Abel elogia atuação do Palmeiras no segundo tempo e critica gramado do Castelão

Abel Ferreira em jogo do Palmeiras contra o Fortaleza, durante partida válida pela trigésima quarta rodada do Brasileirão 2021, na Castelão.
Cesar Greco

Apesar do terceiro revés seguido, Abel comentou que a confiança da equipe não está abalada

O Palmeiras visitou o Fortaleza na noite deste sábado e perdeu para o adversário por 1 a 0 – Robson, na primeira etapa, foi o autor do gol do mandante. Após o final da partida, em entrevista coletiva, o técnico Abel Ferreira falou sobre o jogo, elogiou o desempenho do time no segundo tempo e lamentou a falta de eficiência.

“Fizemos um primeiro tempo que não foi bom, mas na etapa final fizemos aquilo que estava dentro do esperado. Tivemos 13 chutes a gol contra 8 do adversário. Destes, 8 foram dentro da área. Cometemos 12 faltas e eles 24, e nossa posse de bola foi maior: 67 x 33. A equipe produziu, mas faltaram os gols”, iniciou.

“Chegamos a marcar um, mas foi bem anulado, só que foi parecido ao gol do Fluminense [domingo passado], porém lá foi validado. Fizemos uma excelente etapa final. Há coisas positivas”, concluiu.

O treinador reclamou também do gramado do Castelão e se mostrou contente por não ter perdido nenhum jogador por lesão.

“Tivemos dois grandes obstáculos na partida: o adversário e o gramado. Havia uma prioridade muito grande para o jogo de hoje: chegar à final sem lesões e, aparentemente, conseguimos”, declarou o comandante.

Abel diz que sequência de derrotas não afeta confiança

Depois de conseguir seis vitórias consecutivas, o Palmeiras chegou à terceira derrota seguida ao perder para o Fortaleza. Entretanto, para Abel Ferreira, isso não afetará a confiança dos jogadores para o dia 27, na final da Libertadores contra o Flamengo.

“O futebol não é uma ciência exata. Aqui é complicado de se jogar, há muita competitividade. O Fortaleza estava com quatro derrotas seguidas e hoje ganhou. As equipes passam por fases, por isso falo muito da importância do equilíbrio. Somos profissionais do futebol e isso faz parte do futebol. É preciso ter calma, confiança e acreditar no nosso trabalho”, finalizou.

Antes de encarar a equipe carioca na decisão, o Verdão terá mais um compromisso pelo Brasileiro: o Atlético-MG. O duelo, que não terá a presença de Abel Ferreira, que foi suspenso, acontecerá nesta terça-feira, às 21h30, no Allianz Parque.