1
X
1

Pré-Jogo

Pré-jogo Grêmio x Palmeiras

Na noite deste sábado, a Sociedade Esportiva Palmeiras faz a primeira de uma sequência de três jogos contra o Grêmio. A partida de daqui a pouco será válida pela 15ª rodada do Brasileirão; mas os dois clubes mantêm a Libertadores bem firme no horizonte.

Como a partida de ida pelo torneio continental será no mesmo estádio daqui a três dias, os dois clubes devem mandar escalações alternativas para o primeiro dos três confrontos.

Palmeiras

PalmeirasDESFALQUES
Lesionado:
Vitor Hugo
Suspensos: Diogo Barbosa, Felipe Melo e Zé Rafael

Pendurados: Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Santos e Dudu

Além dos desfalques por cartão e lesão, ficaram na capital paulista fazendo trabalhos físicos Gustavo Scarpa, Willian e Luiz Adriano, que devem se juntar à delegação no fim de semana. Fabiano, Jean e Henrique Dourado não devem ir a Porto Alegre.

Assim, com 24 relacionados, Felipão deve escolher onze e uma possível escalação é Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luis; Thiago Santos e Ramires; Hyoran, Lucas Lima e Dudu; Deyverson.

Grêmio

GrêmioNa mesma situação que Felipão, Renato Portaluppi deve repetir a estratégia da semana passada, quando escalou um Grêmio completamente alternativo para enfrentar o Flamengo no Maracanã e acabou derrotado por 3 a 1. Muito abaixo na tabela, o time gaúcho já relegou o Brasileirão ao fim da fila de prioridades faz tempo.

Por isso, o time que deve entrar em campo esta noite deve ser bem parecido ao da partida no Rio na semana passada: Júlio César, Léo Moura, Paulo Miranda, David Braz e Darlan; Rômulo e Thaciano; Diego Tardelli, Luan e Pepê; Luciano.

Números

  • Diante do Palmeiras, o Grêmio tem um retrospecto de time pequeno: ao todo, foram 93 partidas e o Verdão venceu 40, com 34 empates e apenas 19 vitórias gremistas.
  • Os dois times já se enfrentaram em Porto Alegre 48 vezes e a vantagem é deles: 11 vitórias do Palmeiras contra 17 do Grêmio, mais 20 empates.
  • Na Arena do Grêmio, ativa desde 2012, já foram cinco encontros, com 2 vitórias para cada lado e um empate.
  • Pelo Brasileiro, foram 69 jogos com 33 vitórias palmeirenses; houve ainda 22 empates e 14 triunfos gremistas.

No calendário

O Palmeiras já disputou 20 jogos no dia 17 de agosto e costuma se dar bem. Veja a lista completa clicando neste link.

Lei do Ex

  • Do lado de cá: Fernando Prass, Felipe Melo e Dudu
  • Do lado de lá: Léo Moura, David Braz, Marcelo Oliveira e Paulo Miranda

Arbitragem

Wagner Nascimento MagalhãesÁrbitro Principal:
Wagner do Nascimento Magalhães

Emerson de Almeida FerreiraVAR:
Emerson de Almeida Ferreira

Projeção de pontos

De acordo com a projeção de pontos feita antes do início do campeonato, estamos quatro pontos abaixo. A meta para este jogo era de derrota. Portanto, estamos diante de uma grande oportunidade: depois de tropeços inesperados, uma vitória esta noite nos recolocará bem próximos da projeção.

Parpite

Ainda buscamos dois troféus este ano e a partida desta noite, embora ofuscada pela proximidade de dois confrontos pela Libertadores, vale muito.

O Verdão precisa aproveitar que o foco do Grêmio não está nos pontos corridos e morder três pontos valiosíssimos. E deve conseguir: para carimbar a quinta vitória seguida contra o adversário desta noite, dá Verdão: 2 a 0, com gols de Deyverson e Thiago Santos, para 14.543 pagantes.  VAMOS PALMEIRAS!

Transmissão

Sintonize no PFC e sincronize a imagem com o áudio da transmissão AO VIVO no canal do Verdazzo do YouTube!

PFCPFC

Pós-Jogo

Grêmio 1x1 PalmeirasCesar Greco/Ag.Palmeiras

Em partida mais uma vez decidida por erros da arbitragem, com VAR e tudo, o Palmeiras apenas empatou com o Grêmio em Porto Alegre e deixou escapar mais dois pontos importantes na corrida pelo título do Brasileirão.

Depois de sair na frente com um belo gol de Dudu, o Verdão controlou o jogo, chegou a ampliar o placar ainda no primeiro tempo mas o juiz anulou erradamente, sem consultar o VAR. No segundo tempo, após dar espaço ao time da casa, acabou levando o castigo num chute de fora, em mais um lance irregular, que teve origem num lateral invertido.

O foco agora é no time titular do Grêmio, já que os dois times voltam a se enfrentar pela Libertadores na próxima terça-feira – se é que as marcas deste jogo amargo serão esquecidas até lá.

Primeiro tempo

O Palmeiras deixou sua proposta de jogo bem clara: com a mesma característica de antes da Copa América, montou um sistema defensivo fortíssimo e com um contra-ataque poderoso ameaçava a defesa do time da casa constantemente.

13'
Palmeiras

GOL DO PALMEIRAS! Dito e feito: após o time roubar a bola na defesa, a bola passou por Veiga, Hyoran até chegar em Dudu, em três toques; o camisa 7 tirou David Braz para dançar, cortou para dentro e bateu de esquerda, de chapa, tirando de Julio Cesar e fazendo a bola morrer no canto direito da meta gremista.

24'
Grêmio

Luan tabelou pelo meio e tentou o chute de fora, mas a bola subiu muito.

28'
Palmeiras

Hyoran recebeu de Gustavo Gómez na esquerda e partiu em direção à área; se livrou de três marcadores e finalizou, mas faltou enquadrar melhor o corpo para pegar bem na bola – Júlio César defendeu sem muita dificuldade.

31'
Palmeiras

Léo Moura passou mal a bola na defesa e deu nos pés de Borja, que invadiu a área, tirou para o lado esquerdo e tocou para o gol, mas Júlio César se recuperou muito bem no lance e voou rasante ao gramado para espalmar a escanteio.

33'
Palmeiras

Mayke apoiou pela direita, foi ao fundo e cruzou pelo alto; Borja tentou emendar um voleio mas não pegou bem na bola, que saiu sem força pela linha de fundo.

36'
Palmeiras

Dudu puxou mais um contra-ataque e tocou para Borja, por trás da zaga; o camisa 9 caiu na lateral da área e cruzou no segundo pau, para a testada firme de Hyoran, no canto esquerdo de Júlio César – o bandeira marcou impedimento erradamente e o gol foi anulado. Na imagem frisada, pode-se notar que o pé esquerdo de Paulo Miranda, sobre a linha da meia-lua, dá condição para Borja.

44'
Palmeiras

Borja foi lançado dentro da área, bateu cruzado mas sem muita força, e Júlio César defendeu.

Aos 46, o juiz carioca Wagner do Nascimento Magalhães encerrou o primeiro tempo.


Segundo tempo

Logo com oito segundos, o Palmeiras chegou com Hyoran, que bateu da entrada da área, mas a bola subiu muito.

8'

Mayke sentiu lesão na virilha direita e deixou o campo, para a entrada de Marcos Rocha.

16'
Grêmio

Patrick foi lançado dentro da área, conseguiu dar um lençol em Gustavo Gómez, mas quando se preparava para finalizar teve a carteira roubada pelo paraguaio, que se recuperou bem no lance.

18'

Exausto, Matheus Fernandes deu lugar a Bruno Henrique.

28'
Palmeiras

Hyoran recebeu junto à linha lateral, pela esquerda, cercado por Pepê e Rômulo, mas saiu dos dois com um lindo giro, partiu em direção ao funil, saiu de Léo Moura e disparou, mas de novo não pegou bem na bola e facilitou para Júlio César.

34'

Dudu foi poupado e deu lugar a Ramires.

38'
Grêmio

Luciano bateu de longe, com muita força e muito veneno, e obrigou Weverton a ceder escanteio “de manchete”.

42'
Grêmio

Gol do Grêmio – Pepê disputou com Hyoran e tocou por último a bola pela lateral; a arbitragem inverteu o lance e mandou o Grêmio bater, o arremesso foi rápido e achou David Braz sem marcação, e o zagueiro achou um chutaço de fora, que morreu no ângulo direito de Weverton, que saltou, mas não tinha o que fazer.

50'
Palmeiras

Hyoran viu a ultrapassagem de Victor Luis e tocou; o lateral invadiu a área, cortou pra dentro e soltou a sapatada de direita; Paulo Miranda enfiou a testa na bola e desviou a escanteio, com muita coragem.

51'

O juiz da Federação do Rio de Janeiro encerrou o jogo após seis minutos de acréscimo. Um castigo para o Verdão.





Fim de jogo

Felipão recuou o time no segundo tempo e assumiu o risco. De certa forma, o Grêmio se mostrava mesmo impotente, tanto que praticamente não criou nada, mas havia a chance de uma bola parada ou de um chute longo – o que acabou acontecendo.

Mas apesar do risco mal calculado, o empate veio num gol irregular do time da casa, validado pela arbitragem carioca. Com isso, o Flamengo agradece, já que o Palmeiras acabou caindo para a terceira colocação na tabela, apesar de estar a apenas dois pontos do líder, que joga no domingo.

Que o time saiba tirar a frustração pelo resultado da cabeça e consiga focar na Libertadores. O próximo jogo pelo Brasileirão é só daqui a duas semanas e ainda temos duas partidas contra o Grêmio para resolver nossa vida na Libertadores. A promessa é de dois confrontos épicos pela frente e vamos com tudo pra cima – se as arbitragens deixarem, é claro. VAMOS PALMEIRAS!

Ficha Técnica

Grêmio

GOL
Júlio César
LAD
Léo Moura
ATA
Luciano
ZAG
Paulo Miranda
ZAE
David Braz
LAE
Bruno Cortez
VOL
Darlan
MEI
Patrick
VOL
Rômulo
MEI
Thaciano
MEI
Luan
MEI
Éverton
MEI
Pepê
ATA
Diego Tardelli
TÉCNICO
Renato Portaluppi

Notas


Jogador
Descrição
Nota
Weverton
Sem chances no gol, foi bem nas defesas e nas reposições de bola que foram necessárias.
7
Mayke
Sem ritmo, fazia uma partida sem destaque até que sentiu nova lesão e deixou o campo.
6
Marcos Rocha
Apoiou pouco e teve trabalho com Everton.
6
Antônio Carlos
Bem colocado, tirou todas da área pelo alto e bloqueou alguns chutes de fora.
6.5
Gustavo Gómez
Rápido e bem posicionado, não deu chances aos atacantes do Grêmio.
7
Victor Luis
Discreto, apoiou pouco, mas quase resolveu o jogo no último lance.
6.5
Thiago Santos
Monstruoso, tomou conta do meio-campo e não deixou o Grêmio jogar.
8.5
Matheus Fernandes
Correu o campo todo, complementando a marcação de Thiago Santos e apoiando com competência.
7.5
Bruno Henrique
Entrou num momento mais defensivo do time e só preencheu espaços.
6
Hyoran
Ótima participação, com dribles, deslocamentos e finalizações. Precisa treinar mais o chute final.
8
Raphael Veiga
Participou de triangulações e ajudou o ataque, mas sem brilho.
6.5
Dudu
Mais uma vez decisivo, puxou a maioria dos contra-ataques e mostrou que segue sendo um dos principais jogadores em atividade no país.
8.5
Ramires
Segue sem ritmo, mas sua qualidade com a bola no pé salta aos olhos.
6
Borja
Um bom lance, outros tantos não tão bem executados. Saiu devendo.
5.5
Luiz Felipe Scolari
Luiz Felipe Scolari
O Scolarismo desta vez levou uma invertida. O controle do jogo era real, mas Felipão assumiu o risco ao dar espaço para o Grêmio e acabou, com auxílio da arbitragem, castigado no fim.
6