 3 a 1, com gols de Marcos Rocha, Dudu e Luiz Adriano, para 9.765 pagantes.  VAMOS PALMEIRAS!

Transmissão

Escolha a emissora e sincronize a imagem com o áudio da transmissão AO VIVO no canal do Verdazzo do YouTube!

TV GloboGlobo (para SP, RJ, RS, SC, PR, ES, GO, TO, MS, MT, SE, AL, PE, PB, RN, CE, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR, AP, DF e PE)

PFCPFC

Pós-Jogo

Vasco 1x2 PalmeirasCesar Greco/Ag.Palmeiras

O Palmeiras bateu o Vasco por 2 a 1 em São Januário e segue no comboio, à caça do Flamengo. Depois de sair na frente com Lucas Lima e sofrer o empate num gol contra lamentável de Mayke, o Verdão teve que recorrer a Dudu e Luiz Adriano para retomar o controle total do jogo, construir a pressão e chegar ao gol da vitória.

Os péssimos momentos do primeiro tempo, no entanto, marcaram a partida. Mano Menezes arriscou tudo ao escalar apenas dois titulares, e sua ousadia foi recompensada. Deu all-in e ganhou: traz os três pontos na bagagem e terá praticamente todo o time titular no Derby do próximo sábado.

Primeiro tempo

11'
Palmeiras

GOL DO PALMEIRAS! Lucas Lima foi lançado por Matheus Fernandes em “velocidade”, entrou na área e bateu em cima de Fernando Miguel; ele ainda ficou com o rebote e conseguiu girar para abrir o placar.

16'
Vasco da Gama

Fellipe Bastos bateu falta de longe, fácil para Fernando Prass.

18'
Vasco da Gama

Gol do Vasco – Rossi fez a jogada da direita e cruzou por baixo; Mayke estava sozinho e inteiro no lance, pronto para afastar, mas pegou muito ma na bola, com o pé errado, e tocou para dentro do nosso gol.

19'
Palmeiras

Zé Rafael tento responder rápido ao receber na entrada da área e bater cruzado, forte, mas Fernando Miguel estava bem colocado e pegou bem.

25'
Vasco da Gama

Bruno César fez jogada de velocidade (!) em cima de Gustavo Gómez, entrou na área e bateu; a bola saiu pela linha de fundo sem muito perigo.

26'
Palmeiras

Bom passe de Lucas Lima para Deyverson, que bateu rasteiro da entrada da área – mais uma defesa tranquila de Fernando Miguel.

32'
Palmeiras

Lucas Lima bateu escanteio da direita; Deyverson disputou no alto com Castan e testou pela linha de fundo.

34'
Vasco da Gama

mais uma pixotada – desta vez de Luan, que errou na saida de bola, tropeçou nas próprias pernas e deu de presente para Guarín, que disparou em direção a Fernando Prass; nosso goleiro se postou bem para diminuir o ângulo e o colombiano bateu por baixo, mal, em cima de Prass, que fez ótima defesa, no reflexo.

48'

Os dois times diminuíram o ritmo e Rafael Traci encerrou o péssimo primeiro tempo aos 48 minutos. Os dois times torturaram a bola e as torcidas.


Segundo tempo

Com Luiz Adriano no lugar de Deyverson, o Palmeiras sinalizava com uma tentativa de subir o nível técnico do jogo.

11'

Pikachu recebeu dentro da área; mesmo cercado e com pouco ângulo, ele tentou bater por baixo e Prass fechou o gol para colocar a escanteio.

13'
Palmeiras

Boa triangulação entre Luiz Adriano, Lucas Lima e Willian, que tentou o arremate da entrada da área, mas acabou travado por Henríquez.

14'

Dudu no lugar de Willian. Aqui a coisa ficou séria.

20'
Palmeiras

A bola foi enfiada para Luiz Adriano, que fez o pivô de forma perfeita, para a chegada de Thiago Santos, que tinha tudo para furar a rede do Vasco, mas furou mesmo foi a bola. Sua perna foi vista nas cadeiras do Maracanã.

21'
Palmeiras

Dudu fez ótima jogada na direita e serviu Luiz Adriano na cabeça; na risca da pequena área, a testada saiu com defeito, muito para baixo – a bola bateu no gramado e subiu quase na vertical.

22'

Mais intensidade no meio de campo: Rafael Veiga no Lucas Lima.

23'
Palmeiras

Zé Rafael bateu rasteiro da entrada da área; a bola quicou no gramado irregular e saiu da trajetória, batendo na trave; no rebote Luiz Adriano chegou chutando tudo e mandou para fora. Já podíamos chamar de pressão.

26'
Palmeiras

Dentro da área, Raphael veiga recebeu, girou e bateu rasteiro, para mais uma defesa de Fernando Miguel.

31'
Palmeiras

GOL DO PALMEIRAS! Luiz Adriano disputou com Danilo Barcelos, ganhou; disputou com mais dois adversários e também ganhou – tudo isso dentro da área – aí ficou só com Fernando Miguel pela frente e fuzilou, cruzado; a bola ainda foi travada pela zaga e entrou pelo meio das canetas do goleiro do Vasco.

Pouco depois, Rafael Traci ainda checou um possível pênalti a favor do Vasco – Thiago Santos disputou ombro-a-ombro com Henríquez; com indicação do VAR, Traci checou no vídeo e manteve a correta marcação de campo,  seguindo o jogo sem marcar nada.

47'
Palmeiras

Luiz Adriano serviu Matheus Fernandes, que quase matou o jogo, mas errou o alvo por pouco. Mas a jogada já estava parada por impedimento.

53'

Rafael Traci encerrou o jogo em São Januário – partida fraca, mas tensa e com polêmicas – melhor para o Verdão.

Mano parece realmente ter calculado o risco e se deu bem. Mesmo com o time jogando mal, espaçado demais, estáticos, a formação foi suficiente para trazer os três pontos – mesmo meio na marra. Tem muitos méritos.

Com o elenco quase totalmente descansado, o time agora volta suas energias para o Derby de sábado, no Pacaembu. Mais um jogo em que só a vitória interessa. Nervoso, como sempre. É nossa missão. VAMOS, PALMEIRAS!

 





Ficha Técnica

8.249

R$ 296.386,00

Rafael Traci

Súmula

Borderô

Vasco da Gama

GOL
Fernando Miguel
LAD
Yago Pikachu
ZAG
Henriquez
ZAE
Leandro Castan
LAE
Danilo Barcelos
VOL
Fellipe Bastos
VOL
Raul
MEI
Clayton
MEI
Rossi
MEI
Guarín
MEI
Marrony
MEI
Felipe Ferreira
ATA
Bruno César
ATA
Tiago Reis
TÉCNICO
Vanderlei Luxemburgo

Notas


Jogador
Descrição
Nota
Fernando Prass
A rigor, uma grande defesa, no lance cara a cara com Guarín. Fechou o ângulo e torceu.
7.5
Mayke
O lance infeliz o abalou e comprometeu todo o resto do jogo. Lamentável.
4
Luan
Pesadão, cintura dura, nervoso. Muito mal.
3.5
Gustavo Gómez
Manteve a tranquilidade e comandou o setor defensivo.
7
Victor Luis
Mesmo sem ritmo, fez uma partida sem sobressaltos.
6
Thiago Santos
Não foi o mesmo monstro da partida contra o Botafogo - aliás, bem longe disso. Mas fez o básico, incluindo apanhar sem revidar.
6.5
Matheus Fernandes
Acertou bem mais do que errou, mesmo sendo outro a sentir a falta de ritmo de jogo.
7
Willian
Teve dois grandes adversários: o gramado e a bola.
5.5
Dudu
Acendeu o jogo e impôs respeito na defesa adversária.
7
Zé Rafael
Um dos poucos a se destacar de forma positiva no primeiro tempo. Ele sabe o que fazer; tem começo, meio e fim.
6.5
Lucas Lima
Não se movimenta e também não tem a ajuda dos companheiros. Acaba tendo que forçar passes, ou que resolver sozinho - como no lance do primeiro gol, em que ele até tentou, mas não conseguiu desperdiçar.
6
Raphael Veiga
Se apresentou muito mais e deu maior velocidade ao jogo.
6.5
Deyverson
Partida padrão: atrapalhou bastante, lacraiou nos menores contatos, mas brigou e não desistiu até o último minuto em campo.
5.5
Luiz Adriano
Ele é real deal. Briga com muita competência, torna todos os lances muito mais perigosos. E fez um GOLAÇO.
8
Mano Menezes
Mano Menezes
Apostou tudo, deu all in, e ganhou. Coragem, ousadia: ninguém vai poder falar que ele não teve.
8