3
X
5

Depois de golear alguns rivais, como o Santos (7 a 1), Vasco (4 a 1) e o Flamengo (4 a 1), o Palmeiras enfrentou o Botafogo, de Jairzinho, e venceu mais uma vez com um placar elástico: 5 a 3. A equipe comandada por Filpo Nuñez seguia firme na busca do terceiro título de Rio-São Paulo da História.

O grande nome da partida foi o atacante Ademar Pantera, que marcou três gols. Além dele, Rinaldo e Tupãzinho também balançaram as redes cariocas.

Rinaldo abriu o placar, aos 9 minutos, após bom lançamento de Ademir da Guia. O Botafogo empatou com Bianchini, mas o Palmeiras voltou a ficar na frente do placar ainda no primeiro tempo, com Ademar Pantera, aos 44 minutos.

O segundo tempo começou assim como terminou o primeiro, com gol de Ademar Pantera; o centroavante palmeirense recebeu um cruzamento de Gildo e, de cabeça, ampliou para 3 a 1. Cinco minutos depois, o camisa 9 tabelou com Tupãzinho e, cara-a-cara com Hélio, chutou forte para fazer o seu terceiro gol da partida e o quarto do Palmeiras. O time carioca até tentou uma reação (Jairzinho marcou duas vezes), mas aos 45’ da etapa final Tupãzinho deu números finais à partida.




Ficha Técnica

28.950

Cr$ 28.003.380,00

Ethel Rodrigues

Botafogo-RJ

Hélio
Joel
Zé Carlos
Paulistinha
Rildo
Aírton
Gerson
Jairzinho
Sicupira
Bianchini
Arthur
Geninho
TÉCNICO