Campeonato Paulista 2005

O Campeonato Paulista de 2005 foi disputado por 20 equipes em sistema de pontos corridos, turno único. O campeão foi apurado ao final das 19 rodadas.

O Palmeiras começou a campanha com uma vitória por 5 a 3 sobre a Inter de Limeira, fora de casa. A boa atuação do recém-contratado Marcel fez com que o técnico Estevam Soares dissesse que ele "lembrava o Leivinha". Possivelmente, pelo cabelo.

A boa largada teve sequência com mais duas vitórias, contra Santo André e Paulista. O time ainda tinha que dividir as atenções com a fase preliminar da Libertadores, quando eliminou o Tacuary. Mas as derrotas para São Caetano e Portuguesa Santista colocaram pressão sobre o treinador.

Um empate fora de casa, contra o União São João, marcou a despedida do treinador, que foi fortemente confrontado à beira do campo por Diego Souza BDU após colocá-lo em campo no segundo tempo e substituí-lo dez minutos depois.

Sob o comando de Candinho, o Palmeiras fez uma campanha medíocre, perdendo os clássicos para SPFC e SCCP. O América de Rio Preto nos goleou por 4 a 1 em pleno Palestra.

O Palmeiras terminou a competição num vergonhoso nono lugar, com apenas 25 pontos ganhos, 20 a menos que o líder, e saldo de gols negativo.

Lista de jogos

Lista e estatística dos jogadores