2
(3)
X
2
(4)

Apesar do time encaixar com a chegada de Celso Roth e conseguir uma sequência boa no Paulistão, o Palmeiras não se classificou para a fase final do estadual e concentrou seu foco apenas na Copa Libertadores. Depois de passar pelo São Caetano nos pênaltis, o Verdão encarou o Cruzeiro, de Felipão, nas quartas-de-final da competição.

Um empate em 3 a 3 no Palestra Italia deixou a decisão aberta para o jogo da volta, que aconteceu no Mineirão. Após novo empate no tempo normal (2 a 2), São Marcos brilhou e o Palmeiras levou a melhor na disputa de pênaltis.

Jogando em casa, o Cruzeiro veio para cima nos primeiros minutos de jogo e, aos 5 minutos, abriu o placar com Alessandro. O gol no começo não abalou o time palmeirense, que partiu à frente e teve boas oportunidades de empatar; sendo uma das principais delas nos pés de Alex, que aos 22 minutos desperdiçou um pênalti. Lopes, aos 32, chutou uma bola na trave e o primeiro tempo acabou com vantagem do time da casa.

Na volta do intervalo, Celso Roth trocou Fábio Junior e Juninho por Tuta e Basílio. O Verdão chegou ao empate antes dos 10 minutos; Arce cobrou falta lateral direto pro gol e igualou a partida. No entanto, seis minutos depois, Cris tocou de cabeça para colocar os mineiros novamente na frente.

Precisando de um gol para ao menos levar o duelo para os pênaltis, o Palmeiras conseguiu o tento mais uma vez em uma bola parada a menos de cinco minutos do final do jogo: Arce, sempre ele, cruzou; a bola passou por toda a área e encontrou a cabeça de Alexandre, que acertou o ângulo de André.

Nos pênaltis, o Cruzeiro teve a chance de finalizar a disputa com Jackson, que acabou isolando a bola por cima do travessão. Marcos brilhou e pegou nada menos que três cobranças; Muñoz bateu o último e o Palmeiras venceu por 4 a 3.




Ficha Técnica

Cruzeiro

André
Neném
Marcos Paulo
Luisão
Cris
Alex Santos
Marcus Vinícius
Ricardinho
Cléber Monteiro
Jorge Wagner
Jackson
Alessandro
Marcelo Ramos
Oséas
Luiz Felipe Scolari
TÉCNICO

Disputa de Pênaltis

Cruzeiro

Palmeiras

Marcelo Ramos
Alex
Cris
Lopes
Luisão
Galeano
Ricardinho
Felipe
Jackson
Arce
Marcus Vinícius
Fernando
Marcos Paulo
Muñoz