Novos contratos de Danilo e Gabriel Veron são oficializados no BID

Danilo durante partida entre Palmeiras e Al Ahly-EGI no primeiro jogo do Mundial de Clubes da FIFA 2021, no Al Nahyan Stadium, em Abu Dhabi-EUA.
Fabio Menotti

Vínculo de Danilo se estendeu até o final de 2026; o de Veron, até junho do mesmo ano

Dois jovens jogadores do Palmeiras tiveram seus contratos estendidos e oficializados no BID (Boletim Informativo Diário), da CBF, na noite de quarta-feira: Danilo e Gabriel Veron.

Aos 20 anos de idade e um dos destaques do Verdão no Mundial de Clubes, Danilo teve seu vínculo renovado até o final de 2026 – o anterior era válido até agosto de 2025. Titular e peça fundamental do meio de campo palmeirense, o camisa 28 recebeu uma valorização salarial.

Vale lembrar que no ano passado o Verdão adquiriu mais 20% dos direitos econômicos do jogador e agora detém 80%. A multa rescisória para tirá-lo do clube é de 100 milhões de euros (cerca de R$ 600 milhões, na cotação atual).

Já o contrato de Gabriel Veron, que antes acabaria em setembro de 2025, foi estendido até o final de junho de 2026. Campeão Mundial Sub-17 pelo Palmeiras e pela seleção brasileira, o atacante de 19 anos ainda busca uma sequência no time principal após sofrer com seguidas lesões nas últimas duas temporadas.

Em 2022, o jogador chegou a ser utilizado em três dos quatro jogos do time no Campeonato Paulista, sendo titular diante do São Bernardo. Entretanto, testou positivo para Covid-19 na véspera da viagem para o Mundial de Clubes e não foi inscrito para a competição. É o segundo ano consecutivo que Veron foi cortado da lista; no ano passado ele estava machucado.

Veron subiu para a equipe principal em novembro de 2019 e, até o momento, contabiliza 65 jogos e 12 gols; Danilo, por sua vez, foi promovido ao profissional em setembro de 2020, por Vanderlei Luxemburgo, e soma 87 partidas, com cinco gols marcados.

Gabriel Veron se juntará à delegação em Abu Dhabi

Negativado para Covid-19, Gabriel Veron embarcou para Abu Dhabi na madrugada desta quinta-feira e estará junto à delegação na decisão de sábado, contra o Chelsea – a informação foi divulgada primeiramente por Rodrigo Fragoso, da TNT Sports.

A decisão de levar Veron a Abu Dhabi foi tomada em conjunto pela diretoria, comissão técnica e elenco. Com isso, Abel Ferreira terá todo o elenco nas últimas preparações para a final.