0
X
2

Pré-Jogo

Pré-jogo Palmeiras x SPFC

Na noite deste sábado, a Sociedade Esportiva Palmeiras enfrenta o SPFC, em partida válida pela 15ª rodada do Brasileirão.

Após sofrer sua primeira derrota na competição e cair para a quinta colocação na tabela, o Verdão precisa dos três pontos para se manter no bolo de cima e para, mais uma vez, devolver a tranquilidade ao ambiente.

Palmeiras

PalmeirasDESFALQUES
Lesionados:
Luan Silva
Suspensos: ninguém
Convocados: Weverton, Gustavo Gómez, Viña e Gabriel Menino
Dispensado: Bruno Henrique

Pendurados: Ramires, Wesley, Felipe Melo e Danilo

Lucas Esteves foi liberado para trabalhar sem restrições e deve receber sua primeira chance do ano. Outro que volta a ficar à disposição de Vanderlei Luxemburgo é Luiz Adriano.

Willian deve voltar a jogar aberto e quem tem mais chances de perder a vaga no time é Rony. Na zaga, a dúvida é se Luxa se convenceu que Luan não pode jogar do lado esquerdo, algo que toda a torcida já sabe há muito tempo.

O desfalque de última hora é Bruno Henrique. O volante recebeu uma proposta do Al-Ittihad e o Palmeiras tende a aceitar – tanto que o atleta deixou a concentração e está fora do jogo.

O provável time que irá a campo para o clássico é Jailson; Marcos Rocha, Felipe Melo, Luan e Lucas Esteves; Patrick de Paula e Ramires (Danilo); Willian, Raphael Veiga e Wesley; Luiz Adriano.

SPFC

SPFCO técnico Fernando Diniz tem problemas para escalar o SPFC. Juanfran sofreu uma lesão no joelho e será substituído por Igor Vinicius. Gabriel Sara está suspenso, mas Luciano volta de gancho e deve jogar do lado direito. Arboleda está com a seleção equatoriana e Hernanes, Rojas, Walce e Liziero seguem no departamento médico.

Assim, a escalação para o jogo desta noite é Tiago Volpi; Igor Vinicius, Bruno Alves, Diego Costa e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê, Daniel Alves e Igor Gomes; Luciano e Brenner.

Números

  • Apenas duas vitórias separam os dois clubes no retrospecto geral: 106 do Verdão contra 108 do outro time; houve 103 empates;
  • Em partidas pelo Campeonato Brasileiro, ampla vantagem do Palmeiras: 24 vitórias contra 15, mais 29 empates;
  • No Allianz Parque, temos uma surra: 9 jogos, com 8 vitórias do Palmeiras e 1 empate; marcamos 24 gols e só sofremos 4.

No calendário

O Palmeiras já disputou 14 jogos no dia 10 de outubro e venceu 8. Veja a lista completa clicando neste link.

Lei do Ex

Do lado de cá: ninguém
Do lado de lá:
Tchê Tchê

Arbitragem

Leandro VuadenÁrbitro Principal:
Leandro Vuaden

José Claudio Rocha Filho

VAR:
José Claudio Rocha Filho

Projeção de pontos

De acordo com a projeção de pontos feita antes do início do campeonato, estamos seis pontos abaixo. A meta para este jogo era de vitória. Vencer é questão de honra e também de sobrevivência.

Parpite

Quando a coisa está complicada e chega um clássico, os anos de janela mandam ficar quieto. Então hoje não tem parpite, para não chamar coisas erradas. E que o espírito do jovem Vanderlei dos anos 90 se aposse do veterano de hoje; que nosso time faça como nas grandes batalhas de 93 e 94, quando jamais afinávamos, vencíamos a maioria dos jogos e só perdíamos quando eles realmente jogavam muita bola. VAMOS PALMEIRAS!

Transmissão

PFCPFC

Pós-Jogo

Palmeiras 0x2 SPFCCésar Greco/Ag.Palmeiras

Numa noite tenebrosa, o Palmeiras foi derrotado pelo SPFC no Allianz Parque por 2 a 0 e praticamente deu adeus à competitividade no Campeonato Brasileiro.

Com a segunda derrota seguida, o time ficou a 9 pontos de uma campanha considerada suficiente para vencer o campeonato, um sonho que já parece bem pouco possível diante de tantos sinais negativos.

Primeiro tempo

8'
SPFC

Luan saiu jogando curto com Zé Rafael; Luan do SPFC foi mais rápido, roubou e tocou para Brenner, que saiu pelo lado e tentou finalizar, mas pegou embaixo da bola.

21'
SPFC

Luciano levantou da intermediária pelo lado esquerdo; Igor Vinicius escapou da marcação de Felipe Melo e testou firme, buscando o canto esquerdo de Jailson, mas a bola saiu por pouco.

23'
Palmeiras

Veiga arrancou pelo meio e abriu para Wesley, que puxou para o lado de dentro e bateu forte de direita; a bola saiu à direita de Thiago Volpi.

30'
Palmeiras

Após lateral do lado direito, Patrick de Paula aparou e bateu rápido de esquerda; a bola foi no centro do gol e Volpi encaixou.

35'
SPFC

Igor Gomes desceu pela esquerda e cruzou; Tchê Tchê deu a casquinha e Igor Vinicius chegou batendo, mas Luan travou.

40'
SPFC

Igor Vinicius cruzou da direita; a bola passou por todo mundo e chegou do outro lado para Reinaldo, que bateu de primeira, cruzado; Jailson pegou firme, sem rebote.

43'
Palmeiras

Veiga bateu escanteio da esquerda; a zaga afastou e Patrick pegou a sobra, ajeitou e bateu forte, mas pegou mal na bola, que subiu demais.

48'

Leandro Vuaden, que apitou na experiência, encerrou o pouco inspirado primeiro tempo.


Segundo tempo

3'
SPFC

Igor Gomes abriu dentro da área para Reinaldo, que bateu forte, mas Jailson faz boa defesa, rebatendo para o lado esquerdo.

5'
SPFC

Igor Vinicius passou fácil por Esteves e cruzou para Brenner, que ganhou fácil de Felipe Melo na disputa pelo alto e testou forte, mas a bola passou por cima do gol.

8'
SPFC

Após erro na saída de bola, Daniel Alves enfiou para Igor Vinicius, que sentiu o contato com Esteves e desabou. Não foi pênalti. O VAR revisou e confirmou. Reinaldo bateu bem, no ângulo direito de Jailson, e abriu o placar.

13'
Palmeiras

Marcos Rocha brigou pela bola e cruzou da direita; Wesley fechou no segundo pau e tentou a testada, mas não pegou em cheio e a bola saiu fraquinha.

14'

Três mexidas no Verdão: Gabriel Veron, Gustavo Scarpa e Luiz Adriano nos lugares de Raphael Veiga, Wesley e Willian.

19'
Palmeiras

Patrick de Paula ameaçou o chute mas tocou curto para Gustavo Scarpa, que tentou o chute frontal, com efeito, mas a bola foi no meio do gol e Volpi pegou fácil.

22'
SPFC

Reinaldo bateu rasteiro e forte, cruzado – a bola saiu lambendo a trave esquerda de Jailson.

26'

Danilo e Ramires  entraram nos lugares de Esteves e Zé Rafael.

27'

Logo após as últimas mexidas, Luan sentiu lesão na virilha e virou centroavante. Ramires virou zagueiro pela esquerda.

30'
Palmeiras

Gustavo Scarpa bateu falta frontal e mandou na gaveta, mas Thiago Volpi foi buscar de mão trocada.

47'
SPFC

Igor Vinicius entrou em diagonal da direita para a esquerda, recebeu livre e tocou pra dentro, para a chegada de Vítor Bueno, que tocou para o gol vazio.

50'

Felizmente a tortura acabou antes que tomássemos o terceiro.





Fim de jogo

A invencibilidade sustentada contra o inimigo em nosso estádio virou pó. O time perdeu a segunda partida seguida, algo que não acontecia desde a época de Mano Menezes.

Os jogadores dão claros sinais de que não conseguem se manter competitivos – dentro de campo e também fora, nas entrevistas após o fim do jogo.

O desmanche no elenco, cada vez mais evidente, é um sinal que torcida e jogadores interpretam como de fim de feira. A diretoria parece mesmo satisfeita com o Paulista em cima do SCCP e dão a temporada como encerrada – agora tratam de pensar na temporada de 2021, que começa grudada na atual, sem férias.

E se é para entregar os pontos, que pelo menos joguem limpo com a torcida. Que tirem a pressão dos jogadores, deixem-nos ao menos jogar mais leves que talvez consigamos até alguma coisa nas copas.

E que comecem de fato um projeto sólido para 2021, a partir de já, com um novo projeto técnico, usando o que resta desta temporada como balão de ensaio. Para alguma coisa estes 24 jogos do Brasileirão têm que servir.

E aconteça o que acontecer, em clássico tem que entrar para ganhar. Sempre. Qualquer coisa diferente disso é uma enorme VERGONHA.

Ficha Técnica

SPFC

Thiago Volpi
Igor Vinicius
Bruno Alves
Diego Costa
Reinaldo
Luan
Tchê Tchê
Léo Pelé
Daniel Alves
Igor Gomes
Vítor Bueno
Luciano
Toró
Brenner
Pablo
Fernando DIniz
TÉCNICO

Notas


Jogador
Descrição
Nota
Jailson
ZERO
0
Marcos Rocha
ZERO
0
Felipe Melo
ZERO
0
Luan
ZERO
0
Esteves
ZERO
0
Danilo
ZERO
0
Patrick de Paula
ZERO
0
Zé Rafael
ZERO
0
Ramires
ZERO
0
Lucas Lima
ZERO
0
Raphael Veiga
ZERO
0
Gabriel Veron
ZERO
0
Wesley
ZERO
0
Gustavo Scarpa
ZERO
0
Willian
ZERO
0
Luiz Adriano
ZERO
0
Vanderlei Luxemburgo
Vanderlei Luxemburgo
ZERO
0





  • Nao entendo essa fixacao pelo patrick de paula , pra mim tem toda aquela marra de carioca e pouca disposicao em campo… Tem habilidade mas zero garra , podem criticar mas eh isso ai

  • Paulo Nobre foi presidente do Palmeiras por 4 anos (2013-2016) éra muito feliz e nao sabia. Mauricio Galiotte traira.

  • Nosso presidente trouxe o diretor de futebol do botafogo (!) E cedeu o único craque do time (Dudu) sem repor a altura. Aliás desde 2014 o palmeiras não contrata nenhum jogador diferenciado. Aí me pergunto, se a ideia é usar só a base pra que sujar a camisa colocando o nome da Crefisa? Ou investimos de verdade para ser campeão (palmeiras 2016, fla 2019 e galo 2020) ou continuaremos ganhando um brasileiro a cada 22 anos como foi em 2016.
    Quanto aos técnicos chega de inventar. Cuca, o técnico do River ou do independiente dão de mil a zero nos dinossauros Luxa e Felipão.

  • Só foi demitir o Felipão e o Mattos que o Palmeiras voltou a ser aquele Palmeiras que apanha de qualquer um.
    Precisamos de um técnico copeiro é um time mais agudo pra ganhar as copas pq esse Brasileirão já era.

  • É chover no molhado. O roteiro do filme já estava escrito. Perder pros gamba no Paulista, jogar muito mal as finais. Depois empatar com fluminense, o sub 20 do Goiás, o sub 20 do Flamerda. Os reservas do Grêmio. Essa diretoria é uma piada. Demitiram o Felipão por muito menos. Tínhamos 3 bons laterais esquerdo. Agora temos apenas um. Corremos o risco de queimar o Esteves (não que eu goste dele, pois fazia muitas faltas mesmo na base). Não temos atacante (9). Temos apenas um lateral direito. Temos 3 MA que não valem por um e custam uma fortuna. Jogar com um time que só ataca pela esquerda é de morrer. Se atentaram que todo jogo o LD fica preso? Só não perdemos antes pq o Gustavo Gomes é um monstro. Time sem vontade de ganhar, mal treinado (só tem uma jogada) e com um elenco desequilibrado.

  • 27 do segundo tempo ter que jogar com 1 a menos, pq o técnico que tinha 5 substituições queimou todas antes disso? luxemburgo é o único que usa TODAS as 5 em TODOS os jogos, ou ele é melhor que todo mundo, ou tem algo errado com sua estratégia, tanto no começo do jogo quanto no decorrer substituindo peças.
    estava com pensamento que ele não podia sair pois n tem nada melhor no mercado, não sei mais se penso assim.

  • No inicio do mandato o cara se mostrou um grande traíra.
    Depois percebemos que além de omisso é um administrador ridículo.
    O culpado de toda está situação, inimaginável em 2017, tem nome e sobrenome .
    Maurício Galiotte.

  • O time que entrou ontem conseguiu o impossível. Infelizmente.
    Nossos diferenciados são apenas Weverton, Gomez, Vina, Luiz Adriano e Dudu .. Todos ausentes…
    Com exceção dos garotos da base – não é pra qualquer um assumir essa bronca como eles têm assumido – os demais são mais do mesmo. Jogadores medianos e/ou fim de carreira.

  • Pronto, hora de fazer uma limpa no departamento de futebol. A torcida está cansada de medalhões descompromissados, que sentam em cima de contratos de cinco anos e não demonstram qualquer respeito pela camisa da Sociedade Esportiva Palmeiras.

    Estamos cansados de comissão técnica ultrapassada, que, além de jogar um futebol covarde e preguiçoso, não demonstra qualquer interesse em se atualizar.

    Infelizmente não é possível tirar aquele que é o maior culpado, mas este tem data pra sair.

    Quisemos acreditar, torcemos, mas esse elenco e comissão já provaram não ser capazes de conquistar mais nada nesta temporada.

    Obrigado pelo Paulista, mas tchau!

  • Sei não. Mas a essa hora o Banana deve já ter enviado um “oi sumidos” para o General e o Mattos.

    Luxa tem sim sua parcela de culpa, é evidente que o time está mal treinado, mas essa diretoria junto com os jogadores são os maiores culpados. Espero muito que o Paulo Nobre mude de ideia e concorra a presidência, acredito que apenas ele tenha força para vencer a senhora que se diz Palmeirense.

    • Lá em BH a torcida está rindo à toa, feliz da vida, mas se esqueceram do que aconteceu com o rival tempos depois de Matos ter saído de lá, e olha que a situação financeira desse dois clubes era muito inferior a nossa.

      O general tem nossa gratidão por tudo o que fez pelo Palmeiras, mas assim como o atual comandante, se perdeu.

      • Concordo, Bruno. Não acho que ficar voltando para velhas estrelas (e esperando delas a solução para os problemas atuais) seja adequado. Luxa é a prova viva disso.

        E sobre o Galo, eu moro em BH. Aqui tá todo mundo rindo à toa (seja pelo cruzeirinho destroçado ou pelo momento do Atlético). Já avisei eles que o Mattos é ótimo, mas com um talão de cheques em branco.

      • Eu concordo que não devemos voltar a velhos hábitos. Falei do “oi sumidos” porque se fosse para o time está essa vergonha teria sido mais aceitável ter mantido o General e o Mattos. Agora estamos sem opções de mercado para o técnico. A situação está horrível e pode piorar.

  • O Roger Machado ganhou dos Bambi no Allianz, o Marcelo Oliveira ganhou, o Oswaldo Oliveira ganhou, o Eduardo Baptista ganhou o Mano Menezes ganhou !!!

    Porra Luxa aí fica difícil pra vc professor…

  • “Keno tá bichado…” aí o Patético leva o cara e hoje lidera o campeonato tendo o cara como destaque.

    “Roger Guedes é problemático demais”, mas hoje não temos um jogador afoito e agudo como ele.

    “Ah, as exigências do Sampaoli são absurdas…” comandando o time que lidera o campeonato.

    “Dudu pode ir, evidente que a diretoria não abriria mão dele assim, certamente têm um plano…” e não há reposição.

    “Victor Luís e Diogo Barbosa não dão mais!”, até que vão pra outros times e são titulares absolutos onde estão, com um deles até virando o garçom do time em pouco tempo.

    E por aí vai.

    • Na minha humilde opinião, Keno e Vitor Luís foram as maiores cagadas dessa diretoria. Keno foi vendido por uma merreca e VL sempre foi, no mínimo, regular. ;

      Não vou entrar no mérito de discutir a saída do Dudu, “brilhantemente alinhavada” pelos nossos gestores.
      Essa já beira a estupidez mesmo.

  • Precisávamos de uma reformulação da comissão técnica e do elenco desde o final de 2018, mas como ganhamos o Brasileiro com o time reserva acabamos mantendo tudo (comissão técnica) e todos (jogadores com contratos longos renovados) até o final de 2019.

    Chega 2020 e nada, do que precisava ser feito, foi feito ainda.

    Palmeiras precisa renovar suas idéias e planejar o seu futuro se quiser continuar sendo protagonista…

  • Não resta nada. A nossa (um dia) grande defesa já levou 15 gols no campeonato (pior média gols/jogo desde 2017), o ataque fez só 18 (pior média desde 2014), o time joga a cada pior, todos os testes possíveis foram feitos e todos eles falharam. O trabalho é ruim e só piora. Ainda que concorde que a diretoria é a principal responsável, no curtíssimo prazo, se queremos alguma coisa, nem que seja somente esperança, o que é possível fazer além de trocar o técnico?

  • Não quero colocar toda a culpa no Luxa, a diretoria tem uma participação ainda maior no que está acontecendo.

  • Sinceramente espero apenas que o paulo nobre concorra contra a vascaina Tia Leila e vença. Com Bananote pode colocar o Guardiola que perde. Venda de jogadores sem reposição e contratação de luxemburgo. Acho que vi isso em 2002 com o famigerado “bom e barato”. Será que não aprendem?

  • Hoje eu não tava bem, tava pra baixo , jururu mesmo, sem ânimo pra ver nem o jogo, mas mesmo assim eu vi , o Palmeiras vai lá e da esse vexame, pra eu fechar o dia com chave de bosta, e amanhã ainda vou ter que ir na missa de sétimo dia do meu vô…final de semana bem desagradável , feriado vai ser um cu!

    Desculpa o desabafo mas não aguentei.

    Mas Tmj PALMEIRAS , na boa e na ruim.

  • Saudade do tempo em que tínhamos somente um problema de técnico.

    Vamos supor que Luxa seja demitido imediatamente e contratemos… sei lá, o camarada do River ou do Del Valle. Tudo de bom, não é?

    Bem, agora consideremos que Luxa é um dos poucos casca-grossa com moral para aguentar a pressão no Palmeiras e bater na mesa para exigir um elenco equilibrado – algo que neste momento parece que nem se passa pela cabeça da diretoria.

    Aí o clube traz alguém competente que rapidamente perceberá que seus pedidos não serão atendidos. Vai ser mais um tiro n’água e mais seis meses perdidos.

    Sampaoli deve estar suspirando aliviado por ter inventado aquele monte de pedidos absurdos apenas para não admitir que não queria vir para cá. E também por ter recusado o caminhão de dinheiro oferecido a ele.

    • Não adianta aguentar pressão e não fazer o time jogar de forma minimamente organizada. O presidente esta vendendo os jogadores sempre que tem proposta, isso é mesmo um problema, mas os que estão a disposição podem jogar mais do que isso.

      • Ruan, acho que você não entendeu quando eu afirmei que não temos SOMENTE um problema de técnico.

        São dois problemas: técnico E diretoria.

        • Entendi sim. Mencionei isso no meu comentário e concordei com você. Talvez não tenha sido explicito o bastante para que você entendesse.
          Entendi também que você acha que o técnico não deve ser trocado. Nisso discordamos.

          • Continua não entendendo.

            Trocar o treinador sem mudança de postura da diretoria não resolverá.

            Mas ele poderia fazer muito melhor, mesmo com este elenco. Precisa sair.

    • Se olhar o time do River, você vê que não é tudo isso que pensam aqui no Brasil. O diferencial é que os caras são bem organizados em campo, jogam compactados, sabem se posicionar e apertar a saída do adversário com eficiência.

      Em grande parte, isso é mérito do treinador. Tanto que na final da libertadores deram um abafa no flamerda que tinha um time muito melhor.

      O Gallardo faria um bom trabalho no Palmeiras. Mas precisaria paciência e tempo até o time assimilar o que o treinador quer.

      Com o Luxemburgo, este time não entrega nem metade do que pode.

      • Gallardo não sai do River a não ser que seja para Europa. Lá ele tem salário europeu, estabilidade e autonomia total no clube. Aqui ele não terá nem um tradutor quanto mais algo próximo do que ele já possuir no atual time.

  • “Tem que saber se tenho equipe para jogar bonito”. Sério? Tem times fraquíssimos in propostas não tão covardes quanto deste @&#$. Ainda tem coragem de falar isso.

    • O respeito que o elenco tinha com ele acabou depois dessa entrevista. Manda embora porque agora que não jogarão nada mesmo.

        • Elenco caro, clube sem receita. Reformulando no meio do campeonato. Só temos um zagueiro, um lateral esquerdo, 1 milhão de volantes, dois meias ganhando 1 milhão por mês ( cansados em campo), zero CA e 1 milhão de pontas. Pode colocar outro técnico, não sou contra, mas não vai mudar a médio prazo

          • Raphael, concordo com quase tudo. Acho que LA não é um zero como CA.

            Mas só tem ele. Deveria ter um reserva e mais um moleque pronto para entrar.

          • Nesse time ele não joga como um CA, falta um cara com presença de área para jogos de pressão total, vide segundo tempo Palmeiras x Botafogo!

  • Abri o verdazzo e tinha uma matéria com o título: “Ajustes que o Luxa pode fazer para que o Palmeiras vença mais jogos.” O primeiro ajuste é assinatura da rescisão contratual dele. Já chega! O time é muito mal treinado, e o cara ainda teve a desfaçatez de atribuir a derrota para o Botafogo à falta dê reforços.

  • Já vimos este filme exaustivamente em 2019.

    Freio de mão puxado o tempo todo até que o adversário percebe a nossa falta de ambição e parte para cima.

    Só então o time começa a correr atrás do leite já derramado e até causa perigo pela qualidade do grupo.

    Mas “causar perigo” não vence jogo.

    Incrível como estamos repetindo os piores momentos de Felipão e Mano.

  • Enquanto esse treineiro estiver no Palmeiras, a torcida deve ser pra tomarmos gol bem cedo, pra ver se dá tempo de reagir.

  • Pelo cheiro da maionese o Palmeiras abriu mão do Brasileiro. Vou daqui em diante só torcer em clássicos e secar marginais e mulambos.

  • Escalação correta do SPFW:
    Tiaga, ígara, Bruna Alves, Diega Costa e Reinalda. Luana, Tcheca Theca, Daniela Alves, Ígara Gomes, Luciana e Brennera.
    Técnica Fernanda Dinis.

  • Jogo bom para o esquema do Luxa. Adversario se expõe muito, e as laterais são uma avenida. Ganhamos de 2×0, os dois do William

  • Segundo clássico seguido c Vuaden do apito.
    Nos jogos antigos, 2 destaques: 1992 estreia do Zinho. 1976: q golazzo de ADEMIR.