Gabriel Veron fará trabalho especial no Núcleo de Saúde e Performance

Gabriel Veron
Cesar Greco

Jovem artilheiro ficou de fora das decisões do Paulista e Libertadores e acabou cortado no Mundial de Clubes

O início da temporada 2021 de Gabriel Veron será diferente do de outros atletas palmeirenses. Por causa das seguidas lesões musculares que sofreu na temporada passada, o jogador passará por um cronograma especial junto ao Núcleo de Saúde e Performance.

O cronograma consiste, num primeiro momento, de um descanso total da musculatura, para que depois seja feito uma intensificação dos trabalhos de manutenção, fortalecimento e potência.

Antes da final da Copa do Brasil, o treinador Abel Ferreira já havia comentado que era preciso avaliar melhor o biótipo do jogador.

“Nós tivemos alguns problemas com o Veron. Ele é um jogador que temos de estudar melhor seu biótipo, dentro e fora do campo, para tirar seu máximo”, afirmou o português em coletiva.

Em entrevista ao site Nosso Palestra, o Coordenador Científico do Palmeiras, Daniel Gonçalves, explicou o motivo das lesões musculares do jogador.

“O Veron é um atleta em formação. Apesar de ser extremamente precoce, tanto no desenvolvimento técnico quanto no físico, ele jogou pouco pelo Sub-20. Entre os profissionais, o nível de resistência é maior, não tem como ele ter a facilidade que tinha no sub-17. Ele teve uma lesão muscular grave na volta da quarentena; em uma temporada tão apertada, com tantos jogos decisivos, não houve tempo de treinamento suficiente para ele se recuperar e competir adequadamente”, explicou.

Aos 18 anos, Gabriel Veron subiu ao time profissional no final de 2019; com a camisa do Palmeiras já realizou 42 jogos e marcou 11 gols.

  • Sou igual você Conrado. Também não encho o saco de ninguém. E não deixo ninguém me encher.