Palmeiras teve cautela com retorno de Raphael Veiga no Choque-Rei da Copa do Brasil

Raphael Veiga durante treinamento do Palmeiras na Academia de Futebol.
Cesar Greco

Apesar de recuperado, Raphael Veiga não foi relacionado e pode voltar contra o Avaí; João Martins explicou ausência

A torcida palmeirense vivia a expectativa de ver o retorno de Raphael Veiga no duelo diante do SPFC, pela Copa do Brasil, que aconteceu na noite de quinta-feira. Entretanto, a comissão técnica optou por não levá-lo ao Morumbi e, depois do jogo, João Martins explicou a ausência do meia.

“Somos coerentes, realistas e não arranjamos desculpas. Poderíamos ter arriscado e colocado o Veiga hoje, até porque ele treinou, mas corríamos o risco de ele não estar bem. As regras para voltar ao time são bem definidas e ele ainda não havia cumprido todas. Por isso, não o relacionamos para o jogo”, disse o auxiliar de Abel Ferreira.

Destaque do Verdão, Veiga teve uma lesão muscular na coxa direita na partida contra o Atlético-MG, no dia 5 deste mês, e voltou a treinar no último final de semana. Após alguns dias de aprimoramento da parte física e de trabalhos individualizados, o jogador participou das atividades junto ao grupo na véspera do Choque-Rei.

“Há coisas para nós que são sagradas. É preciso cumprir todos os patamares. Não nos interessa ter jogadores 50% fisicamente e correr o risco de perder mais um mês. Essa não é a nossa forma de trabalhar”, completou.

O clube adotou com Veiga a mesma postura que teve em relação ao retorno de Luan; o defensor treinou por quase um mês antes de voltar aos gramados. No ano passado, a comissão técnica e os Núcleo de Saúde e Performance também adotaram medidas cautelosas nos retornos de outros atletas, como Gabriel Veron e Gabriel Menino.

O substituto de Veiga nas partidas tem sido Gustavo Scarpa, que nos últimos jogos subiu de produção e contribuiu com a equipe com gols e assistências – somente no Brasileirão, o camisa 14 distribuiu oito passes para gol.

Raphael Veiga pode voltar contra o Avaí

A reapresentação do Palmeiras após o Choque-Rei acontece na manhã desta sexta-feira e Raphael Veiga deve ir a campo normalmente. A volta do atleta pode ocorrer diante do Avaí, neste domingo.

Jhonatan e Raphael Veiga durante treinamento do Palmeiras, na Academia de Futebol.
Cesar Greco

“Ele já está treinando conosco e, se tudo ocorrer bem, ele estará disponível para domingo; se não no domingo, na quarta-feira, não vamos apressar”, finalizou João Martins.

Em 2022, Veiga disputou 31 partidas e é o artilheiro do time, com 18 gols marcados.