Gilto Avallone: o “homem-bomba” está de volta

Gilto AvalloneO Conselheiro Gilto Avallone voltou a colocar as manguinhas de fora. Depois de muitos anos quietinho, viu na gestão atual a cordialidade perfeita para cravar suas unhas, sempre em busca de holofotes para satisfazer sua sanha pela popularidade.

Em seu blog pessoal, o Conselheiro, que também é membro do COF, divulgou informações confidenciais do contrato de Felipe Mello com o Palmeiras, ato que gerou que o clube fosse notificado extra-judicialmente pelos representantes do atleta e que pode causar severos prejuízos à entidade.

Recentemente, um grupo de conselheiros redigiu um documento pedindo ao presidente do Conselho Deliberativo, Seraphim Del Grande, que instaure procedimento disciplinar contra Avallone, a fim de verificar se sua atitude pode ser tipificada como infração e assim punir o conselheiro pelo vazamento.

Histórico

Gilto Avallone militou na década passada na UVB, legenda que historicamente representava a oposição ao mustafismo e foi eleito conselheiro. Foi visto dizendo impropérios dignos de arquibancada referindo-se a Mustafá Contursi nas reuniões do grupo político, com o qual posteriormente rompeu durante a segunda gestão Della Monica. Curiosamente, foi se aninhar exatamente sob as asas de Mustafá, que o aceitou prontamente.

Foi um dos mais ferrenhos opositores à construção do Allianz Parque – felizmente, foi derrotado. Em 2011, foi objeto de uma reportagem no portal da RGT, na qual foi chamado de “homem-bomba” do Palmeiras. Na matéria, assume o gosto por divulgar para a imprensa tudo o que sabe sobre o clube.

Hoje, Gilto e a UVB estão novamente do mesmo lado, bebendo do mesmo vinho servido a Mustafá Contursi. Enquanto isso, alguns resilientes conselheiros tentam encerrar de uma vez por todas essa sangria de informações.

Processo

O requerimento, antes de ser enviado ao presidente do CD, precisa conter a assinatura de 50 conselheiros. Uma vez coletadas as assinaturas, aí o processo poderá ser validado por Seraphim Del Grande, que define a pauta de cada reunião do Conselho. Se Seraphim não quiser (leia-se: se Mustafá não deixar), o processo não caminhará um centímetro sequer. A tarefa é árdua.

Cabe à comunidade palmeirense pressionar os conselheiros conhecidos para que assinem o requerimento para que sejam juntadas as assinaturas necessárias. O segundo passo será pedir com bastante insistência ao presidente do Conselho para que faça seu dever que dê início à avaliação. Se Gilto não fez nada de errado, não tem nada a temer.

Sendo a infração tipificada ou não, o Palmeiras precisa de uma vez por todas tratar as informações com mais carinho. De “homem-bomba”, Gilto não tem nada – todas as vezes em que ele resolve detonar algo, sai ileso; só o Palmeiras é quem é bombardeado e precisa contornar os efeitos das crises por ele causadas.

Em 2011, quando Gilto gostava de brincar de X9 para a imprensa, o Palmeiras tinha um orçamento que mal ultrapassava os 100 milhões de reais ao ano – e já não era pouco. Agora essa cifra está quase cinco vezes maior e não comporta mais em hipótese alguma esse tipo de molecagem. Acabar com esse comportamento é dever de todas as esferas de poder do clube, em respeito ao patrocinador e aos milhares de sócios-torcedores que mensalmente fazem seus pequenos sacrifícios para engrandecer o Palmeiras.

  • Os cargos de conselheiro vitalício do Palmeiras e do Conselho Deliberativo deveriam ser estudados pela ciência.

    Ali deve conter o maior elixir da longevidade da vida humana.

  • É impressionante como é difícil limpar a sujeira na política no Palmeiras. Muitos inocentemente acreditam que essas múmias só querem aparecer, mas não é isso. Elas turbinam seus negócios particulares via utilização dos cargos que ocupam no clube, repassam informações privilegiadas para a mídia (que paga por isso, não se iludam) e, até no passado recente, participavam ativamente na indicação, direitos e negociações de jogadores do profissional e da base. E podem ter certeza que a gestão minimamente profissional que vinha sendo implantada já está dando lugar novamente a esse ambiente varzeano. Dá vontade sentar num cantinho e chorar de tristeza…..

  • Precisam expulsar todos do futebol. Vão jogar bocha, etc.. Esses caras não podem ter acesso a essas informações do clube

  • São 16 milhões de torcedores, mais de 100 mil sócios e quem manda no clube é meia dúzia de múmias. O que vem sendo feito pra que pelo menos o sócio torcedor tenha direito de voto no Palmeiras? Isso é equivalente à uma ditadura, tem meia dúzia de lixos que mandam mais que 100 mil sócios torcedores.

  • Esse cara é um cancer de tem que ser punido , mas o fato é que não será , esses canceres ja fizeram suas raízes la no Palestra , se morrem tem os filhos …..

  • Sinceramente… qdo vejo falarem de Mustafá, e outros tantos “senhores”, “vitalícios”, que fazem a política do Palmeiras só posso concluir uma coisa: este clube é desde sempre governado por Mustafá e será assim até o fim dos seus dias. Não há ninguém com força para sequer “fazer um paralelo” contra a sua vontade (considerando que Paulo Nobre também teve de beijar a mão do Mustafá para ser eleito, e só depois, “rompeu” e se manteve pq tinha dinheiro para isso).
    É uma figura do tipo ACM, Sarney, Renan Calheiros, Collor (este mais novo) que fazem e desfazem. E se mesmo fazendo todo o mal que dizem por aí, ninguém foi capaz de empurrá-lo para fora, ninguém garante que quando este morrer não aparecerá outro da mesma espécie para ocupar o seu lugar.
    Isso é o sinal de uma política fraca, sem oxigenação…. não por má vontade dos novos ou dos sócios, mas por vocação destes “senhores”, que parecem ter um tino melhor para se manter no poder do que os novos tem de tirá-los de lá….

  • Mais fácil a torcida fazer um ‘crowdfunding’ pra comprar uma coleção de porquinhos de pelúcia novos pro Nobre voltar. Esse tipo quando morrer vai deixar 3 herdeiros pra continuar seu “legado”.

    Saudades de quando tínhamos um presidente que honrava o hino “ostentando a sua fibra!”

  • Francamente, a disciplina de tipos como esse é, acima de tudo, uma questão de VERGONHA NA CARA,expressão proferida por Edmundo em 1995 no vestiário da vitória contra o Bolivar de La Paz em reclamação pública por atrasos nos pagtos aos jogagores.

    A conseqüência dessa manifestação é que Edmundo foi banido do clube e foi aceita a propsota de 5,5 milhões de dólares do FRAM de Kleber Leite. O banimento foi decidido por consenso dos cogestores — Palmeiras & Parmalat — mas, a iniciativa do mesmo partiu do então diretor de futebol.

    Detalhe: o diretor de futebol do clube era SERAPHIN del GRANDE! Eu assisti na TV à entrevista dele em que afirmou “Edmundo não veste mais a camisa do Palmeiras”.

    O mínimo que se EXIGE agora é que ele tenha o mesmo pulso firme de então e EXPULSE do clube essa excrescência malígna.

    • O que diferencia as situações é que muito provavelmente não havia nenhuma treta ou acordo cinzento de Del Grande com Edmundo.

      Já com Avallone…

      O rabo preso provoca crise de mudez seletiva.

  • Eu jamais imaginaria que um presidente pudesse sozinho fazer TANTA DIFERENÇA.

    Como que Paulo Nobre sozinho conseguiu calar Mustafá, Gilto, Mancha Verde, e outros tantos que agora estão de novo de “manguinhas de fora”?
    Pior, como que essas figuras conseguem ter voz ainda, depois de provado que quando eles desapareceram os títulos vieram e o Palmeiras prosperou?

    Que coisa mais curiosa viu…

    • Pois é… concordo com você.

      A grande ironia é que este mesmo presidente foi chamado de “o pior presidente da história do Palmeiras” por muitos torcedores, inclusive por alguns que frequentam o Verdazzo.

      • Não sei se cheguei a chamar de “pior da história”, mas com certeza eu mesmo xinguei ele em alguns momentos hahahhaha

      • Realmente na quase tragédia de 2014, em ano de centenário, vendo MARCELO OLIVEIRA de CAPITÃO na reinauguração da nossa casa, duvido que a maioria da nossa torcida não xingou PN… Aquela foto oficial JAMAIS sairá da minha cabeça. Hoje, PN pra mim é o melhor que vi à frente da locomotiva Palestrina!

  • Mais uma desgraça que só a morte vai dar jeito. Que morra e leve a desgraça do Mustafa com você maldito!

  • Ao inves de ficar enxendo o saco do matos e do cuce, porque que a mancha não vai atras desses caras que so fodem o palmeiras

    • Pq ela quer (ou já tem) as regalias que tinha antes de PN assumir. Arrisco dizer, sem medo de errar, que se já estão tomando partido escancaradamente, já estão ganhando ingressinhos pra entrar no Allianz na “vascaína”

    • Não sei se já houve uma época em que uma organizada colocava o dedo na cara de quem deliberadamente conspirava contra o clube.

      Mas é certo que nos dias de hoje todas as suas ações são deliberadas de acordo com o benefício oferecido pelo mafios….. ops… dirigente.

  • Deus que me perdoe de falar uma coisa dessas, mas nossa torcida organizada deveria dar é uma prensa num FDP desses ao invés de ficar falando bosta na internet.

  • Basta uma pequena olhada pro passado da humanidade e veremos inúmeros casos de impérios que ruíram graças ao ego de 2 ou 3 que pensam que suas vidas são mais importantes que tudo.

    Sem desejar o mau de ninguém, mas como só existe uma coisa certa na vida e ela se chama morte, que descansem em paz o mais rápido possível, de causa natural, dormindo a noite em suas camas confortáveis.

    Que o Palmeiras passe ileso por tudo isso, e a contraponto de gente tão daninha e perniciosa, que possamos ter resistência até esse grandioso dia chegar.

  • Política é complicado. Acompanho o blog do citado, justamente pra visualizar as ideias contrárias que tenho pra funcionalidade de um clube/empresa de futebol. Então, por esses motivos pessoais e de quantidade de informação ele é tão ferrenho com o nosso diretor de futebol. E também deve ter sido ele que vaza muitos e muitos documentos confidenciais e internos da Sociedade Esportiva Palmeiras.
    Exterminar não tem como, mas o grupo tem que minimizar ao máximo as atuações dessas figuras que denigrem a imagem do Palmeiras.

  • O clube sempre foi capaz de bater qualquer adversário dentro de campo. Mas sofre demais com estas com tantas criaturas tolas, orgulhosas e moralmente falhas que mais se parecem com doenças crônicas malignas.

    É impressionante como o Palmeiras ainda é capaz de sobreviver e mesmo se agigantar tendo suas estruturas roídas permanentemente.

    Homem-bomba?

    Não. Homem-bosta.