Abel comenta decisão contra o Flamengo e confirma Felipe Melo no jogo

O técnico Abel Ferreira do Palmeiras durante coletiva de imprensa, no Estádio Centenário, em Montevidéu.
Cesar Greco

Em entrevista coletiva no estádio Centenário, Abel afirmou que está tranquilo e pediu para que os jogadores “desfrutem com responsabilidade” da partida

O técnico Abel Ferreira e o volante Felipe Melo, um dos capitães da equipe, concederam na tarde desta sexta-feira uma entrevista coletiva no estádio Centenário, palco da decisão da Libertadores contra o Flamengo.

Há um pouco mais de uma temporada no Palmeiras e com seis finais no currículo, Abel começou a conferência falando das dificuldades de se manter no topo no futebol e também da trajetória do Verdão até a segunda final consecutiva de Libertadores.

“A experiência dentro do futebol me diz o quanto é difícil vencer com consistência. Se perguntassem aos palmeirenses se eles acreditariam que o Palmeiras estaria disputando a segunda final de Libertadores em um ano, alguns duvidariam. Cheguei à final na temporada passada por causa dos jogadores e, esse ano, o treinador precisou contagiá-los para que chegássemos novamente na final. Escalamos a montanha e temos um propósito muito claro desde o primeiro dia: ganhar a decisão. Estamos [aqui] por mérito, esforço e, principalmente, pela força e caráter dos jogadores”, disse.

“Disseram no ano passado que o Palmeiras chegou à final porque teve um caminho mais fácil. Esse ano pegamos adversários mais complicados e estamos aqui outra vez por mérito, competência e estratégia. Nós fazemos de tudo que for preciso para ganhar o jogo. Se tem que fazer 1 ou 2 gols, fazemos. Basta olhar para os números. Nosso time já mostrou que consegue fazer gols contra qualquer equipe e a qualquer minuto de jogo. É para isso que temos que estar preparados. Quando tivermos a bola, impor o nosso jogo, ter coragem. E quando não a tivermos, fecharmos os caminhos da nossa baliza. O futebol moderno é isso”, acrescentou.

Sobre o confronto, o treinador minimizou o fato de o Verdão não ganhar do Flamengo há quatro anos e pediu que os atletas “desfrutem com responsabilidade” da partida.

“Nos preparamos bem e seguimos o nosso plano. Espero que amanhã os jogadores estejam inspirados e que eles consigam impor o jogo, porque eles têm qualidade. Que eles façam o melhor de cada um, que sejam leais aos seus estilos de jogo e atuem de forma coletiva. Se isso acontecer, nosso propósito se confirmará. Nesse momento eu me sinto calmo e acima de tudo grato. Os atletas e eu sabemos o que temos que fazer. Vamos desfrutar dessa final com responsabilidade porque quantos não queriam estar nos nossos lugares?”, declarou.

“Apesar de não ganharmos do Flamengo há quatro anos, temos a oportunidade de fazer isso amanhã. E desde que estou no clube estamos fazendo história. São esses jogadores que ganham. A história é rica, faz parte do passado, mas quem vive disso é museu. Nosso propósito amanhã é vencer. Já provamos no presente que a gente consegue escrever a história”, completou.

Abel confirma Felipe Melo no jogo

Abel Ferreira e Felipe Melo, durante coletiva de imprensa do Palmeiras no Estádio Centenário, em Montevidéu.
Cesar Greco

Ao ser questionado sobre Felipe Melo, o treinador rasgou elogios ao camisa 30 e confirmou a presença dele em campo na final.

“O Felipe demonstra o espírito dos nossos jogadores. É importante quando joga, quando fica no banco ou quando está fora. Ele tem essa aura de títulos e nos empresta esta experiência. Só digo a ele que se prepare, porque amanhã ele vai jogar”, finalizou.

Logo após a entrevista coletiva, o comandante se juntou ao restante da delegação para fazer o reconhecimento do gramado e do estádio centenário. A última sessão de treinamentos do Palmeiras para a decisão está prevista para acontecer às 17h, no Gran Parque Central, estádio do Nacional.