2
X
0

Pré-Jogo

A partir das 19h, a Sociedade Esportiva Palmeiras recebe o Avaí, em jogo válido pela 17ª rodada do Brasileirão. Em meio a decepções e tensões, o time tenta se manter focado nas evoluções táticas e se aproximar mais ainda dos primeiros colocados do campeonato.

Palmeiras

DESFALQUES
Lesionados:
Willian Bigode, Zé Roberto e Juninho
Recuperação Física:
Thiago Martins, Arouca e Moisés

Pendurados: Jailson, Gabriel Furtado, Felipe Melo, Raphael Veiga, Roger Guedes e Keno

O Verdão vai para o jogo em meio a mais um tumulto: notícias desencontradas dão conta que Felipe Melo não joga mais pelo Palmeiras, após um suposto desentendimento com Cuca. Desmentidos e “meio-desmentidos” pipocaram pela internet durante as primeiras horas do sábado, e ninguém sabe ao certo o que está acontecendo. Apenas uma coisa parece segura: o volante não vai para o jogo.

Com a maioria do elenco à disposição e sem restrições forçadas por “prazo de inscrição”, Cuca vai poder trabalhar no Brasileiro a equipe que também quer usar na Libertadores, e finalmente veremos a comissão técnica trabalhando na evolução de um time, e não de vários. Com desfalques de última hora na defesa – Zé Roberto e Juninho estão com lesões leves – a base tende a ser o onze que enfrentou o Sport, no último final de semana: Jailson; Mayke, Mina, Edu Dracena e Egídio; Thiago Santos e Bruno Henrique (Jean); Roger Guedes, Guerra (Jean ou Keno) e Dudu; Deyverson.

Avaí

Mal colocado na tabela, o Avaí vem reagindo e está há três jogos sem perder. O técnico Claudinei Oliveira tem apenas o desfalque de Marquinhos, com problemas no tendão de Aquiles. A lateral esquerda terá a volta de Capa, que cumpriu suspensão na vitória contra o Cruzeiro, e o time deve ser Douglas; Leandro Silva, Alemão, Betão (aquele) e Capa; Judson, Simião, Pedro Castro e Juan; Júnior Dutra e Joel.

Retrospecto

Aproveite todas as funcionalidades do Almanaque do Verdazzo. Consulte os links abaixo, e faça os cruzamentos com outros dados como preferir:

Avaí

Allianz Parque
Allianz Parque
Anderson Daronco
Anderson Daronco
Campeonato Brasileiro
Campeonato Brasileiro

Parpite

Nossos jogadores devem estar ansiosos para afastar as tensões e devem entrar com muita vontade de fazer uma boa apresentação. Resta saber se essa ansiedade vai ser usada como combustível ou se vai atrapalhar a concentração dos jogadores. A torcida vai ter um papel fundamental nessa equação. Fica aqui o pedido: se está com vontade de dar chiliquinho, dê o ingresso para um amigo e fique em casa. Tudo o que nossos jogadores precisam neste momento é de apoio.

Para 31.765 pagantes, dá Verdão: 4 a 0, com gols de Roger Guedes, Guerra, Dudu e Egídio. Sim, o Egídio vai fazer um gol e estamos todos torcendo por ele também. VAMOS PALMEIRAS!

Transmissão

PFCPFC

Pós-Jogo

Palmeiras 2x0 AvaíCésar Greco / Ag.Palmeiras

O Palmeiras fez um jogo convincente, principalmente no primeiro tempo, e venceu o Avaí no Allianz Parque por 2 a 0, seguindo no pelotão de cima do Brasileirão. Além do bom futebol, a partida serviu para que o time e a torcida fizessem as pazes, com momentos muito legais de apoio sobretudo a Egídio. Sinal que Cuca foi ouvido pela torcida e segue com o moral intocado.

PRIMEIRO TEMPO

Cuca mandou a campo aquele que parece considerar a força máxima do elenco, à exceção de Moisés; uma formação que emula a que foi campeã brasileira em 2016. E o time tentou corresponder à confiança bem cedo: logo a 25 segundos, Bruno Henrique roubou uma bola e abriu para Roger Guedes, que tabelou com Guerra, foi ao fundo e cruzou por baixo buscando Deyverson, mas Douglas saiu bem e aparou a bola.

Aos 2 minutos, Dudu virou a jogada e achou Mayke do lado direito; o cruzamento mais uma vez veio por baixo, com Roger Guedes, Guerra e Deyverson na área – Guerra chegava para escorar mas se enrolou com Simião – jogada aparentemente normal.

O Palmeiras dominava o jogo completamente e com naturalidade, sem abusar do preparo físico. A bola correu de pé em pé em pelo menos quatro jogadas, chegando até o interior da área do Avaí – a finalização deixou de acontecer por detalhes em todas elas. Aos 9, depois de escanteio, Jean tentou pegar o rebote da zaga e emendou um canudo de primeira, mas pegou mal na bola.

A vantagem era nítida: aos 11, mais uma vez de pé em pé, Bruno Henrique para Guerra; Guerra para Dudu, que cortou o zagueiro e chutou da meia-lua, colocado, no canto esquerdo de Douglas, abrindo o marcador para o Verdão.

O Palmeiras chegava como queria na frente do gol de Douglas e a zaga do Avaí ia se virando como podia. O adversário só chegou pela primeira vez aos 20: após cruzamento da esquerda, Joel tentou a bicicleta e furou o pneu; Simião pegou a sobra na direita e bateu cruzado, de curva, tentando achar o cantinho de Jailson, mas mandou para fora.

Com a bola, o Palmeiras por vezes armava uma linha com até cinco atacantes: Mayke, Roger Guedes, Deyverson, Dudu e Egídio, com Guerra, Jean e Bruno Henrique encarregados de acioná-los e ao mesmo tempo não deixar o time catarinense armar o contra-ataque sobre nossa exposta dupla de zaga. Aos 23, nova troca de passes curta entre Bruno Henrique, Jean, Roger Guedes e Guerra, que arriscou de fora, assustando Douglas.

Aos 25, Guerra sentiu lesão e foi substituído por Raphael Veiga. Pouco depois, foi a vez de Dudu assustar a todos: o atacante deu uma ou duas gorfadas em campo, precisou de atendimento, mas seguiu na partida. Com as paradas, o ritmo do Palmeiras caiu e o Avaí passou a se arriscar um pouco mais no campo de ataque, exercendo um rápido domínio do jogo. Aos 32, uma enorme sequência de erros de nossa defesa permitiu que Pedro Castro ligasse com Junior Dutra que chutou forte, mas a bola bateu em Luan.

Com as jogadas do Avaí o clima começou a pesar no Allianz Parque. Impaciente, a torcida ensaiou as primeiras vaias, mas o time respondeu rápido aos 33 com um golaço: jogada coletiva de todo o ataque; participaram Roger Guedes, Bruno Henrique, Raphael Veiga e Deyverson, que dominou com autoridade dentro da área e tocou na saída de Douglas e ampliou o placar. Golaço de NOVE-NOVE.

Aos 39, após ensaiadinha na intermediária, Juan tentou surpreender Jailson, mas mandou por cima do gol. O Palmeiras desceu de novo aos 42, com Bruno Henrique: ele recebeu de Dudu, caminhou 3 ou 4 metros e soltou a sapatada, mas a bola saiu à direita de Douglas.

Já no minuto de acréscimo, Juan não gostou de uma marcação de Anderson Daronco; reclamou forte, levou amarelo, continuou com o chilique e foi expulso. O que já não estava tão difícil, ficou menos ainda. O primeiro tempo foi uma grande exibição do Verdão, que mostrou que tem um caminho para furar retrancas – resta saber se vai resistir a um contra-ataque bem encaixado, algo que o Avaí não conseguiu armar.

SEGUNDO TEMPO

O Verdão começou o segundo tempo no mesmo ritmo, mas quem chegou primeiro ao gol foi o Avaí: Luan errou o passe no meio-campo, Junior Dutra roubou e acionou Joel, que ganhou a disputa com Mayke e bateu por cima do gol de Jailson, assustando.

Aos 9, depois de mais uma boa descida, a bola girou até chegar em Jean, que bateu forte – a bola tirou tinta da trave direita de Douglas, que estava vendido. Aos 11, Mayke abriu para Roger Guedes que cruzou, a bola passou por toda a área e chegou em Egídio, que suspendeu de novo – Roger Guedes disputou com o zagueiro e tocou para o gol; Douglas fez uma defesa espetacular e Deyverson tentou um voleio no rebote, mandando no travessão; Daronco viu falta de Roger Guedes e o lance já tinha parado. Um minuto depois, Jailson trabalhou num chute surpreendente de Joel, que girou o corpo na entrada da área e mandou um foguete – nosso goleiro mandou a escanteio.

Aos 14, Dudu cobrou escanteio da direita, Douglas tirou da área e Jean pegou a sobra; ele abriu para Egídio que tentou o gol de cavadinha, de direita – até que foi uma boa tentativa, mas a bola saiu por pouco. Aos 18, Mina sentiu dores na região lombar e deu lugar a Edu Dracena.

O Verdão diminuiu muito o ritmo e o jogo ficou morno. Cuca então mandou Keno ao campo, no lugar de Roger Guedes – Dudu caiu para a direita. O Verdão chegou de novo aos 34: Dudu tentou ligar com Veiga; a bola espirrou e caiu em ótima posição para Mayke na direita, que cortou o lateral para dentro e soltou a pancada, buscando o canto esquerdo de Douglas – a bola saiu roçando na rede, dando impressão de gol para o pessoal da Central Leste. Aos 36, Dudu foi o fundo e cruzou por cima; Keno escorou de cabeça, fraco, mas Douglas se atrapalhou e quase ficou com as penas na mão.

Dudu pegou a bola na direita aos 39 e humilhou Capa; cruzou por cima e a zaga raspou de cabeça; a bola caiu no pé de Egídio que emendou de primeira para o meio do bolo e Raphael Veiga quase escorou para dentro. Aí o Allianz Parque viveu um daqueles momentos geniais: um grito de EGÍDIO uníssono, apoiando o jogador e dando um moral imenso para ele e para todo o elenco para a sequência da temporada. O jogo seguiu sem maiores destaques atéo apito final.

FIM DE JOGO

O primeiro tempo foi muito bom. O Palmeiras mostrou força ofensiva com toques rápidos e envolventes, atacando com até oito jogadores diante de um Avaí incapaz de armar um bom contra-ataque.

Que Cuca tenha observado essa vulnerabilidade e não se iluda com a incapacidade do time catarinense. O Barcelona tem pontas habilidosos e muito velozes que estarão bem mais prontos para uma estocada fatal que Junior Dutra e Joel. De qualquer forma, foi um jogo muito agradável de se ver.

A torcida respondeu ao chamado do treinador e apoiou quase o tempo todo, com exceção de alguns minutinhos antes da marcação do segundo gol. Não houve manifestações acerca de Felipe Melo e a eliminação da Copa do Brasil parece que foi bem assimilada. O time titular agora segue para Atibaia, para iniciar a preparação exclusiva para a decisão contra o Barcelona, enquanto o resto do grupo segue a disputa do Brasileirão. E nós seguimos confiando no trabalho do grupo e da comissão técnica. VAMOS PALMEIRAS!

Ficha Técnica

33.633

R$ 2.139.243,95

Anderson Daronco

Súmula

Borderô

Avaí

Douglas
Leandro Silva
Alemão
Betão
Capa
Judson
Simião
Diego Tavares
Pedro Castro
Juan
Júnior Dutra
Maurinho
Joel
Rômulo
Claudinei Oliveira
TÉCNICO

Notas


Jogador
Descrição
Nota
Jailson
Foi exigido uma vez e fez uma boa defesa; teve outras bolas altas e saiu-se bem em quase todas- apenas uma borboletadinha.
6.5
Mayke
Coordenado com todo o lado direito, atacou e defendeu com competência.
7
Mina
Partida tranquila, mal aparecia em campo até sentir uma dor na lombar.
7
Edu Dracena
Manteve o nível e tirou o que apareceu com seriedade.
6.5
Luan
Rebateu o que tinha que rebater sem gracinhas. Na hora de sair jogando, cometeu alguns erros perigosos na frente da intermediária.
6.5
Egídio
Não foi nada excepcional, mas simbolizou o abraço da torcida no time. Vai se lembrar para sempre desta partida.
7.5
Bruno Henrique
Firme e perfeitamente adaptado ao esquema. Apóia com muita qualidade.
8
Jean
Não teve amesma qualidade do parceiro, mas também esteve muito presente e consciente do papel a desempenhar.
6.5
Roger Guedes
Oscilou, com momentos muito bons no primeiro tempo, mas bem apagado no segundo.
6.5
Keno
Deu um gás no final e criou algumas chances de gol quando o jogo estava morno..
6.5
Guerra
Participou de belas trocas de passes atéo momento da lesão. Vamos torcer para que não seja nada.
6
Raphael Veiga
Um pouco abaixo de Guerra na qualidade da troca de passes, mas adaptado à função.
6.5
Dudu
Voltou a ser o endiabrado que conhecemos. Como disse o menino Samir, Dudu é zica.
8.5
Deyverson
NA MOVIMENTAÇÃO, lembrou bastante Gabriel Jesus. E ainda guardou o dele mostrando colocação, habilidade e oportunismo. Agradou muito.
7.5
Cuca
Cuca
Armou um time ofensivo que dominou o jogo do início ao fim; a defesa ficou exposta mas não foi incomodada. Esperamos que tenha calculado o risco.
8





  • Pela entrevista do Cuca ficou claro de que o Palmeiras jogou por “1” bola. Quando ele diz que este tipo de jogo não se ganha nos primeiros minutos e tals…
    Até concordaria, se os nossos titulares não tivessem sido poupados na rodada do final de semana para entrarem “voando” contra o cruzeiro que jogou com time completo contra o avaí em floripa.
    Em tempos em que tanto se fala em fisiologia e desgaste, o Palmeiras deveria ter proposto um jogo intenso desde o início afim de estourar o cruzeiro no 2º tempo. No entanto, ficamos cozinhando o jogo…
    Vai entender!

  • O problema é que o Palmeiras é, desde 1914, o alvo preferido da imprensa. Em 2015, o time não merecia ganhar a Copa do Brasil na visão dos mestres da imprensa esportiva, inclusive sendo motivo de chacota (Cereto, Canalha, etc). Ganhamos com méritos e mesmo depois continuou o mimimi (Sormani santista doente, por exemplo). Em 2016 lideramos o Brasileirão quase todo e, mesmo sem disparar tanto na liderança como os nojentos de itaquera, houve o mimimi de que os pontos corridos não tem graça. Ah, e teve também o Cucabol do flamenguista Mauro Cezar Limão Pereira. Agora, em 2017 o Palmeiras, através de um patrocínio PRIVADO, cometeu o pecado mortal de ter investido e contratado bastante. Esses fatos deveriam servir de motivação aos atuais jogadores na busca do que resta em 2017, assim como foi feito em 2015 que culminou com a taça da Copa do Brasil.

    • Cara que a imprensa ridícula se phoda! Por isso ficamos aqui no Verdazzo! Não liga não e nem assista estes programas totalmente parciais. Nem os jornalistas, ditos palmeirenses, falam bem do Verdão nem quando estamos liderando algum campeonato (PVC, Noriega, Mauro Beting, Gian Oddi ee etc).

      • Noriega chega a dar nojo dos comentários dele. Pra ele, nenhum jogador do Palmeiras presta, jogada de gol do adversário é 100% de erro do defensor do Palmeiras. Incrível como uma pessoa dessas pode ser comentarista. E quanto aos outros, nem dá pra contar.

        • velho, nós damos razão, não estamos jogando nada. Nossos jogadores não funcionam, os camisas 10 do cruzeiro jogaram bem (neves e arrasca) o Guerra coitado, nem aparece

          • Machucaram o Guerra no início do jogo, e o juizão caseiro sequer deu amarelo.

          • Depois de tomar uma paulada daquela, que era pra vermelho (mas lógico, só nós “fanáticos” que enxergamos uma jogada extremamente maldosa no Guerra), fica difícil até colocar o pé no chão. Nossos jogadores, se triscassem nos jogadores de açúcar deles, era falta e muitas vezes amarelo. MESMÍSSIMA lógica do apitador do jogo contra o flamidia. Se não tem coerência no apito fica difícil jogarmos em igualdade de condições

        • É que o Noriega é da ala da Turma do Amendoin. Ele fica indignado e só corneta. kkkkkkkkkk

          • Prefiro “ler” a babaquice do Noriega TODO SANTO JOGO como um cara extremamente mal intencionado, pra ser light!

      • O Gian Oddi é um dos únicos que ainda defende. Esse ano eu vi ele fechar o pau com o MCP. Aquele dia me senti representado.

  • Analisando a tabela, em agosto teremos 6 jogos 4 em casa contando a liberta, mais o do avai amanha, acho que da pra dar uma arrancada. Atl,PR,Chape e Bambis, em casa, Bota e Vasco fora

    • Esquece, amiguinho, vamos com o time reserva na maioria desses jogos, quiçá com o terceiro time. Brasileiro “NÃO É PRIORIDADE”! Não esqueça disso! Mas… não deixe de ir religiosamente ao estádio, afinal ser torcedor é aceitar qualquer barbaridade que nosso amado time decidir!

        • Ganhamos do Ixpó fora de casa, com time misto. Lá, poucos times sairão sequer com um empate. A questão da “obediência tática” me parece mais azeitada com o time B do que com o time A (que parece que se conheceram sempre antes das partidas).

      • Estratégia titanic e de clube desorganizado. A prioridade sempre deve ser os pontos corridos, que consolida a hegemonia. Copas são consequências e mais cedo ou mais tarde ganha alguma. Agora seremos nem / nem. Nem pontos corridos e Nem copas. Que a lição seja aprendida.

  • Na minha opinião, quem mais errou no gol foi o Roger, ele deixou o cara do cruzeiro livre para cruzar. Assistindo o lance novamente pude constar que o Thiago Santos também falhou, ele acompanhava o cara que cabeceou, o Mina até olha para o lado e vê o Thiago junto do cara mas ele simplesmente desiste do cara.

    Egídio até fez um bom jogo, errou algumas inversões e no lance do contra ataque deveria ter tocado a bola. Vejo muita critica injusta.

    Não concordo com a nota Borja, a bola não chega não tem como o cara fazer gol. O Cuca tem que para de fazer ele jogar fora da área . Ele não é o Gabriel Jesus.

    Guerra jogou muito mal, ele não pode ser poupado nunca, perde muito fácil ritmo de jogo.

    • Egídio, as críticas são mais pelo conjunto da obra. São 3 anos já em que o cara só não vai mal quando não precisa usar mais de 2 neurônios. Pra mim já esgotou o estoque de paciência.

      Guerra, vindo de contusão levou uma entrada criminosa no começo do jogo que TIROU todo o impeto dele.

      Borja, Realmente a vida dele não está fácil. O esquema não é o ideal, a fase não colabora (contra o mimimimengo duas defesaças do goleiro, contra o Cruzeiro zagueiro ‘defende’ com o rosto uma bola que ia na gaveta na única oportunidade de chute que ele teve) e essa ‘falta de sorte’ contribue ainda mais pra ele não conseguir recobrar a confiança, tão essencial pra ele acertar aquele domínio, aquele passe, aquela corrida na direção certa, na hora certa…. ele vê a bola vindo e já entra em panico.

      Dito isto, ele também se demonstrou muito frágil psicologicamente e bem cabecinha de vento. Enquanto não botar a cabeça no lugar e jogar com mais inteligência, só uma obra divina o fará reencontrar o caminho das redes. (Eu sendo da diretoria contrataria o melhor psicólogo de rendimento esportivo no mercado pra acompanhamento exclusivo e diário com ele, pelo potencial dele vale a pena tentar; e também botaria o Evair pra ‘treinar’ ele durante alguns dias)

      O lance do gol ainda não tive estomago pra analisar de cabeça fria….

  • Se o Sr Egídio já está em aviso prévio,qual seu interesse em se comprometer profissionalmente com a Empresa,errrr digo Palmeiras?Vocês em aviso prévio ficariam trabalhando animados?

      • Ele tem contrato até dezembro de 2017 e não foi e nem será procurado para renovar,daí a analogia que usei ao instituto do aviso prévio da CLT.Entendeste?
        A mesma coisa,acho que valerá para Prass…

    • Tem jogadores que quando o fim do contrato se aproxima nem se preocupam em mostrar serviço pra conseguirem a renovação. Se o Palmeiras não quiser estender o vínculo, o empresário dele empurra o perna-de-pau para outro grande clube. Vide Márcio Araújo, que nunca jogou nada por onde passou e sempre está vestindo uma camisa de peso.

  • Agora é agarrar a liberta com unhas e dentes. Cadê o espírito de campeão do time do BR 16? Está faltando isso tbm, nossos problemas vão além de falta de entrosamento e desfalques, as vezes dá impressão de que o time acha que pode decidir o jogo na hora que quiser.

  • Alguém ja disse aqui mesmo e é coisa para se refletir. Não é nada comum, para se dizer o minimo, que time descansado nao joga bem. Sei que parece absurdo e depõe contra a lógica mas..quase toda vez que o time é poupado…acaba perdendo. Na verdade, talvez, se perca o embalo..ou a motivação arrefece. Tem outras crenças que também nao se sustentam como a fe que “goleiro precisa estar jogando todas”…mas isso é outra conversa. Vamos para Atibaia, treinar e descansar e chumbar o Barcelona e tomara que seja apenas minha impressão essa coisa de ritmo!!!

  • Sinceramente, nem cogito a hipótese de sermos eliminados por um time equatoriano (!) dentro do Allianz Parque. Não somos gambás nem mulambos, certo?!? VAMOS, PALMEIRAS!

  • Tenho uma opinião
    O Palmeiras hoje é o clube de futebol mais organizado do Brasil e a nível de Europeus top de linha. Tem suas receitas diversificadas e independentes onde o pilar principal é nossa torcida de 14milhoes de palmeirenses pelo mundo e nossa vitrine e o Allianz Parque o mais moderno do Brasil e um dos 5 mais belos do mundo. Temos hoje o maior patrocínio das Américas e as finanças saneadas . Enquanto os clubes brasileiros têm de vender pra Europa a gente compra . Tudo isso desperta inveja e despeito nos outros clubes e na imprensa que aproveitam nossas derrotas e desclassificações para colocar toda dor de cotovelo pra fora. Cabe a nós palmeirenses não embarcar nessa , não temos compromisso com dinheiro, temos que nos orgulhar dessa organização que hoje nos leva a vibrar nas partes de cima das tabelas e com uma administração onde os títulos não serão obrigação e sim consequências como mostra nossa história. Em resumo “não peguem pilha na imprensa” vamos curtir a organização mais moderna do Brasil!

    • Perfeito! Voltamos ao protagonismo e o futuro nos pertence! Títulos e elencos com grandes atletas serão apenas uma consequência normal. VAMOS, PALMEIRAS!

      • Os títulos da Copa do Brasil e principalmente do Brasileirão são o reflexo dessa organização dentro de campo!

          • Esse ano pode estar abaixo das expectativas mas mesmo assim estamos vivos na libertadores chegamos as quartas de final da Copa do Brasil e vamos brigar na ponta do brasileiro até o fim, infelizmente os GAM dispararam e vai ser dificil buscar.
            Nem um time no mundo por mais bem organizado que seja tem temporadas espetaculares todos os anos… mesmo se não ganharmos nenhum titulo esse ano o time está disputando todos os campoenatos para ganhar e invariavelmente irá conquistar mais titulos nos proximos anos, isso na minha visão é resultado da organização.

          • Eu concordo com você, nem estou exigindo que o time ganhe alguma coisa todo ano, isso é muito dificil, mas pelo menos um futebol competitivo temos que apresentar.

          • Mas o nosso futebol está competitivo. Em todas as derrotas tínhamos plenas condições de ter ganho!!

            ISTO É ser competitivo!!!

            Claro,ainda estamos longe de jogar uma partida vistosa ou taticamente exemplar, mas isso é reflexo da instabilidade gerada pelas duas quebras de comissão técnica.

            Precisamos de ajustes, mas isso não significa que não estejamos sendo Competitivos.

    • Concordo em gênero, número e grau.Tem gente que parece preferir contratações bisonhas e que quer reviver as épocas em que perdíamos jogadores meia boca (vide Ilsinho, Luis Felipe e tantos outros) para times “tipo C” da Europa ou até mesmo times do Brasil. Mas, ficar assistindo Fofox, RGT, ESPN e todos os outros canais “convencionais” dessa mídia gambá não vai fazer pensar muito diferente disso não! Prefiro ficar com a nossa mídia e confiar até o fim. Não acredito que passemos esse ano em branco e, sinceramente, se essa tragédia acontecer, começamos do zero em 2018. Já recolhemos cacos muito mais doloridos que isso tudo. FORZA PALESTRA!!!

      • Não vejo como tragédia. Onde está escrito que o Palmeiras deve ganhar tudo todo ano? Só se for na cartilha da imprensa esportiva maldita. Ficamos 17 anos de 1976 a 1993 (eu vivi isso). Tivemos outros períodos recentes de seca (de 2001 a 2015 ganhamos apenas 1 paulista e duas séries B). É chato? Lógico, mas passar uma temporada sem títulos não é nada pra quem aguentou na fila por tanto tempo.

    • Penso que, com esse tempo pra treinar o time, de preferência em Atibaia, a tendência é ir longe na Libertadores e dar trabalho ao time do entulhão e itaquera.

  • A Copa do Brasil seria uma “cereja no bolo” deste ano, não era uma conquista indispensável. O problema é que com a distância pro líder no Brasileiro (ainda mais sendo os imundos) e com esse futebolzinho que não gera esperança é capaz de sairmos de férias depois do jogo contra o Barcelona-EQU. O Cuca ainda tem tempo pra armar o time e passar pelos equatorianos, mas não será jogo fácil. Pra que isso aconteça, NA MINHA OPINIÃO é indispensável que ele pare de tentar recuperar alguns jogadores no meio das competições. Tche Tche, Jean, Prass, Mina e talvez até o Dudu devem pegar alguns jogos de banco pra refletirem.

    O jogo da Liberta é dia 9 de agosto, até lá teremos Avaí em casa (29/07), Botafogo fora (02/08) e Atlético-PR em casa (06/08). São 3 jogos que dá tranquilamente pra jogar até com o time C e ter relativo sucesso. Vinicius, Fabiano, Augusto, Antônio Carlos, Tche Tche, Hyoran, Alanzinho, Erik… tudo disponível pra esses jogos e completa com o sub-20. Leva 2 times pra Atibaia e treina, treina, treina e treina.

    Jailson; Mayke, Luan, Juninho e Egídio (Mina); Thiago Santos, Bruno Henrique, Veiga e Guerra; Keno e Deyverson. E seja o que Deus quiser!

  • Ah, e para os cornetas de sofá como aquela bicha que foi fazer uma cena com o Mattos e o Felipe Melo, não fomos eliminados por conta do jogo de ontem, muito menos pelo futebol apresentado ontem. Fomos eliminados a não entrar fervendo no primeiro jogo. Tomando 3×0 ainda no primeiro tempo. A única coisa que eu mudaria de ontem seria a postura em reclamar mais com o juiz, que marcou tudo a favor do Cruzeiro.

    • Não fomos eliminados no 3 x 3, porquê tivemos mais 90 minutos para mudar nosso destino. Perdemos ao tonar 3 x 0 naquele primeiro tempo, perdemos ao apos empatar em 3 x 3, tirarmos pé e aceitar o empate em casa, perdemos ao não chutar sequer uma bola no primeiro tempo ontem, perdemos ao chutar só duas bolas no segundo tempo ontem, perdemos quando o Egídio fez aquela cagada naquele contra ataque, perdemos quando o Tche Tche jogou pra lateral a bola qye podia isolar pra frente, perdemos ao fazer retranca tão cedo, 25 do segundo tempo, perdemos quando o Mina não tava onde deveria no gol deles, perdemos em cada bola que o Borja dominou de canela ontem, perdemos com o monte de faltinhas que oThiago Santos fica fazendo, atrasando o jogo…

      Não perdemos por um tempo no Allianz, perdemos porque o time está jogando mal sempre, fazendo diversas cagadas por jogo, foram 180 minutos onde jogamos bola em apenas 20, e só porque o resultado estava tão bom pro adversário, que eles resolveram ficar só atrás na miúda, nos permitindo atacar sem se preocupar com a catástrofe que é nossa defesa.

      • Exatamente essa mania de querer jogar sempre só uns minutos por jogo que ferra tudo.
        As vezes o futebol desses minutos é o suficiente e ganhamos, muitas vezes não.

        É um time preguiçoso regido pela Lei do Minimo Esforço.

        Tomara que em Atibaia o Cuca consiga acabar com isso e fazer os caras não se conformar nem em perder o cara e coroa.

      • No segundo jogo o Palmeiras teria que vencer fora de casa. Não existe um time que enxergue isso numa boa. Ainda mais contra um time que recompõe rapidamente como o Cruzeiro. Foi um jogo atípico. Por isso foi tão esquisito. Palmeiras ir ao Mineirão e ter mais posse de bola? Jogar de igual pra igual. Foi isso que aconteceu. E no final o time pagou o preço do jogo todo dando mais do que o fôlego tinha. Um 3×2 em casa seria diferente. O jogo todo seria diferente. É isso que eu quis dizer.
        E sobre o Egídio, não acho que ele ter jogado aquele contra-ataque fora foi o pior lance dele. O pior lance do Egídio foi um pouco antes do gol do Cruzeiro sair, quando ele ao invés de sair jogando, ele dá um chutão pra frente pra se livrar da bola, me lembrou o final do jogo contra o Barcelona do Equador.
        Mas eu confio no Cuca, e sei que ele está vendo tudo isso.
        Como diria o nome de uma música dos Scorpions: The best is yet to come.

  • Ao final de 2016 tínhamos um time cascudo, de qualidade, bem armado e confiante, mas que tinha problemas nas laterais. Com a troca de técnicos e sem corrigir os problemas das laterais, passamos a ter, no início de 2017 um time cascudo, de qualidade e ainda confiante, mas ainda com problemas nas laterais.
    Ao final do Paulista, com alguns meses de trabalho do Eduardo Batista e com a lesão do Jean, passamos a ter um time de qualidade com a confiança meio abalada e com ainda mais problemas nas laterais.
    Hoje em dia trouxemos de volta o Cuca e não tivemos tempo pra treinar, o Jean voltou agora e a esquerda continua com grandes problemas, mas a confiança, toda aquela experiência pra se jogar e vencer jogos, toda a armação do time de 2016, e toda a malandragem de se jogar futebol acabou. Foi tudo perdido.
    Não to falando do resultado ontem. Fizemos um bom jogo, conseguimos reverter um 0x3 no primeiro jogo e quase nos classificamos. Temos jogadores de qualidade, sem dúvidas, melhor que o elenco do Cruzeiro, mas não é mais um time cascudo, não é mais um time acostumado a vencer.
    Pra levar a Libertadores, isso tem que mudar, e vamos precisar do Brasileiro. Coisa que deveria ser o contrário, deveríamos abandoná-lo. Será uma decisão difícil, as duas opções são certas e erradas.
    Como se não bastasse isso, temos pela frente o melhor dos times que eu vi jogar na Libertadores. Um time rápido que jogar melhor fora do que em casa, e ele ainda tem a vantagem do empate…
    Fico com a definição de fé: Substantivo feminino; Crença; convicção intensa e persistente em algo que não se pode ver nem sentir.

  • Contra o Botafogo e Barcelona :
    Jailson
    Mayke Mina Juninho Michel
    TS ( FM ) BH
    Guedes Guerra Dudu
    Deyverson

  • Jailson
    Mayke Luan Juninho Michel
    FM BH
    Erik Veiga Keno
    Deyverson
    Testa mais o Michel na LE ….. Cazzo

  • Quem tudo quer nada tem. A eliminação é uma dura lição, será aprendida e pelo elenco que amadurece e fica um pouco mais pronto para encarar o verdadeiro objetivo de 2017.
    Peças importantes voltando, tempo para trabalhar, mídia e rivais desmoralizando, bons profissionais sendo desafiados… Já vi esse filme algumas vezes, adoro o final e recomendo bastante. Só não conto qual é porque detesto spoiler.

  • Talvez, eu tenha tido olhos muito “Poliana”, mas, em termos de postura participativa, movimentação pró marcação e atitude de imposição frente ao adversário, o jogo de ontem foi o que mais me converceu do Borja; sem falar que o já falado contra-ataque estragado pela escolha errada do Egidio teve participação decisiva do Borja ao se apresentar, proteger bem a bola e fazer o passe pra faixa central do campo.

    ***
    Quanto gol do CRU, acho difícil ver culpa do Jailsão da Massa: cruzamento, possivelmente, seja o lance mais ingrato pro goleiro porque, ao se movimentar em paralelo à linha do gol, a bola vai mudando de ângulo muito rapidamente; com isso, goleiro tem pouquíssimo tempo pra “fechar o ângulo”. Jailsão estava guardando a posição central do gol e o menino do CRU — absurdamente desmarcado quase na risca da pequena área — mandou a bola bem mais pro canto do que pro meio do gol.

    Respeito discordâncias, mas é o que eu vi.

    #ForzaCuca
    #VamosPalmeiras

    • Concordo. O time não criou absolutamente nada ofensivamente. Laterais sem força e que se desfazem da bola nos cruzamentos, meias que não criaram, pontas que se destacaram mais por marcar os laterais adversários do que pela profundidade…
      Quando o Palmeiras jogar uma partida dominante, criando várias situações de gol e o Borja ficar sumido, ai vou criticá-lo.

      Quanto ao Jailson, sem chances no gol.

      • Já houveram vários lances e oportunidade de gol para o Borja em outras partidas, todas devidamente desperdiçadas. Ninguém vai marcar todas chances que tiver (talvez o Jô?), mas o argumento de que a bola não chega é falso. Não chega em profusão, mas chega.

  • Segundo alguns palmeirenses daqui, segurar o resultado e fazer catimba é jogo sujo, que devemos dar exemplo. Até mesmo entre brasileiros.. Então, vamos ministrar aulas de “exemplo” pro Peñarol, Nacional, pro Boca, River… Eles devem estar loucos pra aprender essa inocência que o brasileiro tem. Você ser inteligente e saber jogar Copas agora é jogo sujo. Que piada!

    • Olha Matheus, tem formas e formas de segurar o resultado. O que o Cruzeiro fez depois de ter feito o gol foi dentro das regras e normalidade. Prendeu a bola no ataque e conseguiu faltas e escanteios que acabaram impedindo que nós tentássemos alguma reação.

      Neste caso aqui, não vi nenhum jogo sujo.

      Nós quando estávamos ganhando, poderíamos fazer exatamente o que o Cruzeiro fez, mas não tivemos competência para isso.

      O que Penharol, Nacional e outros clubes sulamericanos fazem é o anti-futebol. Se é sujo ou não, isto cabe na interpretação de cada pessoa.

      Mas não é o futebol que eu, particularmente, aprecio…

  • Faltou vontade de ganhar. Faltou espírito de decisão. Até aquele contestado time de 2015 que ganhou a Copa do Brasil tinha mais culhão que esse. Aquele time foi achincalhado pela imprensinha, inclusive com o Sr. Ceretto dizendo que a gente ia passar vergonha na final contra o Prantos. João Canalha chamando Victor Hugo de vice antes mesmo da final. Ricardo Oliveira fazendo aquelas caretas de deboche quando marcava gol na gente. Faltou a esses jogadores assistirem às montagens feitas na época com as palhaçadas da imprensa. Ainda dá tempo de consertar as besteiras desse ano motivando esses caras. Se bem que falar em motivação pra jogador que ganha centenas de milhares de reais chega a ser ridículo…

    • Concordo que faltou vontade de ganhar. Concordo que faltou espírito de decisão. E isso tem uma explicação, que é a mesma para o BR17: CdB não era “prioridade”. Só a Liberta interessa, só nela os jogadores vão morrer em campo para ganhar, isso porque TODOS falam que ela é A prioridade. Jogador de futebol é meio primário mesmo (sem politicamente correto aqui, ok?), se falam toda hora que o campeonato “bom” é a Liberta, ele vai “largar mão” dos outros. É instintivo. Por isso detesto quando falam que a porcaria da Liberta é prioridade.

      • Concordo. E acho que o título do Brasileiro ano passado, e o da CdB em 2015 dá mais força ainda pra esse pensamento. A impressão que dá é que os caras entram nos jogos dessas duas competições como se tivessem com o dever cumprido. Acho inadmissível pelo investimento em elenco e é claro, por se tratar de Palmeiras. Tá faltando comando aí e o GRU parece não se importar.

  • Agora é colocar quem estiver bem fisicamente contra o Avaí .
    Depois definir o time titular do brasileiro = time da libertadores . Treinar esta formação e colocar contra o Botafogo que é um bom teste . Avaliar e corrigir os erros, poupando todo mundo contra o Atlético-PR .
    Este jogo de volta vai ser complicadíssimo, mas dá pra passar .
    Passando das oitavas, teremos mais tempo para treinos e melhora do time pra pegar o Santos .

    • Também acho que agora existirá o tempo necessário para definir o time titular e treiná-lo, além de dar continuidade a recuperação do campeonato brasileiro com mais 3 vitórias até o final do turno.

      Passando dia 9, o time evoluirá naturalmente…

  • Mina cade vc no lance do gol??? esse ano ele esta peladeiro, precisa guardar posição cazzo, e jean tbem marcar e fechar as laterais( veja a cara do mesmo qdo saiu o gol pelo lado dele)….. Precisamos colocar mais um meia ( o moises) pois os atacantes estão passando fome…. a melhor chance de gol foi criada pelo Borja, onde o glorioso Egídio fez o favor de isolar a bola, em vez de rolar para Raphael veiga que faria o gol sozinho, sem marcador…..

  • Agora as 2 competições que restam não restringem a utilização de nenhum jogador.
    Agora teremos 10 dias de treinos em Atibaia.
    Agora haverá 4 semanas livres para treinos com a eliminação da CB.
    Agora haverá tempo para o Cuca treinar o time.

    E precisamos de muito treino para montar um time. Digo isso, pois apesar de enorme, falta ao elenco do Palmeiras 1 ou 2 jogadores extra-classe que chamem a responsabilidade e façam a diferença em jogos decisivos.
    O elenco é numeroso e não existem unanimidades. Temos 4 opões para cada lateral e nenhuma das 8 opções é incontestável. Temos vários volantes, mas nenhum é incontestável. Temos vários meias, mas temos grandes dificuldades em manter posse de bola e de criar jogadas pelo meio. Temos vários atacantes esforçados, brigadores e que ajudam a “recompôr” mas nenhum que seja realmente fatal.
    Nem no gol houve unanimidade.
    Escolher 11 titulares neste elenco é uma tarefa dificílima. Irá mais da confiança do técnico e da sequência de jogos.

    Não temos um grande driblador. Digo driblador e não “boi bravo”.
    Não temos um bom cobrador de faltas. Qual foi nosso último gol de falta?
    Não temos um grande cobrador de escanteios. Onde estão os gols de cabeça de 2016?

    Precisaremos muito que o Cuca consiga montar um TIME.

  • 1) Enquanto o Borja jogar com uma ponta de cada lado, nesse 4-3-3 pode esquecer, não vai render. Ali ele fica preso no meio da zaga adversária que não precisa fazer nenhum esforço para marcá-lo. Ou coloca-se mais um meia para ajudar o Guerra (Zé Roberto ou Veiga) tirando um ponta, e fazendo a zaga adversária abrir espaços com troca de passes ou então é melhor improvisar algum jogador de mais movimentação na vaga do Borja.
    2) 4-3-3 NÃO JOGA-SE COM CENTROAVANTE
    3) Esse esquema requer movimentação dos homens de frente troca de posições, troca de passes e marcação de saída de bola, coisas que o Borja não sabe fazer e não faz.
    4) Essa insistência em forçar o jogo pelas pontas e mandar a bola na área, já está mais que manjada pelos adversários, que afastam os cruzamentos e forçam os contra-ataques nas costas dos laterais.
    5) O Mina é zagueiro, TEM QUE SE PREOCUPAR EM DEFENDER, e não ficar subindo que nem uma louco. Quando ele vai pra área fora de hora, o adversário ja sabe o que vai acontecer (chuveirinho), e isso facilita a vida deles.
    6) Egidio não dá mais, é melhor ir de Michel Bastos e deixar alguém protegendo a zaga nas suas subidas, ou até mesmo improvisar um destro na LE. CHEGA DE EGÍDIO.

    • Cara, achei alguns pontos interessantes no seu comentário.

      1) Enquanto a bola for redonda o Borja não vai render. Simples assim.
      2) Depende, mas entendo seu questionamento.
      3) Troca de posição, passe e marcação o Borja não sabe fazer, OK. O que ele sabe? Ele é o ~finalizador~? Já cansou de perder gol com a camisa do Palmeiras, irmão. Cansou. E o domínio de bola, então? A bola bate nele e volta, é uma parede. Não faz pivô, não cria, não finaliza. Tá osso esse cara.
      4) Concordo, ainda mais com o dito cujo pra ~finalizar~.
      5 e 6) Concordo absolutamente. Egídio nós sabemos que não dá desde 2015. Errado estão aqueles que insistem nesse terrível.

      • 3) E se fosse Lucas Barrios, Fred, Henrique Dourado ou Jô? (Bons centroavantes, como Miguel Borja) Não daria no mesmo? O esquema de jogo não contribui com a característica do Borja. Os gols perdidos fazem parte do ofício mas têm-se criado pouquíssimas oportunidades para que o Borja faça os gols.

  • Cara que ressaca braba! Ta todo mundo de cabeça quente. Teve até barraco de conselheiro e torcedores no hotel .Seria melhor ter ficado 0x0. Não ia rolar metade da polêmica que ta rolando.

  • Hoje aqui tá todo mundo certo.

    Porque os jogadores que o Cuca escalou e as alterações que fez não deram certo.

    Opinião: o Mano fechou o cruzeiro, principalmente as laterais do campo.

    Era jogo para aproximar o Guerra e o Borja (ou Dudú) pelo meio e encostar o Guedes e o Keno mais à frente, sacrificando o FMelo e o Borja (ou Dudú).

    Acho que errou em manter o egídio amarelado (e ruim) e o Borja sozinho entre os zagueiros, querendo que ele fizesse pivô.

    Enfim…bola pra frente.

    Focar no Brasileiro e na Liberta.

    Acho que dá os dois.

  • Estamos recebendo agora o que foi plantado no começo do ano. Cuca podia ter ficado se houvesse um pouco mais de jogo de cintura nas negociações. Eduardo Baptista foi queimado. As contratações foram em grande número mas não resultaram efetivamente em um melhor time. Pombas… não temos lateral!!!
    E…. na boa… Esse Borja não rende desde o papelão do Nacional de Medellin no Mundial. Felipe Melo cria mais problema do que joga, e olha que ontem não jogou nada tb, Tchê Tchê e Dudu não estão rendendo como no ano passado…..Temo que vamos apenas comemorar uma classificação para Libertadores pro ano que vem.

  • Analisando friamente, futebol é um misto de sorte e competência. Tivemos sorte ontem. A bola que estava sendo bandida contra nós, foi contra o adversário. Porém, na hora da competência, não tivemos, seja para matar o jogo, seja para segurar o resultado. Agora,m o mais preocupante: os adversários estão jogando muito fácil contra o Verdão quando ele precisa do resultado. É só recuar da linha da bola que o time não sabe o que fazer com ela. Cancelamos todo o 2º semestre do ano passado e voltamos ao padrão Marcelo Oliveira de jogo. Seriamente preocupante.

      • Acho e é esta minha esperança. Creio que a presença no campo de jogadores que chegaram com o aval de Cuca começa a fazer a diferença.

  • Em breve teremos a Leilinha e o Paulo Nobre disputando o poder………

    Acho que a combinação dos sonhos seria os dois juntos, mas como não será possível, vou torcer pela volta do Paulo Nobre por mais 4 anos, e depois que a Leila assuma.

    Pelo menos vejo boas perspectivas, ao contrário de outros anos…….

    Com qualquer um dos dois teremos administrações profissionais e com muita competência!!!

    Quem viver verá!!!

  • Não sou especialista em futebol não, só palmeirense corneta e apaixonado como vocês.

    1) É o time que temos pra depositar esperança de um segundo semestre melhor.
    2) Egídio não dá mais. Empresta o cara, sei lá. A displicência dele beira o absurdo, não é de hoje. E ontem foi o ponto fraco do time: cuzeiro forçou por ali e ele cedia faltas bobas.
    3) Fizemos o gol e tinha só que posicionar o time corretamente. Nada de afobamento. Ainda no 1×0 sofremos uma falta feia que era pra ganhar CINCO MINUTOS caído e ainda cavar amarelo pro adversário. Não, jogadores bonzinhos, mansos, querem cobrar rápido e talz. Não adianta depois o senhor Felipe Ousadura reclamar da cera dos caras, basta fazermos também quando for nossa vez. É do jogo. Todos usam.

    • Cara, não sou a favor de catimba, fico muito irritado quando fazem com a gente.

      Acho que é jogo sujo, e o Palmeiras deveria começar dando exemplo!!!

      Sobre o Egydio, o contrato dele é só até o final do ano!!!

      • Não acho jogo sujo. É do jogo. Só quando um time é MTO SUPERIOR ao outro que não se usa esse expediente. Times sujos e catimbeiros andam levantando taças, que é o que fica pra história.

        • Time INTELIGENTE não precisa recorrer a catimba.

          Existem mil maneiras de fazer o relógio andar sem precisar recorrer a recursos toscos

          • Desculpe… me aponte um time, principalmente sulamericano (e nossos rivais são todos sulamericanos) que não apele pra catimba. Que jogue limpo o tempo todo.

          • Vocês estão de brincadeira em dizer que temos que dar exemplo e não catimbar. O Palmeiras não tem que dar exemplo de nada. Ninguém vai seguir o que fizermos. E outra, é jogo sujo você segurar a bola no escanteio e chutar no adversário? O que faz cada esporte são suas regras. Se a regra permite você fazer isso, é jogo sujo porque? Todo mundo faz isso com a gente aqui em casa. Sempre foi assim. Aí vocês acham que se o Palmeiras passar a não fazer fora quando estiver ganhando, todo mundo vai seguir? hahaha Beleza..

          • Dar exemplo não é pra ninguém “seguir” é pra se sentir bem consigo mesmo.
            Prender a bola JOGANDO não é jogo sujo, jogo sujo é cai-cai, é ficar mais de um minuto pra cobrar uma falta. Isso nós nunca precisamos. Queimar uns segundinhos por cobrança, todo bem, mais de meio minuto é ridículo, se os outros fazem, tô nem ai, não é porque os políticos roubam que eu ache certo e vou começar a roubar também….

          • Nem nos “anos Feliponicos” agente usava de ‘catimba’.
            Faziamos o tempo andar sem cai-cai, sem ficar uma hora pra cobrar um lance…

            Aliás, em 98 por exemplo com Felipão no banco, fomos eliminados do Brasileirão justamente porque no último lance do jogo 3 contra o Cúzeiro tínhamos uma falta na intermediaria defensiva e o infeliz do Agnaldo ao invés de tocar pra um jogador nosso preder a bola, deu um bico pra lateral defensiva dos caras, eles cobraram o lateral, puxaram um contra-ataque rápido e o Fabio Jr. fez o gol que nos eliminou….

          • Usávamos, cara. Sua memória que tá curta. Felipão jogava segunda bola em campo pra retardar jogo, dentre outras. Engessava jogador pra dar migué. Golpe sujíssimo, segundo sua ótica. Mas esse assunto já deu, pensamos diferente sobre esse aspecto do jogo.

          • Sim meu comentário anterior demonstra claramente como minha memória “é curta” kkk

            Como falei roubar uns segundinhos, como fazíamos, faz parte.

            É totalmente diferente do que praticar descarado o anti-jogo e esconder escalação, “dando migué” não tem nada a ver com isso.

          • quem fez a analogia com político foi você. Eu não! Tem inúmeras formas de você segurar o jogo e em nenhum momento falei que precisa roubar. Disse que se a regra permite você segurar de várias formas, use-a. Não seja um juvenil como nosso time foi. Nenhum adversário vai deixar de fazer. Se vocês acham que o Palmeiras não deve fazer, ótimo. Mas não reclame de desclassificações em Copas. Isso é 5%, 10% sei lá, de peso em uma vitória no total. Não é que fazendo isso apenas vai ganhar jogos. Mas se você fizer o recorte dos 35-45 do 2T de uma mata-mata, isso pode representar uns 90% de chance de avançar. Futebol na prática é isso. Na teoria é outra coisa. Abraços.

          • Ai é que está, a regra NÃO PERMITE catimbar. Os apitadores não imporem a regra é uma coisa, a regra permitir é outra.

            Repare que eu falei exatamente isso de existir inúmeras formas de fazer o tempo passar SEM FAZER anti-jogo. Se existem varias formas, porque escolher a pior??

          • NÓS MESMOS!!!

            Como bem disse o Saulo acima, o Verdão SEMPRE foi notório por NÃO apelar pra catimba.

            Historicamente, sempre fizemos o relógio correr botando o adversário na roda.

            Não precisa “botar na roda”, basta saber segurar prendendo a bola inteligentemente.

          • Ganhamos os maiores títulos nacionais nos últimos 2 anos e não me lembro de nosso time recorrer ao anti-jogo urugayo e argentino, à maldade em entradas desleais ou ficar fazendo o relógio parar, tipo o cassio queixo de esfinge, fazendo cera desde o primeiro minuto de jogo, com jogo empatado jogando em casa!!! Ganhamos na bola, com sangue, suor, lágrimas e FUTEBOL CONVINCENTE! “…transformando a lealdade em padrão…” está no hino não à toa e nunca será substituído por “transformando a pilantragem em resultado”. Fomos acostumados ao futebol “acadêmico”. Futebol de resultado foi muito mal visto por muitos aqui no ano passado, mas comemoramos igual (ou até mais) que em 93/94, talvez pela distância gigantesca de lá pra 2016. Nosso futebol tem que ser envolvente e ofensivo. Na bola e com bola na rede!

      • Tbm sou completamente contra. Mas em um jogo em que um jogador deles distribui botinadas sem dó e o time deles começa fazendo cera desde o 1º min, tbm acho que faltou malícia, pra falar o mínimo, ao nosso time!

  • Acho que ficou difícil defender o Egidio depois de não tocar aquela bola……………..

    Também ficou difícil defender o Borja, e como eu torci p esse cara fazer o gol da classificação ontem, p calar a boca de todos!!!

    Eu ainda acredito que poderemos ser campões da Libertadores e do Brasileirão, difícil, mas acredito!!!

    vamos que vamos!!!

      • FINALMENTE achei alguém que raciocina como eu! E mais uma vez a imprensa que crava o campeão 30 rodadas de antecedência, quebrará a cara!

  • Os babacas (seriam musgambetes?) já começaram a pressão contra os jogadores (teve conselheiro dando ataque de pelanca no hotel). Não consigo entender, ou é muito burro, muito mimado ou torce contra. Há tempos q não vejo o clube tão organizado, sem sufoco por causa de grana, sem amadorismos, agora, erros acontecem, não é mágica, nem sempre os planejamentos dão 100% certo. O q fazer? Jogar tudo fora e chamar Frizzo e Palaia de volta? Tem q ter paciência e manter o trabalho, ainda temos a Liberta. E se nao ganharmos esse ano, vamos com tudo de novo no ano q vem.

  • O Palmeiras fez uma partida taticamente correta, segurou o Cruzeiro no primeiro tempo e jogava por uma bola, um erro do adversário, num lance de sorte saiu o gol e poderíamos ter matada a partida, caso Egídio tivesse tocado ao invés de tentar um chute bizonho, e, num dos poucos erros defensivos, saiu o empate e custou a eliminação.
    Se o Palmeiras sai classificado Cuca é gênio, esqueceriam o erro de Egídio e estava tudo certo mas não aconteceu e, como de costume, começa a caça as bruxas no elenco.
    Algumas lições a serem tiradas desse jogo, corrigir e melhorar o posicionamento da zaga urgente, Mina estava perdido e o jogador do Cruzeiro subiu sozinho para marcar, colocar o Dayverson para jogar (ontem não podia) o quanto antes, Borja não dá mais, é um cara a menos em campo, Egídio não pode ser o lateral esquerdo do time e melhorar o passe na saída de bola. Temos pouco tempo para essas correções, 3 jogos até o jogo decisivo na Libertadores e, se quisermos algo a mais nesse campeonato, os jogadores tem que doar mais, sinto um time abatido e ansioso em campo.
    #AvantiPalestra

  • Egídio vinha fazendo mesmo uma partida boa? Discordo.
    não acertou cruzamento, tomou bola nas costas, fez faltas desnecessárias, errou o lance capital do jogo. Não é jogador para palmeiras, o surpreendente é ele ainda estar vestindo o manto

    • Se o Egídio fosse aquele cara “decisivo”, que com um cruzamento resolvesse o jogo, ainda vá lá. Mas ele não ataca bem, não cruza bem e não defende bem. Fora que de vez em quando entra numa pilha erradíssima e comete faltinhas bobas.

      • O Egídio é igual namoro ruim, quando você tá lá tem até alguns pontos interessantes mas você percebe como tava uma bosta só quando o relacionamento termina.

  • Se os mesmos erros fossem cometidos pelo Eduardo Baptista (técnico fraco, não entendam que eu possa estar defendendo-o) ele seria crucificado. Sim ou Sim?

    • O Eduardo Baptista teve toda pré temporada e o inicio do Campeonato Paulista pra acertar o time .
      Desde que chegou este ano, o Cuca ainda não teve uma semana livre pra treinar .

      • Além de o Cuca ter nos ajudado a levantar uma taça de Brasileiro depois de mais de vinte anos…

  • O time foi a campo como deveria ser, não havia muito o que mudar.

    Coisas irritantes:

    – Egídio jogo passado fez as mesmas merdas que sempre faz, mas salvou sua partida na cobrança de escanteios, ontem não cobrou nenhum, simplesmente não faz sentido!

    – Mina É ZAGUEIRO!!! Essa coisa de ir pro ataque é irritante, acaba com o posicionamento tático do ataque e não dá resultado, subir a marcação da zaga pra deixar o atacante deles impedido e até dar uns bons passes no meio campo faz sentido, ficar no ataque se achando o centro avante, deixando o Jean fazendo a vez de zagueiro, é ridículo, coisa de várzea! Jean tem muito mais qualidade no chute do q o Mina!

    – Juiz dá cartão amarelo pro TN por retardar a cobrança, o cara cobra a falta ele acaba o jogo! Precisa de dois neurônios pra perceber que o jogador conseguiu o que queria, se deixasse mais um ataque nosso realmente puniria a cera, não que fosse resolver, mas pelo menos puniria.

    No mais o time teve uma partida bem abaixo do esperado, Dudu tava irritado, ao invés de motivado, Guerra nulo, RG agora acha que tem que ser o artilheiro.. Edu Dracena foi a boa surpresa..

    Cuca tirou o Guerra de forma correta, não estava bem e o Keno havia feito uma boa partida, RV foi uma boa tentativa, mas se for o cara pra entrar quando precisarmos definir um jogo, precisa de mais tempo em campo.

    Agora tirar o Dudu foi muito errado.. 1 a 0, placar muito perigoso, chamou eles pra cima.. concordo que não estava num bom jogo, q estava nervoso, mas ele é o cara que com 49 minutos do segundo tempo ia meter uma correria, suar sangue pra conseguir um último ataque.. ainda mais com a fraca partida do Guedes!

    Mais uma vez Borja não teve chances e no final, quando podia decidir num cruzamento na área à lá Betinho, teve a “marcação” do Mina no ataque..

    Segue o jogo.. que trabalhem pra salvar nosso ano!

  • Poxa o time tava fazendo a parte dele até os 40 minutos do segundo tempo. Aconteceu a bosta, fazer o que; jogar tudo na lata do lixo? ô torcida do cacete!!!!

  • O time pode ser desentrosado ( e parece que sempre será, pois os caras não jogam 3 jogos seguidos na mesma posição e com a mesma formação), pode ser bagunçado (sim, temos um técnico campeão brasileiro e o time é uma bagunça) mas nada justifica a postura que alguns jogadores tiveram ontem. Preguiça, falta de garra e desconcentrados. Nem parecia uma decisão importante…

  • Não há desculpas quando se insiste no que dá errado…

    Cuca é responsável sim, isentá-lo de culpa é ser muito babaca e fanático. Os jogadores tem características diferentes, se fosse possível jogá-los em campo em qualquer posição e esquema tático não seria necessário ter um técnico.

    Cuca tem “birra” sim com o Mattos, está querendo queimar alguns jogadores. Começo a acreditar aos poucos nessa tese maldosa, e espero queimar a língua nas próximas rodadas do Brasileirão e principalmente contra o Barcelona.

    • Amanhã no Periscazzo seria bom perguntar pro Conrado esta tese do Cuca contra o Mattos e ver no que dá. Só não vou perguntar para não tomar patada na fuça!!!! kkkk

      • Se der patada é mal educado, porque tudo que vêm ocorrendo justifica sim a torcida ter as suas dúvidas. Oras, o Cuca é humano, o Mattos também, ambos erram e não são inquestionáveis.

  • Jogo tecnicamente horrível, fizemos um gol de rebote (não trabalhamos uma jogada sequer) e na sequência o Egídio desperdiça o que seria a jogada do segundo gol, daí pra frente só deu raposa; o gol de empate começou com uma falha de marcação na lateral (onde estava o fdp do Tchê Tchê), seguida pelo buraco criado na defesa pela ausência do Mina (que estava brincando de atacante). Nos faltou força para reagir, ficou claro que nosso elenco é apenas mediano e que alguns jogadores como Borja, Jean, Tchê Tchê, Egídio (só para citar os que jogaram hoje) podem muito bem ser vendidos, emprestados, doados ou permutados porque antes de colocá-los em campo você já sabe que ou irão fazer lambança ou então irão jogar mau.

  • Vocês amam esse FM, inacreditável. O cara é um cone, não ataca e nem defende, sempre mal posicionado, trotando e perdendo de todo mundo na corrida. Fora que ainda mete banca, xinga todo mundo e joga para torcida. MERECEMOS
    No mais, time que jogar para perder de pouco só tem um destino. O Cruzeiro empatou e adiantou o time, simples. Acho que temos jogadores suficientes para pararmos de pensar pequeno jogar para ganhar todos os jogos.

  • Depois da eliminação é fácil encontrar os erros, mas ter priorizado a Copa do Brasil antes do Brasileiro foi um erro . Este regulamento escroto nas inscrições dos jogadores foi prejudicial, ainda não temos um time definido, domingo fomos bem contra o Sport, mas tivemos meio time diferente ontem, fica difícil.
    Agora contra o Avaí tem que jogar o time que o Cuca tem na cabeça para a Libertadores e corrigir os erros nos treinos em Atibaia até 09/08 .
    Se passarmos pelo Barça genérico, jogo complicadíssimo pela situação, teremos tempo e mais tranquilidade e chegando mais fortes nas quartas .

    • Nas quartas contra o time da praia…se não melhorar MUITO acho que vamos ter que aguentar o bolso do Matheus Salles, Tiago Santos, Prass……

    • E onde vc viu que a Copa do Brasil foi “priorizada antes do Brasileiro”? A quantidade/qualidade de jogadores contratados foi pensada justamente para ir bem nas três competições – Copa do Brasil, Libertadores e Brasileirão – e não ter que priorizar. O aproveitamento de pontos do Brasileiro não é o ideal, mas o que dá a impressão de que o campeonato já foi pro saco, é o aproveitamento surreal do líder.

      E ainda assim, se tivéssemos conquistados 6 pontos em jogos contra Chape, Coxa e Gambá, o aproveitamento seria igual ao do Grêmio – um pouco abaixo dos 70%, mas na briga, ainda mais levando em conta que temos um turno inteiro pela frente.

      Não acho que houve planejamento errado ou “priorização” errada. Ontem, qualquer um dos times que saísse vencedor, seria justo.

      • Se você voltar atrás, vai ver que nos jogos que antecederam os quatro da Copa do Brasil, o time foi poupado sim, além de ter prejudicado em jogos posteriores a estes .
        Acho que nem o Bayer conseguiria ir bem nestas três competições, jogando toda quarta e domingo, clássicos no Brasileiro e jogos decisivos na CB e Libertadores.
        E o time ontem foi mal pelo simples fato de ainda não termos a formação ideal, complicada pelo regulamento escroto da CB .

        • quando o time reserva entrou em campo vencemos… alias, se o time reserva tivesse entrado em campo ontem teria sido 3×0 para nós…

          • Por isso que estou falando do regulamento escroto da CB .
            Mayke, Luan, Juninho, BH e Deyverson não puderam jogar ontem …. pelo menos 4 deles são titulares hoje .

  • Rapaz, não costumo procurar culpado quando o time perde não, mas ontem mermão… ontem eu coloco tudo na conta do Egídio e do Cuca. Do Egídio não por causa da jogada que seria nosso segundo gol e matariamos o jogo (tentou fazer gol de craque mas não consegue acertar um passe de 2M), mas sim pelo que ele foi o jogo todo, uma avenida, todas as jogadas estavam sendo feitas em cima dele e estavam dando certo porque ou ele deixava passar ou fazia falta pertinho da área, sem contar as tentativas de virada e laçamento de 3 dedos (coisa de craque que ele pensa que é) e do Cuca por ter mantido o Egídio os 90 min e ter tirado o Dudu(?!?!?!?!?!?!?!?!)…Enfim, é isso. Agora é dar esse tempo pro Cuca treinar e depois desse tempo cobrar, porque o próprio Cuca disse que só precisava de um tempo livre pra treinar porque não teve isso esse ano. Então depois deste tempo se o time não engrenar é cobrar com muita força porque o elenco é ótimo e custou muito caro pra não ganhar nada.

  • Incrivel esse Borja, alem de não ajudar ainda esta atrapálhando, ontem ele foi ainda mais horrivel, o cuca deixou ele em campo e tirou guerra e dudu, comeu bronha nessa

  • O jogo foi tecnicamente muito ruim. Nenhum dos times jogou bem e nenhum dos dois merecia vencer.

    Quanto a eliminação, de certo ponto de vista, ela será benéfica para termos tempo de treinar e buscar o time ideal para a continuidade do Brasileiro e da Libertadores.

    Agora Cuca não terá mais nenhuma restrição quanto aos jogadores que pode utilizar e poderá montar o time titular.

    Pela visão de Cuca, já temos 6 titulares (Jailson, Mina, Guerra, Dudu, Guedes, William) sobrando vagas nas laterais, zagueiro e volantes…

    Eu, particularmente, estou confiante na busca dos títulos do bi da Libertadores e do deca do Brasileiro neste ano…

  • Na verdade a desclassificação foi em casa onde não conseguimos fazer o resultado, ontem na minha visão não jogamos tão mal, c/ um time que não é o ideal mas que poderia ganhar do Cruzeiro tranquilamente, individualmente: acho que o Cuca só errou em não dar outra chance do MB (que não foi bem no jogo anterior mas que tb foi no mesmo nível do Egidio hj, sendo que ainda não teve chances em sequência, está se readaptando a função e joga muito mais que ele), o próprio Egidio que sempre faz alguma “m..da”, mesmo quando joga mais ou menos (e a pior dele foi matar nossa contra ataque que matava o jogo), o Borja que infelizmente a cada dia desanima mais (mas ontem não tinha outro), o Guerra que após a entrada criminosa do volante deles ficou sem condições e fez muita falta. Gostei da entrada do Veiga (foi razoável e merece mais chances) e é claro Jailsão da Massa que continua invicto (o cara tá foda). Tomará que dê tempo de ajustar o time pro outro jogo da Liberta, meu time seria: Jailson, Mayke (marca melhor), Mina, Juninho (joga mais firme pela esquerda), MB, TS, BH, Guerra, RG (pode ser o Keno tb, mas pela direita é mais a dele), Deyvesson e Dudu. (FM nesse jogo acho que tem que esperar pois deixa o time meio lento, embora tem muita experiência e raça). Vejo que o time está se encaixando e se fizermos nossa parte e classificarmos, ai vai ser duro ganhar da gente, principalmente c/ o reforço do Moises. AVANTI VERDÃO!!!! (deixa esses gambás fedidos, quem ri por último ri melhor)

  • Não ,não faltou pouco ,faltou muito,muito.Faltou muito futebol,coisa que o Palmeiras esse ano não sabe o que é jogar.

  • Lamentável. Só vejo nego detonando o time e jogadores. Fomos desclassificados em detalhes e no finalzinho. Vejo o time numa crescente. Este é o time que temos e devemos apoiar e confiar no trabalho do Cuca.

    • Técnico ganha 800 mil e não sabe o que fazer(isso ele mesmo falou),o jogador que ganha menos ganha 300 mil,pra dar chutão,pontapé e correria tem jogador que cobra 30 mil,a discussão é se com 200 milhões em investimento porque temos um time que não sabe jogar futebol e pelos mesmos 200 milhões só podemos jogar por uma bola contra REAL,BARÇA OU BAYER.

    • Concordo, como escrevi lá em cima, o time estava fazendo o certo, segurando o time do Cruzeiro e jogando por uma bola, q aconteceu, não contávamos com 2 falhas q custaram a classificação, o chute de Egidio e a falaha de posicionamento do Mina no empate.
      Trabalho duro pela frente, ainda estamos vivos na Libertadores.

  • Não se ganha Copas sem ter um time inteligente. Digo isso no sentido de amarrar o jogo quando você está ganhando. Algum jogador do Palmeiras caiu pedindo atendimento? Seguramos a bola no nosso ataque? Zero! Argentino e uruguaio ganham mais Copas porque eles fazem isso, arrumam uma confusãozinha de 2, 3 minutos pra parar o jogo. Pode ser com gandula, com 4 árbitro, com bandeira, com adversário, qq coisa. Toma um amarelo aqui, outro pro adversário e já era. É assim que se faz. 1) Não apertamos a marcação depois que fizemos o gol. Se pegar na íntegra, vão ver que deixamos vários e vários espaços pro Cruzeiro. Eles tocaram a bola livremente. O gol era questão tempo. 2) Claro que, o time que estava em campo era mais leve, não era pegador. Fazia parte da estratégia de buscar o gol. Mas mesmo esse time leve precisa marcar o adversário, ainda mais faltando 15 minutos pra você ir a uma semi-final.

    • Argentinos e Uruguaios ganham mais copas em épocas que brasileiros CAGAVAM pra Libertadores. Não ganham uma copa do mundo a mais de 20 anos! BEM MENOS!!! Concordo que faltou malícia, mas não tem comparação…

      • Concordo, creio q é por ai msm, os uruguaios e argentinos não assustam mais ngm desde q os brasileiros passaram a levar a Libertadores a sério, tanto q é times equatorianos e colombianos ganharam mais força tb…

      • Primeiro, você não precisa usar letras garrafais pra colocar usa opinião. Segundo que eu não disse que apenas os argentinos e uruguaios ganham Copas, disse que eles ganham mais porque mesmo não tendo times tão técnicos, eles jogam de um jeito que conseguem impor o ritmo, fazer os outros sofrerem e ganhar Copas. Terceiro, não eram os brasileiros que não se importavam, era o Palmeiras que não se importava. Fomos pra duas finais na década de 60 e não ganhamos. O Santos foi e ganhou. Depois teve Cruzeiro em 77. Depois o Flamengo e o Grêmio. Depois o Jd Leonor e de novo Cruzeiro e Grêmio. Poderíamos ter sido o primeiro disso tudo, mas só ganhamos em 99. Ou seja, isso de brasileiro não se importar com Libertadores é conversa. O que acontecia era que os outros latinos ditavam o ritmo da competição, com violência muitas vezes, por isso até hoje é catimbada, com menos de 50% de bola rolando em alguns jogos.

  • Conrado é muito bonzinho, 6 pro Egídio?!?!? Puta notao!!!! Os caras só jogavam do lado dele, sem contar a cagada final, zero é muito… Cuca também merecia uma nota menor só por manter esse perceba em campo… Opinião é opinião…

  • Passado o pique da irritação, vamos ver o q sobra. Não adianta querer queimar jogador nessa altura do campeonato, é com esses q vamos até o fim da temporada. Tem uns caras q, pelo histórico, já tem uma pré-má vontade por parte da torcida, mas ontem não vi ninguém sendo o destaque negativo ou o culpado direto pela derrota. O Egídio errou no contra-ataque, o RG bobeou ao deixar o Alisson cruzar, o Mina tava mal posicionado, o Borja não sabe fazer o pivô, mas não acho q a eliminação tenha sido por um desses casos isoladamente. Individualmente não tivemos destaques ontem, o FM, o Dudu, o Guerra, o Jean, o Dracena, ninguém jogou mais do q o Egidio, por exemplo, tava todo mundo mais ou menos no mesmo nivel e não tava um nível ruim, não fizemos um grde jogo, mas não foi ruim, jogar contra o cruzeiro no mineirão é foda, raramente sequer empatamos. Vejo o time encorpando, foram 3 jogos fora e nenhuma derrota, contra adversários de peso. O problema é q em mata-mata, tem q ganhar o jogo em casa. Agora e foco na Liberta!

    • Concordo. Se não tivesse tomado o empate no final, seria nota 10 pra td mundo, com uma classificação heróica depois dos 3 a 0.

  • Quando o Dudu foi pra meia, eu fui dormir. Acordei hoje e vi o resultado já esperado. Cuca as vezes insiste em ideias idiotas que não vão funcionar, e todo mundo sabe, não sei pra que que insiste ainda.

  • Se há um atenuante é que o time de ontem é basicamente o do primeiro semestre – ou seja, sem Juninho, Mayke, Luan, Deyverson e Bruno Henrique. Sabemos desde o começo do ano que o time que Mattos e Baptista montaram não encaixou. Vimos o que esse time sempre mostrou: instabilidade falta de combatividade. O time com os reforços pós-Cuca parece dar sinais de recuperação no Brasileirão. É torcer pra dar certo e pra Atibaia manter sua mística. Já sabemos que essa Palmeiras 17/a, do Paulista e Copa do Brasil, é só isso mesmo: muita expectativa pra pouco futebol.

  • Meu time daqui pra frente : Jailson, Mayke, Mina, Luan, Egidio ( pq não tem outro), Felipe ou Tiago, Jean, Guerra e Dudu, Keno e Deyvdison

  • Esse esquema do Cuca não dá certo com os jogadores que temos no elenco. 2 pontas abertos que tem que ajudar na recomposição defensiva. O Borja está 1 bosta? Sim está , porém o cara tá isolado no meio de 3 defensores!! O Guerra coitado, sozinho sem ninguém para triangular e ajudar na armação. O meio está um buraco e temos laterais inoperantes. Minha opinião, jogar no 4-4-2, com 2 armadores. As melhores equipes estão jogando assim. A verdade é q o planejamento foi falho e estamos correndo o risco de com o investimento que foi feito terminarmos o ano em AGOSTO !! Todos da torcida reclamávamos dos laterais desde o começo do ano e nada foi feito !!! Agora, é rezar pra q o Cuca pare de insistir com esse esquema e que com o tempo de treinamento e a volta do Moises as coisas se encaixem!! Que SAN Genaro olhe por nós !!!

    • Essa parada de “alto investimento” é babaquice da imprensa gambá para desestabilizar nossa torcida, pois eles sabem que chega nos jogadores. Alguém me diga um time que investe fortunas e ganha tudo. Só 1! Real Madri, Barcelona, Bayern e tantos outros. Acontece. É o futebol. Graças a Deus podemos ter investimento enorme. Melhor do que contratarmos Ricardos Boiadeiros e perdermos Ilsinhos da vida e chorarmos por isso!

      • Exatamente. O Real, mesmo com todo o investimento, nunca ganha tudo, sempre escapa alguma coisa, mesmo com a diferença dele para os adversários do campeonato espanhol e da liga do rei ser muito maior do q a nossa para os nossos adversários no Brasil. Temos é q ficar aliviados pela mudança no calendário da Liberta, o q nos possibilita ainda lutar pelo título. Se fosse q nem o do ano passado, ai sim a nossa temporada já tinha acabado.

        • Ninguém está cobrando para ganhar tudo,só precisa jogar um pouquinho de futebol,coisa que esse ano não jogou,gastar todo time gasta,porém tem gastar certo,Felipe Melo é melhor que quem pra ganhar 800 mil,com o investimento feito e o salário que se paga é inadimissível jogar por uma bola com o Cruzeiro.Palmeiras só pode jogar por uma bola contra REAL,BARÇA OU BAYER.

          • Não tenho informação de qto ganha cada jogador, só as especulações da mídia. De qq forma, não vejo nosso time, nem nosso elenco, tao superior assim aos outros grdes times brasileiros, vejo um certo equilíbrio, mando de campo, momento, tempo pra treinar etc., fazem muita diferença.

  • O time não jogou bem, mas queria falar do Guerra, acho que o Cuca está utilizando o jogador de forma equivocada. O guerra possui qualidades como passe, arremate, marcação e mobilidade, e o cuca quer que ele jogue de costas dos volantes adversários, o que eu acho isso ruim pq ele nunca vai infiltrar pro 1,2 inclusive o jogador fica previsivel e fixo. Só ver vídeos no atl. nacional em que a maioria dos gols é de infiltração ou de passe na linha de fundo e em seguida ele arremata. Sei lá, é o que eu tiro como conclusão, ele pode ser mt mais eficiente jogando de frente pro adversário do que fazendo só o 1,2

  • O Egídio, além de um jogador medíocre, é burro! Mas isso nós já sabíamos.
    O que eu não consigo aceitar é o cara não entrar com o “sangue no zóio” em um mata-mata como esse, como fez o Roger Guedes ontem. Não estou apontando culpados, mas a falta de combate dele ontem sem a bola (na marcação) foi algo irritante, aliás, no cruzamento para o gol de cabeça dos caras, o Alisson parou…pensou…tomou um cafezinho e cruzou…tudo isso com o Roger Guedes na frente dele…só assistindo. É de enfartar isso !!!

  • Nada de desespero. O time que vem dando certo, com alguma cara de time no brasileiro, não é esse que jogou ontem. Na libertadores teremos todos os jogadores disponíveis, semana cheia de treinos e foco total. O time não jogou bem, mas já era esperado. O Egídio é apenas o reserva e trataram o mito Zé Roberto como titular. Erro da diretoria que o Cuca tem que conviver e se virar Pra arrumar. E vai arrumar Pra liberta! Vamos classificar e depois o time vai engrenar.

    • E vc acreditou no CUCA,podemos passar na Libertadores pois o time é fraco,mas cade o futebol pra ser campeão?O CUCA proibiu o time de jogar futebol.

      • Passar desse time fraco é o primeiro passo. Daí, teremos tempo Pra colocar a casa em ordem, com semana cheia de treino. Se o Cuca fez o que fez no time do atlético e no nosso, ano passado, não consigo deixar de acreditar no Cuca.

  • Borja calças e Egídio não podem mais vestir a camisa do Palmeiras. E sobre as “nossas estrelinhas”, faltou vergonha na cara!!!

  • Cuca tá fazendo com o Borja o mesmo que fez com o Grafite nos bambis: exigir uma coisa que eles não conseguem fazer.

    Borja não sabe fazer pivô: não tem habilidade pra isso. Não sabe nem dominar uma bola direito. Sua qualidade é em finalizar. E NÃO RECEBEU UMA BOLA SEQUER EM CONDIÇÕES DISSO!

    Vou criticar o Borja quando ele receber, ao menos 3 bolas em condições de finalizar dentro do jogo.

    Um time, para ser campeão, tem de ser perfeito.

    Ontem, o Mina deixou o Diego Barbosa livrinho para cabecear. É um grande zagueiro, mas falta-lhe concentração em muitos momentos do jogo.

    Se não dava para o Borja fazer o pivô, pela boa marcação do cruzeiro, o melhor era tirar ele e adiantar o Dudú e, talvez, recuar o Guerra no lugar do F.Melo.

    Não entendi as mudanças do Cuca, assim como não entendi não ter entrado no jogo com o Keno, que havia feito uma ótima partida contra o xport.

    Me desculpem, mas, ontem, põe na conta do Cuca, do Mina e do Egídio, que teve a bola do jogo no contrataque e deu um balão pra fora. Balão sim…pq nem chutou. Deu balão.

    • jogador profissional que não sabe dominar uma bola direito, como vc mesmo disse, não pode ser levado a sério… o cuca deve estar sendo obrigado a escalar o bostorja, isso sim… o cara é péssimo.

  • Agora, depois que passou a raiva, vou tentar entrar em um debate mais maduro e justo sobre o Palmeiras.

    Nada desta infantilidade de ficar apontando dedos buscando culpados.

    Deixa só eu terminar de fazer este bonequinho de vodu aqui. Quase pronto!

    Está ficando bonitinho, até!

    Vai se chamar Egídio.

    • Vinicius, o Borja não tem habilidade para fazer pivô não.

      Cuca tá exigindo uma qualidade que ele não tem.

      Veja os vídeos dele no Atl Nacional e veja que o negócio dele é finalizar.

      O Cuca exige que ele saia tanto da zona de finalização que não dá para o estilo de jogo dele. Ele é ruim de bola…não sabe nem dominar a bola direito.

      Mas tem força e um grande poder de finalização, que o Cuca está desperdiçando.

      Vamos parar de dar ouvidos à imprensa que só fala mal do Palmeiras e vamos analisar de maneira imparcial.

          • Rubens, Evair simplesmente foi o maior centro avante que vi jogar no Palmeiras. Como é que você fala que ele só sabia finalizar ? Que eresia !!!

          • E Oseas foi o segundo melhor que eu vi. Acho ele muito injustiçado por tudo que fez por nós.

          • Evair só sabia finalizar onde? Sabia girar e tirar do defensor antes de chutar. O Borja só sabe chutar se recebe boa bola ou então chuta no zagueiro. Quanto o Oséas, nos 90 o futebol ainda era jogado com pontas e cruzamentos. Hoje em dia, mais de 60% do jogo é feito pelo meio e os jogadores correm muito mais por partida. Ou se movimenta ou é inutil

          • Evair só sabia finalizar???????????

            Ou você nunca o viu jogar ou usava drogas alucinógenas pezadas nos anos 90!!

          • Amigo, se tinha Sampaio, Zinho, Edilson e Edmundo no time por acaso Evair tinha obrigação de voltar pra marcar ou buscar o jogo?

          • “Ter obrigação” e SABER são duas coisas bem, mas beeeeeeeeeemmmmmmmm distintas!!

            E centroavante tem inumeros outros recursos que não sejam finalização que quem sabe e utiliza (como Evair sempre foi mestre em fazer) FAZ DIFERENÇA!!!

        • Jardel e Luizão são dois dos atacantes mais grossos que já vi na vida!!! O primeiro é rei em Portugal e o segundo foi artilheiro por onde passou.
          Dá pra ter um atacante tosco que só saiba finalizar, o que não dá é pra exigir que o cara jogue como o Gabriel Jesus jogava.

          • Anos 90 cara. Estamos em 2017. Hoje todo mundo percorre mais o campo e defensores ocupam mais espaços

    • Ano passado a gente falava Barrios não dá,veja o cara no Grêmio.Problema é que o sr CUCA está querendo aparecer mais que jogador e está afundando o Palmeiras.Não acredito que essa jogadorzada seja tão ruim como está parecendo.

  • Time nao jogou bem ontem de novo. Nitida a diferença na qualidade de passe do Cruzeiro com a nossa. O Palmeiras vai sempre meio que tropeçando, no chutao, esbarrando….ja o Cruzeiro com toque de bola, tabelas etc. Mereceram a classificaçao, infelizmente. Dificil entender….espero que Atibaia nos traga resultados mesmo. E Borja……deixa pra la vai….a paciencia continua mas o cara acertou UM passe o jogo todo, e o Egidio desperdiçou….e a matada de braço do Borja entao, to começando a achar que o cara é GROSSO mesmo. Espero muito estar errado!! Ahhh, o Veiga precisa de mais oportunidades…

  • O impressionante é que mesmo fazendo uma partida ruim, de regulamento, tivemos chance de sair classificados.

    Aos que falam que os gambás têm um time horroroso, assistam um VT. Com a bola, eles sabem jogar muito melhor que a gente. Triangulam, CA segura a bola no ataque, têm muito entrosamento. É o que falta pra nós. Essa história de ficar tocando bola na defesa irrita muito.

    • Mas porque eles fazem isso? Os jogadores que eles tem são tecnicamente melhores que os nossos? É óbvio que não. Eles acertam porque treinam.

      • E porque o técnico é, na verdade, muito bom. Não que o Cuca seja ruim ou pior, mas só mostra que técnico precisa de pré temporada e paulistão pra treinar

        • É isso mesmo. Carile é bom, analisou o elenco que tem nas mãos e montou o time de acordo com as peças. E não acho o Cuca ruim também não, nem quero que ele seja demitido. Mas que ele está muito mal esse ano, está. Mesmo considerando a falta de tempo pra treinar. Minha birra com ele tá sendo que ele insiste num esquema sendo que o elenco tem uma característica diferente do elenco de 2016.

          • Eu tenho a impressão que ele fica procurando um Gabriel Jesus no elenco (não em qualidade, mas em movimentação). Dai usa o William e agora tenta o Deyverson

          • Isso que acho errado nele. Insiste em tentar recriar o esquema de 2016, o que não da pra fazer com esse elenco.

          • O esquema de 2016 só deu certo pq ele tinha o Moises e o Tche2 em grande fase e que faziam várias funções no mesmo jogo e tinha o Gabriel Jesus que desequilibrava lá na frente !!!

    • Mas pq isso acontece?? Pq os Gambás jogam com 2 meias e tem laterais muito melhores q os nossos, com infiltrações e triangulações !!

  • Após o empate, foram 5min (regulamentar) + 4min (acréscimos) sem que o Palmeiras desse 1 misero chute a gol. Patético.

    • É que o Cruzeiro fez o que o Palmeiras deveria ter feito depois do gol do Keno, segurar a bola no ataque e enrolar o jogo, pode ver, depois do gol deles não teve mais futebol e sim enrolação !!!

  • Palmeiras vai priorizar as copas. Essa é a grande piada do ano.

    Um time em que pelo menos um jogador comete uma falha absurda por jogo.

    Lento. Que não ataca, não tem meio de campo, não por falta de qualidade ou vontade dos jogadores, mas porque o treinador é um teimoso que tem esquema de estimação. Os jogadores ficam a uma distancia de 100 km um dos outros tanto na defesa quanto no ataque. Sem malicia, não aguenta pressão. qualquer time que force um pouquinho entra na nossa área na hora que quer.
    Não vamos ganhar nada esse ano.

    E pior. Vamos ver gambá ganhar o BR com um time HORROROSO e nem os bambis vão cair.

  • pra ter um noção do grotesco erro no gol do cruzeiro, foi um lateral esquerdo que estava livre no meio da area para fazer o gol de cabeça.
    não vi o lance do egidio, mas não é de hj que o palmeiras vem errando esse tipo de contra-ataque, borja é muito ruim 35 milhoes jogados no ralo, e o futebol do tche tche é esse mesmo.
    gastaram mais de 100 milhoes em um time que não consegui fazer um triangulção no meio campo, é defesa e bola esticada, muito pouco, esse ano 2017 ja era temos que pensar em 2018 com um elenco formado pelo cuca com suas caracteristicas.

  • Quase fui linchado quando disse que o Borja seria apenas um Riascos mais caro. Enfim.
    Com o que se vem apresentando em campo, não vejo como esse ano ainda possa ter salvação, é o preço do sabático do Cuca, espero que ele fique para o próximo ano e arrume a cagada que ele mesmo causou.

    • tambem fui xingado quando falei que mais de 20 milhões no borja ela loucura, e ele só ta no palmeiras por causa de boa parte da torcida que fez campanha para contratação dele, o mattos ja tinha desistido o a.nacional estava quase vendendo pra china e por causa da campanha o borja bateu o pe e quis vir para o palmeiras.

  • Eu sinceramente achei o Borja mais ligado ontem. Se movimentou, soltava rápido a bola e fez tudo certinho no lance que mataria o jogo. Só não finalizou nenhuma porque nosso meio campo foi nulo a partida inteira. Mas concordo: é muito pouco, por tudo que se esperava dele.
    No mais, algumas constatações:
    – Rafael Veiga merece mais tempo em campo;
    – Tchê Tchê merece mais tempo no banco;
    – Precisamos urgentemente fixar quais são os titulares da defesa e deixar os caras entrosarem;
    – Mina precisa maneirar com suas descidas destrambelhadas ao ataque (principalmente quando seu companheiro é o Dracena, que é lento);
    – Escanteio curto e lateral na área: algo de errado não está certo aqui.

    • “Escanteio curto e lateral na área: algo de errado não está certo aqui.”

      Cê ta dando muita trela para que os caras da imprensa falam.

      • Não tô!! Lateral na área eu até concordo, mas escanteio curto é uma aberração!! Fosse uma jogada ensaiada vai lá, mas no nosso caso não é. Ao invés de jogarem a bola na área contando com a distância do marcador determinada pela regra, rolam de lado pra um segundo cruzar pressionado.
        Nos últimos dois jogos marcamos gols de escanteios cobrados direto. Ano passado cansamos de fazer gols assim com Mina e Vitor Hugo. Não me lembro de tamanha eficiência na cobrança curta.

        • Igor, jogo passado BH fez um gol de escanteio curto.

          faz parte do Cucabol.

          Sempre tentando inventar algo novo para surpreender.

          • O gol do Bruno foi de bola cobrada DIRETO na área.

            Escanteio curto é aquele toquinho ridículo pro cara do lado que nunca dá em nada!!!

    • Borja mostra uma deficiência enorme em fundamentos básicos. Dá saudade do Alecsandro, pra se ter uma idéia…

      • Concordo. Só achei que ontem ele me pareceu um pouco mais participativo. Mas continua sendo muito pouco.

  • Minha pergunta, já reincidiram o contrato do Egídio? Fazia tempo que não xingava tanto um jogador do Palmeiras.

  • Égua, a impressão que tive desse jogo é que o eu gosto mais do Erik do que do Borja, o colombiano não movimenta, não marca, acha que é brigador por fazer faltas no goleiro na pequena área e catimba os zagueiros, mas na verdade é pura ilusão, porque não rendeu NADA. Ao contrário do Erik, (que fique claro não estou defendendo o Erik, pois nós sabemos que tecnicamente não é excelente), naquelas circunstâncias do jogo o time precisava de mais um marcador, e além disso, mais uma válvula de escape já que o dudu ja estava no banco.

    Jogo ruim do Palmeiras, infelizmente

    • falei isso do Borja e fui chamado de corneta. falaram que ele precisa de sequência…
      quantos anos de contrato?
      eu só espero que a ‘sequência’ dele seja até a final da Libertadores. com Borja o Palmeiras entra com 10.

    • Nunca imaginei que fosse concordar com um comentário desse, mas sou obrigado! Borja parece entorpecido, lento e tomando as piores decisões e ao mesmo tempo excessivamente pilhado. Parece eu jogando campeonato qdo tinha 10 anos. Muita pilha e correndo errado! A diferença é que ele deveria ter acumulado certa experiência para acalmar o jogo, dominar, levantar a cabeça. Mas ao que parece, isso é pedir demais a ele!

    • Rapaz, pior que o Erick pisa na bola, tropeça, se estabana todo… mas pelo menos demonstra vontade.
      Ontem teve uma bola espirrada pela defesa, que era só o Borja dar um pique e dominava. Deixou sair e o lateral foi do Cruzeiro. Depois, a zaga do Cruzeiro recuou uma pro Fábio, sem nenhum jogador no meio do caminho e ele simplesmente desistiu. Me lembro de quantas vezes Jesus, Dudu e Guedes não ganharam bolas só deixando a defesa do outro time desesperada, mas o colombiano não: o miserável joga numa preguiça que faz tempo que não via.

  • Não é nada fácil compreender as derrotas desse elenco com um potencial enorme! Até entendemos as eliminações de competições como Paulista e Copa do Brasil, faz parte do jogo, porém da forma que acontece, não é fácil! Esse Cruzeiro é mediano e ontem no Mineirão não conseguimos armar uma jogada decente, o meio parecia uma avenida, adversário livre, à vontade! Falam tanto de Borja, mas quando a bola chegou nele? Não há como culpar um, a equipe está anulada; Não conseguir segurar um resultado por 12 minutos? Complicado! Acredito que agora a pressão duplicou em cima dos jogadores, porque resta apenas a Libertadores e do jeito que estão jogando…

      • A não ser que Moisés volte em tempo e seja aquela engrenagem mágica que vai fazer o time funcionar, tenho medo do que vai ser esse jogo de libertadores…

    • Discordo! O cuzeiro não é mediano… é um time fraco e sem treinador! Fomos eliminados tomando “um nó” no primeiro tempo em casa, de um agente de jogadores com um catadão…

      • Discordo um pouco amigo Saulo, o Mano é sim um fdp cheio de trambiques, mas ele sabe armar bem o time, sabe usar estratégia. Nos 3 jogos contra agente, era nítido a diferença de toque de bola, de posicionamento. O time dele joga como UM TIME e só isso já o torna melhor do que 95% dos outros treineiros do BR

        • Quase sempre concordo com seu pensamento, mas tenho convicção que nem sempre será assim! Ontem, em um lance no primeiro tempo em uma bola esticada alta para o Dudu, perto do banco do cuzeiro, ele se aproximou do Dudu e falou alguma merda antes do nosso capitão dominá-la no terceiro andar e colocar a bola no chão, claramente para atrapalhar o jogador a jogar bola. No jogo do BR no mineirão ele tava pegando bola e segurando pra passar o tempo. Se ele fosse o Joaquin Low e fizesse esse tipo de canalhice eu ainda o acharia um lixo! Não acho que o cruzeiro se postou bem. Acho que fizemos as piores escolhas e o time não rendeu. Simples assim. Saudações Palestrinas!

          • Que ele é um Lixo eu não discordo kkk, aliás é um legitimo filho de meretriz.

            Mas taticamente falando, apesar de passar longe de um Joachim Low, ele é um dos menos ruins no Brasil, porque ele tem um pouquinho de percepção. Algo que a maioria por aqui não tem.

  • Segunda eliminação precoce de um time montado não com a obrigação de ganhar tudo, mais com obrigação sim de ir mais longe em um campeonato paulista fraco e uma copa do brasil razoável, ou seja, o time (jogadores) estão devendo e vamos ver agora, que vão ter mais tempo, pelo menos 12 dias para “descansarem, treinarem, se alimentarem melhor, receberem seus pequenos salários e todos as mordomias” no período, jogarem um pouco mais de bola e não conseguirem a maior proeza no ano: Eliminados em casa pelo poderoso e genérico do Barcelona !!!!!.

  • “A incapacidade de reagir com nove minutos ainda por jogar é um alerta”. Quem não viu o jogo diria que chegamos a merecer algo, fato inveridico! Jogamos como sempre, pouca vontade, movimentação, finalização, com um buraco gigante no meio campo (como?) e com peças que já vimos não servir, resultado, empatamos com um time mediano como o Cruzeiro!

    Não existe justificativa no mundo pra escalação do Egídio, ele é o pior lateral esquerdo que já vestiu nossa camisa em toda história. Sorrindo ao lado do Tiago Neves ao final da partida, é de cair o cú da bunda esse cara!

    • Não digo o pior da história, porque já tivemos cada tranqueira…
      E talento ele até tem;

      o problema é que ele é de longe o MAIS BURRO!!!

      o cara que SEMPRE escolhe a pior opção de jogada pra executar.

    • Incapacidade técnica se treina. Falta de habilidade se corrige com repetição na cabeça do cara do: “faz o arroz com feijão. Acalme a jogada. Toca do lado e sai pra receber”… Burrice não tem solução. O cara é limitadíssimo intelectualmente e não precisa ser terapeuta pra enxergar

    • Era o que eu ia falar. Muito do Egídio me irrita demais, mas essa de abraçar o Tiago Neves no segundo seguinte ao apito do árbitro foi a gota d´água pra mim. Parece que não tá nem aí mesmo!
      Não ficava inconformado com postura de jogador em desclassificação desde o Keirrison em 2009 dizendo “foi displicência”, como se isso não fosse uma postura voluntária e desrespeitosa.

  • Com relação à nota do Aedes Egídio, o teclado travou no número 6? Jogador inútil durante o jogo todo. Sequer deveria ser classificado como jogador profissional. Se eu fosse o Michel Bastos, pediria hoje minha rescisão, pois deve ser revoltante ser reserva de um jogador inútil como o dono proprietário sócio vitalício da camisa 6.

  • Uma coisa que gostei no Veiga: ele arrisca de fora da área. O moleque me deixou com a impressão de que tem talento e que, sendo bem trabalhado, pode se tornar um grande jogador.

  • Francamente, achei que a vaca foi pro brejo quando, assim que o Palmeiras marcou seu gol, com um tempão ainda de jogo pela frente, o Cuca sacou o Dudu – que, além de ser nosso melhor jogador, era o único capaz de criatividade no meio de campo naquela hora – para colocar o… Tchê Tchê. O que esperar disso? Aí fomos para as cordas, só esperando o Cruzeiro nos atacar – estratégia que só podia dar em merda mesmo. Defendo sempre o Cuca, mas ontem achei que tínhamos o jogo na mão, e ele complicou.

    • Quando ele sacou o Dudu pensei: “se precisarmos fazer outro gol, ferrou!” E não deu outra: após tomarmos o fatídico gol, não tinhamos ninguém pra puxar o time pro campo de ataque com qualidade. Concordo que o Dudu ontem foi muito apagado, mas seria um escape e ele se sobressai quando está sob pressão. Vide: Final da Copa do BR 2015 e o primeiro jogo contra o cuzeiro no Allianz Parque. Eu esperaria um pouco mais e tiraria Jeanus ou Egídio pra por TT. Enfim, falar agora é fácil…

  • Palmeirense é corneta demais, pelo amor de deus, os cara fritam todo mundo. Tudo bem que o Tche realmente nao está acertando um passe, nao rouba uma bola e merece um banco até o ano que vem. Mas de resto a gente vive procurando pelo em ovo. A mídia frita o Palmeiras, o torcedor firta…assim nao dá né!? o Palmeiras saiu de SP semana passada e pegou, Flamengo, Sport e Cruzeiro na casa deles e de estádio cheio e voltou invicto. A coisa está tomando forma e infelizmente o custo disso foi a Copa do Brasil.
    Tem gente que diz que o Gremio tb está com um calendário corrido, mas peraí né…o Gauchao esse ano tinha o Gremio só que joga na série A do Brasileiro os demais times sao fracos e eles enfrentaram isso como pré temporada.Enfim, Torce mais e reclama menos, bando de torcedor modinha e chorao…

  • A verdade é que esse time das Marias é um nada. E conseguimos ser piores que eles nessas últimas 3 partidas contra, com exceção dos 20 minutos do segundo tempo no 3 x 3.

    E a desculpa de treino já não cola mais, to careca de ver time que não tem tempo pra treinar, mas acaba encorpando com os jogos. Alias, parece que para o Gremio, o tempo deve correr diferente então, já que eles tão apertados de calendário igual a gente, mas o futebol deles está melhorando jogo a jogo.

    E na boa, para uma folha salarial de 15 milhões, é uma vergonha ter só o péssimo Borja de CA, e ter de buscar o Deyverson na louca (e por isso, não poder ínscreve-lo na CdB) e ter o ridículo do Egídio como solução pra LE. Inflacionamos o mercado, e estamos pagando preço de gato em lebres. O dinheiro FOI mal investido e as contratações nada pontuais, e sim “empresariais”.

    Se alguém tá achando que com o trabalho do jeito que tá, vai ganhar libertadores, tá numa bolha ilusória digna de uma bela alfinetada para acordar pra realidade.

    Que esses 8 dias em Atibaia sejam milagrosos, senão a temporada acaba em agosto…

  • Egidio foi vergonhoso, como sempre é. Pior só o juiz caseiro, matando o jogo do Palmeiras com faltinhas, deixando o jogo truncado, bem como o time da casa queria.

  • O Cuca precisa desencanar do tchê, infelizmente ele num é 1/5 do jogador q foi ano passado. É o cara jogar a gente perde.

  • Pra quem criticou a entrada de Michel Bastos na lateral, a atuação de Egídio no jogo trouxe novamente à tona a velha filosofia: “Nada é tão ruim que não possa ficar pior.”

    • Ai o Michel Bastos joga na lateral e falha tambem.
      Estamos quase no fim de 2017 e nao temos um misero lateral pra ambos os lados(o menos pior esta o sendo o Mayke).

      • Pode até falhar atrás, mas do meio pra frente é melhor jogador que o Egidio. Resumindo: ruim por ruim é preferível ficar com o menos pior.

      • Qualquer falha do MB, perto do que é aguentar o Egídio, é uma brisa. Nunca vi um lateral tão tapado assim. O Conrado devia estar assistindo outra partida, para dizer que o Egídio estava muito bem, até cagar aquele contra ataque. Até ali, ele já havia demonstrado todo seu leque de bizonhices…

      • A solução é aquele moleque que encostaram lá no Botafogo e tá comendo a bola desde o ano passado… Mas só volta ano que vem, e se quiser…

  • Apesar de toda raiva e frustração por estar tão perto da classificação, temos q lembrar q, infelizmente, com esse regulamento não se pode tomar 3 gols dentro de casa e foi isso q nos derrubou hoje.

  • Se o Cuca deixa o Dudu ao invés de colocar o Tche Tche e o time levo o gol, o que seria bem provável, vocês estariam criticando o fato dele não ter fechado o time.

    • Ele podia ter fechado o time colocando o tchê na vaga do Borja que pouco produziu durante a partida, e assim manter o Dudu que poderia aproveitar melhor os contra-ataques nas subidas do cruzeiro ou segurar a bola lá na frente. A substituição do Cuca além de recuar muito o time, tirou muito o poder ofensivo da equipe.

      • Faz sentido, mas a melhor oportunidade que tivemos de matar o jogo foi num contra-ataque puxado pelo…Borja…

      • Eu teria tirado o Guedes que tava sumido, ou o Borja.

        Mas o Dudu, apesar de não estar jogando nada, é ocara perfeito pra segurar a bola, irritar o adversário,puxar contra-ataques.

        E tirar ele pra “fechar” colocando o Tchê, tissss

        Bota o Fabiano, o Antonio Carlos,…

  • Parabéns egídio por matar o contra ataque com uma cavada que VOCE NUNCA ACERTOU COM 27 ANOS DE IDADE JOGANDO DESDE A BASE SEU FILHO DA PUTA. MINA VOCÊ É ZAGUEIRO, JA TAVA 1X0 VOCE DEVERIA ESTAR NA ZAGA. VAI TOMAR NO CU

  • Borja só jogou pq o Cuca não tinha opção. E pensar que o cara chegou com status de estrela, contratado… Será a 3ª opção quando o Bigode voltar. De sábado em diante provavelmente iremos com Deyverson. Esse colombiano preguiçoso não tem mais espaço no ataque.

    • Ele é cabeça-de-vento, mas tem um poder de finalização muito bom.

      Se alguém acertar umas marretadas na cachola dele pra fazer o tico e teco pegar no tranco, ainda vejo ele sendo muito útil. Ou enfiar o dedo dele numa tomada com ele descalço e o chão molhado…

      • Energia e oportunidade melhores do essa de jogar hj(90 min pq não tinha outro pra substituir)?
        Só dando um choque pra matar pra ver se na outra encarnação venha com um pingo de sangue nas veias e com culhoes.

    • Ele é top em reclamar. Parece que está jogando por obrigação. Emprestem para algum clube do exterior ou da Série B.

  • Este time da CB não é o titular, na cabeça do Cuca tem umas 4 mudanças.
    Acho que aquele gol que achamos do TS contra o Inter acabou nos prejudicando .
    Estaríamos com o time melhor treinado, melhor no brasileirão e mais preparado pra libertadores.

  • O time jogou 20 minutos de bola no segundo tempo do primeiro jogo, empatou um jogo perdido e parou por aí. Pra mim foi aí que perdeu a classificação. Se alguém conseguir me explicar o porque disso eu agradeço.

      • Será? Pois o Xpoti tá bem melhor no BR17 que essa enganação das Marias. Eles eram fáceis de ser batidos, o Palmeiras é que foi de uma boçalidade suprema.

  • CUCA deixa o Guerra, FM e Dudu sem jogar pra descansar e tira os caras no meio do jogo? Não entendi essa seu Cuca… Explica pra nóis!!

    • Guerra quase que certeza que foi por conta da entrada desleal que tomou do cafajeste do Henrique no primeiro tempo.
      Melo foi por questão tática, tinha que ir pra cima.
      E Dudu pra fechar o time, algo natural.

      • Só a do Dudu foi errada.

        Primeiro que Tche esse ano não fecha nem a porta da geladeira depois de pegar uma gelada, e segundo que o Dudu seria essencial pra puxar contra-ataque, segurar a bola na frente, irrritar os caras do Cuzeiro…
        Acho que o Fabiano entrando teria sido mais eficiente, liberando o Jean pra marcar mais no meio e pra sair ou Borja ou Guedes, não o Dudu.

  • Esse ano vai ser tão cruel com nossa torcida que os Gambas correm sério risco de ganhar 3 torneios (sendo 2 deles com nossa ajuda direta) mesmo com salários atrasados e elenco fraco.
    A postura hoje foi de time covarde.
    A única coisa nota 10 no Verdão é a torcida.

    • Ver esse time feio dos gambás ganhando BR e Sulamericana, é de cair o cú da bunda. Tomara que não aconteça, ainda mais devido as circunstâncias (nossa ajuda direta, salários atrasados e elenco fraco.)

  • Me recuso a citar nomes e culpar A,B ou C por esta eliminação.
    Não criamos nada. Não pressionamos. Jogamos esperando por uma obra do acaso.
    Nosso meio-de-campo não criou absolutamente nada.
    Nossos pontas não criaram absolutamente nada.
    Nosso centroavante não segurou a bola e não recebeu uma mísera bola para finalizar.
    Nossa defesa cozinhou o jogo até ter o placar a favor, mas depois que precisou segurar a “obra do acaso” não teve organização e competência.

    FALTOU PERSONALIDADE. MUITO POUCO.

    • Concordo com tudo.

      Não merecíamos a classificação.

      Mas o que torna tudo pior é que, mesmo assim, as cartas estavam todas nas nossas mãos. E escorreram pelos dedos.

      • As cartas estavam nas nossas mãos?

        Cara, 0x0, 1×1, 2×2 e qualquer vitória era tudo pro Cruzeiro. Os caras jogaram o tempo todo com o resultado embaixo do braço. É ÓBVIO que depois de tomar um gol os caras viriam pra cima empurrados pela torcida. O time infelizmente não soube segurar o resultado e falhou no posicionamento da defesa no empate dos caras.

        A bola do jogo tava no pé do Egídio.

        • “A bola do jogo tava no pé do Egídio.”

          Ganhando de 1 a 0, mesmo sem merecer?

          Sim, as cartas estavam nas nossas mãos.

  • agora as janelas do meio de ano para o exterior fechou e o Borja e o Egidio poderiam ir para a china , eles costumam pagar bem,,so na abertura do final de ano agora ..ate la .e ter paciencia,

  • Perdemos a classificação em casa que nos sirva de lição para a Libertadores não se pode levar gol em casa

    • Isso é que eu não entendo. O time buscou um resultado de 3×0 contra e ainda tinha 25 minutos pra acabar o jogo. Tive a impressão de que com o empate a missão estava cumprida. Hoje, se classifica, seria injusto, como foi contra o Inter. Infelizmente.

    • Pois é buscamos um empate heroico em 26 minutos,

      …Tivemos 20 minutos mais acréscimos pra transformar em VIRADA Doutrinadora e simplesmente paramos de atacar!!! os caras estavam entregues e nunca mais iam se recuperar!

      É o que eu vivo falando da falta de GANA de GANHAR!!!

    • Esse ano ja tem 55532535 mil licoes,mas parece que o time nao quer aprender,e me desculpem o pessimismo,mas o time do Barcelona e extramamente rapido no contra-ataque e com nossos pessimos laterais eh quase impossivel nao sofrermos nenhum gol.

      Rezar para o ataque estar inspirado

  • Agora a Libertadores virou obrigação… Copa do Brasil virou piada e Br esquece… O ano que prometia pode ser uma desgraça total…

  • Acho um pouco injusto a pegação no pé do Tchê.

    Mas não posso negar que depois que ele entrou… bem… ele entrou?

  • Não jogamos absolutamente nada.
    Não é fácil mudar meio time todo jogo. Acho que o erro do Cuca é insistir com Egídio na LE.
    Na Libertadores o time é outro.
    Na única boa oportunidade de contra ataque. … O Borja faz tudo certo e o Egídio caga no pau.
    Hoje o melhor em campo foi o TS.

  • E olha que a torcida do Mineirão nos deu uma tremenda força!!!

    O Tal do Éber estava a um ou dois lances de cavar a expulsão do Egidio, ou se aproveitar que o Egidio não podia matar o lance com falta pra não ser expulso e criar um lance de gol…

    O cara pendurou o Egidio e depois ficou forçando a jogada encima dele. Era questão de minutos conseguir e a torcida forçando a barra pro Arrascaeta entrar aliviou nossa barra.

    Ai está diferença de um cara, que pode até não ser grande jogador, mas usa o CÉREBRO. Pensando bem, acho que o Mano tirou ele justamente pro Egidio NÃO ser expulso… compensou!!!

    • Tenho que discordar. Na minha visão, o troféu Márcio Araújo é do Egídio, o imexível.

  • Algumas coisas que eu gostaria de pontuar:

    Arbitragem
    Legítima a reclamação do Felipe Melo. Caseiro demais, marcou tudo e mais um pouco para os caras. No final foi condescendente com a catimba e não tivemos a chance de atacar uma vez sequer.

    Cuca
    Como os amigos já falaram, errou feio ao tirar o Dudu. O Dudu é um dos jogadores mais “chatos” do futebol brasileiro. Vai pra cima, busca falta, leva a bola pra lateral e segura… e o Cuca abriu mão disso pra se defender. Errou feio.

    Borja
    Eu entendo o fato dele não conseguir matar uma bola, mas não aceito ver jogador do Palmeiras andar em campo num jogo como esse. É inadmissível.

    2017
    Nos restou terminar de forma digna o Brasileiro e lutar pela Libertadores. Espero realmente que o time melhore depois desses dias em Atibaia. Do jeito que tá jogando, embora esteja melhorando, não será suficiente pra conquista-la.

    • Só temos uma bala na agulha e se chama Moises. Se ele endireitar o meio campo estaremos salvos…se demorar para voltar a jogar bem..ai fica pro ano que vem!!!

      • Acho que a boa forma técnica de Moisés só volta no paulistão.

        É só torcer para não quebrarem ele de novo pelo terceiro ano consecutivo.

  • Onde estava escrito que o jogo só começava no segundo tempo ? Já tinhamos visto isso muitas vezes. Contra os gambás no paulista…contra os bambis também. Aquela bola na defesa…pra tras…pra trás…pra tras. O presidente é fraco,..o time é morno.. até o Cuca esta morno…falta um algo mais.. tudo ali é sem sal. Nao mereciamos outra sorte. Esse time nao merece a torcida que tem. Nao tem gosto de nada!

    • Também entendo que o time está morno demais.

      Neste ano tivemos o segundo tempo do primeiro jogo e… só!

      Não se ganha porra nenhuma sem gana.

  • o cruzeiro e a copa do Brasil ja era ..agora e o barça, e porra , estou preocupado, espero que o william bigode se recupere ate la ..e rezar ..porque ta foda borja e erik…

  • Bom, pra mim a culpa é do Egídio e do Cuca, Egídio uma desgraça completa, quero só ver a nota dele, tem que ser zero, não ataca não defende e ainda perde a bola do jogo e do Cuja porque tirou o Dudu e manteve essa desgraça em campo… Ah e a partir de hoje desisti do Borja….

  • Bom, mesmo com a eliminação, estou vendo o Palmeiras melhorando. De verdade galera. O Palmeiras não jogou lá muito bem, mas está tendo algum encaixe. Talvez com o time titular treinando alguns dias separado melhore ainda mais!

  • Eis o problema de priorizar as Copas…

    Tava indo bem até o Cuca tirar o Dudu e colocar o Tchê², aí o time se retraiu completamente e viveu de chutões que sempre caiam nos pés adversários e virou um eterno bate-e-volta!
    Num tinha um cara pra prender a bola e chamar a falta, pois esse cara seria o Dudu.

    Muita gente fala que quer ver de volta o Tchê² de 2016 (e realmente tem razão), mas estamos precisando ver também o Mina do ano passado. Aquele zagueiro seguro, que fazia gols de cabeça nas cobranças de falta/escanteio e só… Muita invenção esse ano, aquelas loucuras de ir pra frente desembestado e virar centro avante e ainda deixando muito a desejar na defesa. Falha feia dele hoje!

    E o Borja… Bom, deixa pra lá!

    • Ano passado VH dividia a atenção com Mina nas bolas aéreas.

      Agora todo mundo sabe que é só o Mina que cabeceia. É só colocar dois deslocando o colombiano e acabaram os gols de cabeça.

  • Galera… não adianta criticar A, B ou C. O time do Palmeiras não fez por merecer a classificação. O time em nenhum momento dominou o jogo ou pressionou o Cruzeiro. Jogou covardemente por uma bola “marota” como aconteceu no gol do Keno. Depois que achou essa bola, quis segurar o placar se abdicando de ter a bola.

    MUITO POUCO PARA O QUE FOI PROJETADO NO INÍCIO DO ANO.

    • comentario lucido e de bom senso…porem nao esquecemos que basta uma vitoria qualquer para os torcedores abrirem um puta sorriso…agora e o barcelona e com este futebol , sei nao..

      • Contra o Barcelona o espírito será outro… espírito de decisão (assim espero)! Como deveria ter sido hoje e levaríamos essa classificação.

  • O time de BH, em momento algum fez por merecer a classificação, e aquele
    contra-ataque em que o Egídio se livrou da bola era a chance de matar o
    jogo e castigar o cruzeiro pelo seu futebolzinho morno e apático jogando
    em casa com mais de 40000 pagantes.

  • Não perdemos por causa da arbitragem, mas que esse juizinho é mto fraco é notável! Do gol dos caras até o apito final o jogo não andou e ele pouco fez pra impedir a cera do Cruzeiro!

  • Egídio acredita que joga num time de anões… Quando ele não joga na mão do goleiro, ele cruza na cintura dos jogadores.

  • Dracena é lento demais.
    Egídio teve a chance de matar o jogo e errou tudo no ataque e não ganhou uma na defesa.
    O time foi covarde depois do gol, ficou só dando chutão.
    Era hora de tocar a bola como eles fizeram depois q empataram.
    Mina tem q baixar a bola dele e ficar atrás e fazer a dele como a dupla do jogo de domingo fez contra o xpó.

    • E o Guerra que no jogo de hoje seria a figura para fazer o nosso meio fluir e abastecer nossos pontas?????
      E o Dudu? O que fez de útil? 1 lance só…
      E o Mina? Estava marcando quem no gol?

      Esse time é uma bagunça.

  • 3×3 1×1. Caiu de pé. Agora vai ter o tal do tempo pra treinar. Um pena, Egídio teve a bola do jogo e desperdiçou. Caímos muito de produção depois do gol. Cuca errou em colocar Tche Tche no Dudu. Segue faltando consistência e regularidade – time não aprendeu a sofrer sem entregar na defesa. Na Libertadoresa missão é complicadíssima. Vamos ver se no Brasileiro deslancha, porque a meta mais segura que resta é ficar no G6/G4.

  • Não adianta culpar um ou outro… o time inteiro foi sem vibração nenhuma. Não criamos nada, achamos um gol e o Cuca me tira o Dudu pra por o TT. Esperava uma intensidade muito maior pra uma decisão de mata-mata. Lamentável!

  • parem de ser idiotas, esse Egídio é uma piada, enquanto ter jogador descomprometido assim, as chances são zero.

  • Creio que o Cuca perdeu o jogo quando colocou o Tche Tche no lugar do Dudu! Sei que teve erros individuais do Dracena e do Egídio, mas com o Dudu, creio que a gente seguraria o jogo melhor, diminuindo as chances deles e até assustando o Cruzeiro do outro lado! Dudu não pode sair do time a não ser que esteja jogando mal! Mas ok, paciência, o mais importante segue sendo a Libertadores!

    • Guerra jogou o que?
      Dudu jogou o que?
      Jean jogou o que?
      Mina estava marcando quem no gol deles?

      Falta coletivo para este time.

  • Tá difícil achar um equilíbrio.

    Perdemos vários jogos porque o ataque não funcionava.

    Quando ameaça funcionar, vem esta marcação frouxa.

    Depois que fez o gol tinha que rasgar todas.

    Mas não. Ficou marcando bem a distância, como se estivesse ganhando de 8 a 0. O adversário tocou a bola com enorme liberdade, parou a jogada e cruzou na medida, porque não havia marcação nem no meio, nem na lateral, nem na área.

    Pode ter faltado perna. Mas na boa, deixar de correr nessa hora? Cadê a adrenalina? O sangue na veia?

  • Jogamos bem, jogamos copa. Não fosse o gol rebatido do Keno, iríamos pra pressão e com certeza abriríamos o placar.
    Pena que numa bobeira e numa felicidade extrema deles tomamos o empate. Uma pena, não fosse aquele primeiro tempo na ida, estaríamos comemorando a classificação agora.
    Bola pra frente, o time ta evoluindo e sem caça às bruxas.

    • Tbm acho que perdeu aqui. 20 minutos de jogo no 2º tempo o time busca um resultado de 3 contra e não ganha.

  • Egídio teve a bola do jogo, e preferiu se livrar dela. Fora as faltas tolas e erros de marcação. Acho que já deu o que tinha que dar!

  • O time até levar o gol de empate jogou direitinho. Aó depois, faltando mais dez minutos ainda, Faltou inteligência pra não entrar na catimba.

    O gol foi numa falha de posicionamento. Mas a bola do jogo foi no lance anterior, onde o Egidio Jogou pro espaço o segundo gol que mataria o jogo. A bola pune.

    Acho que Egidio, depois de hoje, já deu né!! Chega.

  • Egidio desperdiçou o lance crucial, e alguém avisa o MINA que ele é zagueiro porra.. . Ficou assistindo o lance do gol.

  • Egidio perdeu o contra ataque da classificação. Eita jogadorzinho de merda. E esse ano é sempre assim, fazemos o gol e tomamos logo em seguida, pqp.

  • Eu até entendo a bola do Borja não entrar, ele n se posicionar bem e tals pq n tá acostumado com o ritmo, mas é INACEITÁVEL ele caminhar em jogo numa decisão como ele fez hoje

    • Dracena está velho e em fim de carreira. Mas normalmente tenta fazer o que deve ser feito.

      Só que não é justo compara-lo com Egídio e sua meia ervilha de cérebro que ele deve ter na cabeça.

    • Dracena tem que ser um reserva de luxo, como era ano passado. É um bom zagueiro, mas velho e consequentemente lento… Mas nunca compromete.

  • Divulgada a escalação:
    Jailson
    Jean,Mina,Dracena,Egidio
    Melo,Santos,Guerra
    Dudu,Guedes, Borja

    Eu gostei!!!

  • Se cuidarmos do Tiago Neves e do Alisson (outro que sempre joga bem contra o Palmeiras), há boas chances de neutralizar o time do Cruzeiro. Feito isso, termos boas chances de vitória.
    Avanti Palestra.

  • Hoje pra passar o verdão vai ter que ser melhor que o Cruzeiro em todos os sentidos. O técnico chorão deles e um diretor chorão do Cruzeiro já começaram a se queixar de arbitragem antes do jogo, sinal de que qualquer lance polêmico vai ser a favor deles. Já começamos um pouco em desvantagem pois nosso presidente é banana e não se manifestou (se fosse o Nobre teria colocado os dois babacas no lugar, igualzinho fez com o Bandeira do Flabosta ano passado).

  • Acredito que vamos ganhar de 2 a 0, e vai ser um jogo muito parecido com o do Sport. Talvez no final do jogo o Cruzeiro consiga descontar e termine em 2 a 1.

  • Passando pelos vários programas esportivos da TV, ninguém dá 1 centavo para a classificação do Palmeiras. Parece que vamos jogar contra o Real Madrid. Bom sinal isso!!!

    • Da mesma forma que contra sport e urubus nao eramos considerados favoritos. É melhor que essa imprensinha quebre a cara mesmo.

  • É entrar com Thiago Santos que é essencial. Pode colocar Zé na esquerda, que fez boas partidas, mete o Jean na direita e fecha o meio. Aí coloca o Guerra de falso 9 e os pontas vão deitar e rolar junto com Egídio e TTche. Só na triangulação.

  • Acho que o mais importante hoje é que o sistema defensivo no meio de campo funcione. Não deixar eles jogarem nessa faixa do campo é essencial para conseguirmos agredir sem correr riscos. Para isso aposto na dupla Felipe Melo-Thiago Santos + 1 (TTche ou Guerra).
    Queria muito um 2 x 0 no primeiro tempo, tranquilo. Segundo tempo com controle do meio de campo, sem correr grandes riscos. Na verdade queria uma repetição do jogo contra o Sport. Mas duvido que isso aconteça.

  • De acordo com os palpites sobre como vai ser o jogo, vejo que a rapaziada aqui adora uma emoção mais forte!

    O time do Cruzeiro não é lá essas coisas, então temos total capacidade de jogar de igual pra igual, ou mesmo se impor diante deles. Independente da formação, o time tem de lembrar que NÃO temos ninguém além do Borja pra ficar alçando bola na área; notem que a maioria dos nossos gols saem de jogadas rápidas pelo chão, especialmente com cruzamentos rasteiros.

  • Se for do jeito q vc falou melhor eu não assistir….Quero estar vivo para comemorar a Libertadores e o Mundial

  • À uns 20 dias atrás, havia comentado com alguns amigos de que em 01 mês veríamos o grau de força deste elenco do Palmeiras.
    Meu comentário se baseava em 3 estágios:

    1º) Vencer o Derbi contra os gambás e ganhar vida no Campeonato Brasileiro;
    2º) Vencer o Cúzeiro no Mineirão lotado e se classificar na Copa do Brasil;
    3º) Reverter a vantagem do Barcelona-EQ no Allianz Parque e se classificar na Libertadores.

    O 1º estágio foi muitíssimo mal executado. Vamos ao 2º deles hoje.

    AVANTI VERDÃO!

  • Jailson; Jean, Mina, Edu Dracena e Egídio; Felipe Melo, Thiago Santos e Guerra; Roger Guedes, Borja e Dudu.

    2×1 Palmeiras – Dudu (2)

  • Olha…o Palmeiras tem de jogar na boa, defender bem e não tomar gol.

    Eu não abriria mão do Guerra e não acho que o Cuca vai deixar ele de fora.

    Não sei quem sairá.

    Só quero que ganhe.

    hahahaha

    • Também acho, além do mais o Guerra é um dos nossos melhores jogadores no momento, e um diferencial no meio de campo, que será fundamental para achar espaços na defesa do cruzeiro, visto que o time de BH é experiente e vai querer amarrar o jogo em vista da vantagem obtida no jogo da ida. Eu iria com Felipe Melo, Jean e Guerra no meio campo.

  • Jean foi bem no meio contra o Sport, mas eu não manteria esta opção com o Guerra a disposição.
    Na minha opinião, Felipe Melo e Thiago Santos juntos na volância não é uma boa formação para quem precisa ganhar o jogo. Precisamos do Tchê-Tchê por ali para termos uma melhor saída de bola…e é aí que o Jean volta para a lateral, onde acho que ele vai melhor.
    Vamos ver…vai ser outro puta jogo!!

    • Tenho minhas dúvidas quanto ao Tche Tche de titular nesse momento. Esse ano vem muito mal como um todo e mesmo com o Cuca ele não tem demonstrado evolução (diferente do RG, por exemplo). Ele não evoluiu fisicamente, perde muitas jogadas no corpo a corpo. Até pelo fato de não ter velocidade, ele põe na frente e facilmente tomam dele. Enfim, gosto muito dele, mas daquele futebol do ano passado.

  • É isso mesmo! Não muito de tentar prever, mas essa descrição do jogo bateu forte aqui.
    Dudu abre, Cruzeiro empata e o Borja, tirando a zica, traz a classificação.
    Vamupracima, Verdão!!!!!

  • “Quem sobreviver, comemorará” kkkk
    Também estou apostando em um 2X1, mas sem tanta emoção.
    Acho que abrimos 2×0 e as Marias diminuem no finalzinho, mas sem tempo de reação.

  • Hoje é aquele típico jogo que temos pouco a perder e muito a ganhar.

    – Se ganharmos, além da vitória e da moral em si, mostraremos que estamos vivos e com plenas condições de reverter o placar na Libertadores.
    – Se perdermos, finalmente teremos o tempo que precisávamos pra realinhar certas coisas no time.

  • Acabei de ler que a maioria esmagadora “dos entendidos” da ‘imprensa esportiva’ está apostando em Cuzeiro classificado…

    Primeiro BOM SINAL pra nós!!!

  • Eu iria de Jean na direita e Michel Bastos na esquerda, deixando Tiago Santos e Felipe Melo na volância, saindo mais para o jogo, já que ele tem bom poder de passe e visão de jogo, na frente Guerra armando, Dudu, Borja e Roger Guedes. O Cruzeiro vai entrar fechado, jogando com o regulamento, Mano é retranqueiro, creio em jogo de poucos gols, mas vitória Verde: 1 a 0 gol de Borja para tirar a zica.

    • Muito boa sua escalação! A grande perda pra essa partida é a ausência do William. Mas se der pra ir pro segundo tempo com um ou dois a zero na frente no placar, seria fantástico colocar o Keno no lugar do Borja. O contra-ataque com Keno, Dudu e Guedes seria mortal e ainda mais contando com os passes do Guerra e os lançamentos do Felipe Melo.

  • Jaílson no gol.

    Mina, Jean (Fabiano) e Tchê Tchê cobrindo o lado direito.

    Felipe Melo, Michel Bastos (Zé Roberto) e Egídio cobrindo o lado esquerdo.

    Sempre com no mínimo 02 e no máximo 04 dos 06 total apoiando.

    Os outros 04 jogadores, montando o meio vertical: Thiago Santos, ajudando em qualquer lado que tiver falha na volta do ataque, Guerra, auxiliando marcação e transição meio-ataque; e no ataque, Dudu e Roger Guedes.

    Jogando com apenas um zagueiro (Mina), sempre defenderíamos com no mínimo 08 e atacaríamos com no mínimo 05 (Dudu, Guerra, Roger Guedes, Jean e Michel Bastos) e no máximo 07 (+Tchê Tchê e Egídio).

    Borja e Keno no segundo tempo caso precisarmos ir para o abafa.

    • Gostei Lucas, sempre gostei de sistemas táticos flexíveis e este que você montou me pareceu bem interessante…

  • Acho que o Cuca não vai arriscar colocar o Jean que ainda está fora de ritmo .
    Deve ir de TT na lateral esquerda e o meio com TS, FM e Guerra .
    Uma surpresa, que o nosso treinador adora, seria colocar o Michel ao lado de FM e Guerra no meio campo.

  • Cruzeiro abre o placar cedo e amplia ainda no primeiro tempo. Aí teremos o roteiro que estamos acostumados a ver esse ano: Palmeiras na desvantagem, sufocando e metendo gol de tudo que é jeito. Viraremos aos 34 do segundo tempo, sofreremos o empate aos 38 e aos 47 calaremos o Mineirão com Thiago Santos.

    Cruzeiro 3 x 4 Palmeiras – Dudu, Borja, Guerra e Thiago Santos

  • “Felipe Melo, Thiago Santos e Jean; Roger Guedes, Borja e Dudu”. Com essa formação, vai ficar difícil a transição do meio pro ataque. Trocaria o FM pelo Guerra, ficando Thiago Santos, Jean e Guerra no meio. Não dá pra ter o Guerra disponível e deixá-lo no banco num jogo desses.

  • Jogão hoje a noite. O Verdão fará 2×0 com Dudu e Mina. O Cruzeiro empata e aos 43 do segundo tempo Roger Guedes, em um gol de pura raça num perde-ganha danado calará o Mineirão que estará lotado. Mais uma classificação suada que só valorizará o título que virá nos mesmos moldes da nossa última conquista.

  • Acho que o jogo de hoje não tem absolutamente nada a ver com os jogos contra os mulambos e xpoti e por isso a leitura deve ser diferente.
    Nos 2 últimos jogos do Brasileiro, os adversários jogavam em casa e tomaram a iniciativa do jogo, cabendo a nós compactarmos as linhas defensivas, controlar o ímpeto adversário e explorar os contra-ataques.
    No jogo de hoje, apesar do Cruzeiro jogar em casa, ele entra em campo classificado e certamente será cauteloso na sua estratégia. Se o Palmeiras também ficar esperando, termina 0x0 e estamos fora. Por esta leitura, acredito que o Guerra tenha que jogar.

    Por mais que o Tchê-Tchê não venha em um bom ano, acho prematuro sair com o Jean na lateral depois de tanto tempo sem jogar. Ele por natureza já é um jogador de pouca velocidade e sem ritmo, deve ser presa fácil para a velocidade do Alison e do Diogo Barbosa.

    Minha idéia seria jogar com laterais de maior fôlego e capacidade de finalização e 2 volantes para cobrir suas subidas. Além de um 9 de referência, visto que precisaremos pressionar o adversário e não contra-atacar.

    Jailson
    Tchê Tchê – Mina – Edu Dracena – Michel Bastos
    Thiago Santos – Felipe Melo
    Roger Guedes – Guerra – Dudu
    Borja

    No 2º tempo se o resultado não estiver favorável, saca o Felipe Melo e coloca o Keno passando para um 4-1-4-1 com

    Jailson
    Tchê Tchê – Mina – Edu Dracena – Michel Bastos
    Thiago Santos
    Roger Guedes – Guerra – Dudu – Keno
    Borja

    Acredito num 2×1 sofrido para nós com um gol depois dos 30 minutos do 2º tempo e muito sofrimento até o fim. Preparemos nossos corações.

    AVANTI, MEU PALMEIRAS!!!

  • Essa “suposta” escalação é de cair os cabelos, sorte a nossa que Cuca segue imprevisivel!

    Time pra vencer com tranquilidade:
    Jailson, Jean (tche²), Mina, Dracena, Cone, Melo, Thiago, Guerra, Dudu, Guedes, Keno.

    3a2 hoje, nois.

  • Eu iria sem centro avante, os zagueiros deles são fracos, colocaria na frente Dudu, RGuedes e Keno, pra ir pra cima deles. Com o Borja, ele ficaria sem função.pois os 2 zagueiros deles vão ficar plantados la atras. o empate é deles então vai ser uma retranca braba

  • Eu tiro do time RG, Borja, Jean, mas não tiro o Guerra.

    Sobre as duas “excelentes” partidas contra o CRF e o Xpó.. lembrem que tivemos que aproveitar UM passe bom vindo do BH e UM do ZR.. Jean não foi nada bem na partida passada.. aliás, não faz uma boa partida faz tempo.. Ganhamos na competência, mas é difícil esperar uma bola boa e aproveitar sempre..

    O meu time seria: Jailson, Jean, Mina, Edu, Egídio, TS, FM, Guerra, Dudu, RG, Borja.

    Se o Cuca quer inventar, que mande o Keno a campo no lugar do Borja, vai ter um ataque com muita movimentação..

    Dois volantes bem marcadores, que ficam quando o lateral sobe, podendo o FM chegar na surpresa.. TS fica onde joga bem, meio defensivo, deixando o Egídio subir um pouco mais..

    Vamos ganhar.. no sufoco, mas vamos..

    1 a 2.. vamos fzr os dois primeiros, aí o time vai recuar e eles vão vir com tudo, mas Jailsão da massa, TS e Mina vão mostrar do que são feitos! hahahahha

    Vamos ganhar porcoooooo!!

    • Minha escalação seria a mesma. Essa ideia do Keno é valida, mas acho que somente se for pro segundo tempo e com o Palmeiras na frente, pra puxar contra ataque. Caso contrário, acho que precisamos de um 9, pois o Cruzeiro certamente vira bem fechado.

      • Concordo com vc,, pois nós precisamos ganhar, eles não.

        Então é possível que se fechem e a velocidade dos atacantes não adiante, sendo melhor Borja.. Nesse sentido é melhor o FM ao invés do Jean.. pois é mais alto, já que invariavelmente, time que não consegue entrar na zaga adversária, cruza!

        • Quando jogamos com Dudu, Willian e Guedes, em muitos jogos ficamos cruzando bolas na área para jogadores de pequena estatura, a zaga sempre ganhava. Borja foi importante no empate no primeiro jogo, justamente por brigar pela bola no alto, como no segundo gol do Dudu.
          Concordo com relação ao FM e, além da estatura, ele tem bom passe e lançamento e sua fase é melhor que a do Jean.
          É isso, vamos ganhar! Avanti Palestra! Abs

  • Esse parpite é um pré-infarto!

    Não sei por que, mas acordei hoje lembrando de um episódio que ocorreu recentemente no Mineirão. Mês de Julho, estádio lotado e mandante confiante: vou de Cruzeiro 1 x 7 Palmeiras, com gols de Dudu, Borja, Tchê Tchê (2), Jean e Keno (2). Do outro lado, Alisson descontará.

  • Um amigão Parmerense com quem não falava à tempos me chamou a atenção essa semana de que o nosso Verdão esse ano gosta de surpreender; para o bem e para o mal. Quando pensamos “Agora vai!” NÃO vai; quando pensamos “Hoje vai ser dureza!” O time vai bem…

    E realmente, nos últimos meses, o único jogo em que o time cumpriu plenamente as expectativas foi a reestreia de Cuca nos 4×0 encima do Vasco.

    Sendo assim acordei hoje sem muito entusiasmo. especialmente pelo fato de estarmos numa crescente, enquanto o adversário está em fase ruim, e portanto a classificação não ser exatamente uma surpresa.

    Melhor não criar boas expectativas e ser surpreendido positivamente do que se decepcionar de novo. Até porque se tiver que escolher entre classificar hoje, ou contra o Barcinha, escolho a opção 2.

    Pelo fato do Mano ser um dos poucos que lê o Cuca muito bem e o Cuca ter sempre dificuldade contra ele, acho o resultado mais provável hoje um empate. tomara que seja Surpreendido positivamente de novo.

    Acredito Sempre no MEU PALMEIRAS, e acredito na classificação, só que (até por superstição) no momento prefiro não me encher de empolgação!!!

    • Mas aí não teremos sossego nunca! Quando vem de uma partida que jogou mal, fica apreensivo pq o time não tá bem, quando vem de uma partida que jogou, fica apreensivo pq o time “sempre” surpreende..

      Palmeirense gosta de sofrer!! hahahah

      Deixa esse sofrimento pra hora do jogo!

      • Pior é que estou com tantos problemas pra resolver essa semana que estou até evitando pensar demais no jogo (no entanto estou aqui conectado direto num forum sobre o mesmo, é 20 minutos trabalhando e depois paro 2 minutos pra estar aqui, kkk; vai entender rsrsrs)

    • Conquistar campeonatos é muito bom, mas se tivesse que escolher, prefiro ganhar o bi da Libertadores e o Deca do Brasileirão nesse ano.

      Caso não passemos hoje, não será o fim do mundo e poderá até ser benéfico.

      Como foi a eliminação do ano passado na Copa do Brasil…

  • Acho que faremos o gol logo no começo, o que deixará o jogo bem movimentado. Passaremos, apertado, mas com bom futebol.

  • Jogo difícil, contudo o Palmeiras vai tornar o jogo fácil.

    Cruzeiro 0 x 2 Palmeiras

    Um em cada tempo, o primeiro no final do primeiro tempo e o segundo no começo do segundo tempo para desesperar as Marias e jogarmos no erro deles.

    In Cuca we trust

  • Como sempre acontece, acho que o Palmeiras vai tentar um abafa nos primeiros minutos, se nada acontecer até os 10min, aí sim o jogo ficará sonolento com os times se guardando para a segunda etapa, que sempre tem correria em mata-mata.

  • Esse CRU atual é tão insuficiente q o treinador se lançou aa pressão antecipada contra arbitragem, convocação aa intervenção da torcida etc.
    Vejo plenas condições de se avançar na competição.

    #AvantiPalmeiras

    • Vendo quem vai soprar o apito nesse jogo, ele nem precisaria disso. Enxergo como lado bom a possibilidade de virar-se contra ele e algum erro capital nos favorecer.

  • AVANTI! 4 x 1 hoje pra nós! Primeiro gol de zagueiro em um escanteio, a raposa vai pra cima e toma contra ataque, 2 x 0 final do primeiro tempo! Segundo tempo é pressão total do Cruzeiro que consegue diminuir 2 x 1, dai é só ataque da raposa, aposta todas as fichas e o Palestra em um outro contra ataque abre 3 x 1, adversário se desespera e corre contra o relógio, vai pra cima e consegue duas bolas na trave, defesas de Jailson e o Verdão administrando o tempo, quando fecha o caixão em um chute de fora da área que desvia na zaga e finaliza o adversário, 4 x 1 classificação fantástica! AVANTI !

  • Jogo complicado, mas os dois últimos jogos fora de casa mostraram que o Cuca está começando a achar o time. Ganhamos, 1 a 0.

    Vamos!!!