Com atividades técnicas e táticas, Palmeiras treina pensando no São Bernardo

Atletas do Palmeiras realizam atividades durante treinamento na Academia de Futebol, em São Paulo-SP.
Fabio Menotti

Após as atividades, o goleiro Marcelo Lomba concedeu entrevista e comentou sobre sua estreia no Palmeiras

Sob chuva ininterrupta, o Palmeiras realizou na tarde desta sexta-feira, atividades técnicas e táticas em preparação ao duelo diante do São Bernardo, que acontecerá amanhã, às 16h, no Estádio 1º de Maio, pelo Campeonato Paulista.

De início, Abel e seus auxiliares trabalharam somente com os jogadores de linha, enquanto os arqueiros fizeram atividades específicas com os preparados Rogério Godoy e Thales Damasceno. A primeira movimentação foi para aprimorar a posse de bola e a marcação, com os atletas podendo dar somente dois toques na bola até chegar às mini metas dispostas nas extremidades.

Na sequência, o grupo foi dividido em dois: de um lado, parte do elenco aprimorou a parte tática; enquanto os demais jogadores aperfeiçoaram as finalizações e praticaram cobranças de pênaltis. Os atletas mais desgastados, principalmente os que atuaram mais minutos contra a Ponte Preta, na última quarta-feira, realizaram complemento físico e foram liberados mais cedo.

Para o confronto, Abel Ferreira ainda não poderá contar com os zagueiros Kuscevic e Gustavo Gómez e o goleiro Weverton, que estão servindo suas seleções.

Após as atividades, Marcelo Lomba concedeu entrevista e comentou estreia

Marcelo Lomba realiza atividades durante treinamento do Palmeiras na Academia de Futebol, em São Paulo-SP.
Fabio Menotti

Ao final da movimentação, o goleiro Marcelo Lomba falou sobre sua estreia pelo Palmeiras e celebrou o resultado positivo.

“Estou muito feliz, pois a gente tinha o objetivo de ganhar no primeiro jogo do ano em casa. Foi especial por ter sido a minha estreia, mas fiquei mais feliz ainda porque o time fez um grande jogo, teve uma vitória convincente e fomos muito bem coletivamente. É apenas o início, mas é bom saber que estamos no caminho certo”, relatou o arqueiro à TV Palmeiras/FAM.

Lomba, que deve ser novamente titular diante do São Bernardo, também projetou o duelo. “O Paulistão é um torneio muito difícil, os adversários são difíceis e tem jogadores bons. A comissão já nos mandou o material do São Bernardo, eles vão jogar na casa deles, mas temos uma mentalidade, uma forma de jogar, uma camisa pesada e, junto da qualidade da equipe, vamos em busca de mais uma vitória”, finalizou.

Integrando o Grupo C do Paulistão, o Palmeiras lidera a chave com 6 pontos, seguido por Mirassol (3), Ituano (3) e Botafogo (1).

Giovani tem contrato renovado com o Palmeiras

Giovani durante treinamento do Palmeiras, na Academia de Futebol.
Cesar Greco

Com 18 anos completados recentemente, Giovani estendeu vínculo com o clube até o fim de 2026

O Palmeiras estendeu o contrato do atacante Giovani até o final de 2026. Na tarde de quarta-feira, o novo vínculo do jogador com o clube foi registrado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF.

Com 18 anos completados recentemente, Giovani estendeu vínculo com o clube até o fim de 2026.
Reprodução

Em junho do ano passado, o jogador já havia estendido seu vínculo com o Verdão até maio de 2024, mas como ainda não havia atingido a maioridade, seu contrato não podia durar mais que três anos. Com 18 anos completados no início de janeiro, Giovani enfim teve o vínculo estendido para cinco temporadas.

Um dos destaques da equipe na Copinha, chegando a anotar um golaço na final contra o Santos, Giovani recebeu um aumento salarial. Atualmente, a multa rescisória do atacante é de 60 milhões de euros (cerca de R$360 milhões, na cotação atual) e o Palmeiras é dono de 100% de seus direitos econômicos.

Giovani está no Palmeiras desde 2015

A formação de Giovani no futebol foi toda realizada no Palmeiras. O atacante chegou ao clube em 2015, para atuar no Sub-11. No ano passado, atuou pelas equipes Sub-17 e Sub-20 e foi titular do Verdão na final do estadual contra o Mirassol.

Além disso, ganhou a primeira oportunidade de atuar pelo profissional no clássico contra o SCCP, em 3 de março de 2021. Dentre os atletas do Sub-20, Giovani é o que mais vezes jogou pelo time principal em 2021: 14 jogos.

Neste ano, enquanto estava disputando a Copinha, foi chamado por Abel Ferreira para completar os treinos da pré-temporada e participou de um jogo-treino. Com o título da Copa São Paulo conquistado, o jogador espera por mais chances no profissional.

Palmeiras realiza treino técnico na Academia de Futebol; campeões da Copinha participam

Renan, Rafael Navarro, Giovani e Fabinho, durante treino técnico do Palmeiras, na Academia de Futebol.
Cesar Greco

Palmeiras se reapresentou após vitória no Allianz Parque e iniciou os trabalhos visando o São Bernardo; titulares contra a Ponte Preta não participaram de treino técnico

Após a vitória sobre a Ponte Preta por 3 a 0, o elenco palmeirense se reapresentou na manhã desta quinta-feira, na Academia de Futebol, e deu início aos trabalhos visando o duelo frente ao São Bernardo, que ocorrerá no sábado, às 16h.

No gramado, a comissão técnica comandou um treino técnico e contou com a presença das Crias da Academia que conquistaram a Copinha na última terça-feira, após triunfo por 4 a 0 sobre o Santos.

Mateus, Garcia, Naves, Lucas Freitas, Vanderlan, Fabinho, Pedro Bicalho, Giovani, Jhonatan, Gabriel Silva e Endrick, além dos goleiros Kaique e Natan, estiveram ao lado dos jogadores que atuaram menos de 45 minutos ou foram a campo contra a Ponte Preta.

O grupo foi dividido em dois times, sendo que num primeiro momento a equipe de colete laranja foi formada por sua maioria pelos pratas-da-casa. Ao longo das movimentações, Abel e seus auxiliares foram alterando os times. O técnico do Sub-20, Paulo Victor Gomes, também esteve presente na Academia de Futebol.

Na parte final da atividade, alguns jogadores praticaram cobranças de faltas e batidas de pênaltis.

Titulares contra a Ponte Preta não participaram de treino técnico

Abel Ferreira conversa com os jogadores do Sub-20 do Palmeiras, após a realização de treino técnico na Academia de Futebol.
Cesar Greco

Como de costume, os atletas que iniciaram jogando o duelo frente à Ponte não foram a campo, nesta quinta-feira. Eles permaneceram na parte interna do Centro de Excelência para um trabalho regenerativo.

O Palmeiras volta a treinar na sexta-feira, no período da tarde, na Academia de Futebol. A equipe lidera o Grupo C do Paulistão, com 6 pontos, à frente de Ituano (3), Mirassol (3) e Botafogo (1).

Gustavo Scarpa inicia ano com assistência e se consolida como um dos atletas mais versáteis do Palmeiras

Gustavo Scarpa comemora com Rony o terceiro gol do Palmeiras contra a Ponte Preta, durante partida válida pela primeira rodada do Paulistão 2022, no Allianz Parque.
Cesar Greco

Eleito pela FPF o craque do jogo contra a Ponte Preta, Gustavo Scarpa participou das jogadas dos três gols

Desde a chegada de Abel Ferreira ao Palmeiras, em outubro de 2020, Gustavo Scarpa tornou-se um jogador coringa dentro do elenco. Meia central de origem, o camisa 14 já atuou como lateral-esquerdo, ponta direita e esquerda, como um camisa “10” e, nos primeiros dois jogos da temporada de 2022, vem cumprindo mais de uma função em campo: por ora é ala-esquerdo/lateral; por ora é um ponta.

“Não só eu, mas todo o grupo entendeu o que o Abel quer da gente nesse esquema, eu acho que é extremamente importante a gente manter o foco e não se acomodar. Sabemos que os primeiros jogos do campeonato são bem difíceis, mas é muito importante para a gente pegar confiança para ir para o nosso principal objetivo, que é o Mundial”, disse o atleta na saída do gramado do Allianz Parque, após triunfo palmeirense por 3 a 0 sobre a Ponte Preta.

O grande teste de Scarpa atuando nesse esquema foi a final da Libertadores do ano passado, diante do Flamengo. Até aquele confronto, o atleta vinha tendo sequência como um meia pela direita.

“Eu vou tentar usar um camaleão como exemplo. Quando muda de cor, continua a ser um camaleão. Eu gosto muito de utilizar essa metáfora para tentar explicar às pessoas. Podemos jogar em mil e um sistemas, o mais importante é que os jogadores saibam quais os comportamentos que eles devem ter com e sem a bola”, chegou a dizer o comandante em entrevista coletiva após o duelo frente ao Novorizontino.

Gustavo Scarpa comenta preparação para o Mundial de Clubes

Eleito pela Federação Paulista de Futebol o melhor jogador do duelo contra a Ponte Preta, Scarpa enalteceu o forte início de campeonato do Palmeiras, principalmente para a preparação para o Mundial de Clubes, que será disputado entre os dias 3 a 12 de fevereiro.

“Eu tenho achado importante a gente começar jogando para pegar ritmo de jogo antes do Mundial, sabe que vai ser muito difícil esse torneio, mas é um sonho nosso e quando a gente sonha e vai com dedicação, temos grandes chances de realizar. Sabemos da dificuldade, mas vamos com tudo”, declarou.

O camisa 14 participou das jogadas dos três gols do Verdão e poderia ter terminado a partida entre os goleadores da partida. No final do primeiro tempo, Scarpa recebeu ótimo passe de Danilo e marcou o que seria o quarto gol do Palmeiras, mas o assistente Rafael Tadeu de Souza marcou equivocadamente impedimento.

Contra Ponte Preta, Rony alcançou o centésimo jogo pelo Verdão; confira os números do atacante

Rony comemora seu gol pelo Palmeiras contra a Ponte Preta, durante partida válida pela primeira rodada do Paulistão 2022, no Allianz Parque.
Cesar Greco

Novo camisa 10 do Verdão, Rony anotou o terceiro gol da equipe na vitória por 3 a 0 sobre a Ponte Preta, na noite de ontem

O Palmeiras recebeu a Ponte Preta na noite de quarta-feira, em jogo válido pela primeira rodada do Campeonato Paulista, e precisou apenas do primeiro tempo para fazer 3 a 0 e vencer a partida. Os gols foram anotados pelos zagueiros Murilo (aos 8’) e Luan (aos 21’) e por Rony (aos 27’).

Além do gol marcado e a vitória alcançada, o atacante Rony teve mais um motivo para celebrar o duelo: o camisa 10 do Verdão alcançou a marca de 100 jogos pelo Palmeiras. Contratado junto ao Athletico-PR no início de 2020, o jogador contabiliza ainda quatro títulos pelo clube, 24 gols e 13 assistências.

“Alcançar a marca de 100 jogos por um clube gigante como o Palmeiras é motivo de muito orgulho para mim, estou muito feliz. E marcar gol é sempre importante, dá muita confiança, principalmente para nós, atacantes. Acredito que o grupo como um todo está no caminho certo, evoluindo degrau por degrau, e estamos nos preparando para fazer mais um ano de vitórias e conquistas”, disse.

Entre os jogadores do atual elenco, Rony é o quinto colocado no ranking dos maiores artilheiros, atrás de Deyverson (30), Gustavo Scarpa (31), Raphael Veiga (43) e Dudu (75), e também o 11º atleta a atingir a centésima partida com a camisa palmeirense. Com ele em campo, o Palmeiras conquistou 54 vitórias contra 20 derrotas, além de 26 empates.

Além disso, foi o artilheiro do clube nas últimas duas Libertadores (5 e 6 gols) e terminou a edição de 2020 como o maior assistente (8 passes para gol).

Rony precisou passar por cima de início complicado para chegar aos 100 jogos

Adquirido como o destaque de um Athletico-PR campeão da Copa do Brasil, por 6 milhões de euros (cerca de R$28 milhões à época), Rony demorou para cair nas graças da torcida e marcar seu primeiro gol pelo Verdão.

Foram 21 partidas no total até que o atacante conseguisse balançar as redes adversárias, na goleada sobre o Bolívar por 5 a 0, na primeira fase da Libertadores de 2020. O gol trouxe tranquilidade para o jogador, mas foi após a chegada de Abel Ferreira ao Palmeiras que Rony virou peça importante e foi crucial em partidas decisivas, como o tento frente ao River Plate e a assistência para Breno Lopes na final da Libertadores contra o Santos.

Novo dono da camisa 10 e valorizado pelas conquistas, Rony estendeu seu contrato com o clube até o final de 2025, no início do mês – a renovação do vínculo do jogador foi registrada no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF na tarde de ontem.