Jorge estreia como titular e é elogiado por Abel Ferreira

Jorge do Palmeiras em disputa com Sorriso do Juventude, durante partida válida pela vigésima terceira rodada do Campeonato Brasileirão 2021, no Allianz Parque.
Cesar Greco

Com Piquerez convocado para a Seleção do Uruguai, Jorge e Renan brigarão por uma sequência na equipe titular

Contratado em julho deste ano, Jorge realizou ontem, no empate em 1 a 1 entre Palmeiras e Juventude, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, seu primeiro jogo como titular.

Na rodada anterior, quando o Verdão visitou o SCCP, o camisa 6 entrou no final do jogo e atuou por 7 minutos. Desta vez, Jorge permaneceu na equipe por todo o primeiro tempo (48 minutos) e saiu para a entrada de Piquerez.

Durante o tempo em que ficou em campo, o jogador teve um ótimo aproveitamento nos passes (90% – 43/48), acertou o único cruzamento que tentou e realizou um passe decisivo. Na parte defensiva, ganhou todos os duelos que disputou (6/6), fez cinco interceptações e não sofreu nenhum drible, de acordo com o site de estatísticas SofaScore.

Diferentemente de Piquerez, Jorge jogou como o defensor esquerdo na saída de três e pouco participou do ataque. Após a partida, o treinador Abel Ferreira foi questionado sobre o atleta e elogiou suas qualidades, mas ressaltou que é preciso ter paciência.

“Foi uma dúvida que eu tive, uma vez que virão as seleções e ficaremos sem o Piquerez, se começava com o Piquerez hoje ou não; se dava minutos ao Jorge para ver como ele se apresentava após uma grave lesão. O clube contratou um jogador vindo de uma grave lesão, é um jogador com muita qualidade”, declarou.

“Agora, vamos ter calma e paciência, é um jogador que não tem ritmo, primeiro jogo que faz, também tem que se adaptar ao gramado sintético. Tem qualidade suficiente para representar o Palmeiras. Queremos ter dois jogadores por posição, é o que mais peço. Temos Piquerez e Jorge para disputarem durante a semana”, finalizou.

Com Piquerez convocado, disputa pela lateral-esquerda ficará entre Jorge e Renan

Com a decisão da CBF em não mais adiar as partidas dos times brasileiros que tiveram jogadores convocados por suas seleções para a disputa das Eliminatórias Sul-americanas, a comissão técnica não poderá contar nas próximas três rodadas com Weverton (Brasil), Gustavo Gómez (Paraguai) e Piquerez (Uruguai).

Com isso, a vaga na lateral-esquerda pode ser preenchida por Jorge ou Renan. Entretanto, de acordo com a entrevista de Abel, quem deve ficar com a vaga é o camisa 6.

Os próximos três jogos do Palmeiras serão contra América-MG (06/10 – fora de casa), Red Bull Bragantino (09/10 – Allianz Parque) e Bahia (12/10 – fora de casa).