Dá um descanso pra corneta e vamos, todos juntos, pra cima deles!

Após a rodada de meio de semana, foram definidos os semifinalistas do Campeonato Paulista, bem como os confrontos da penúltima fase do torneio. Palmeiras x Ponte Preta; SCCP x Mirassol, decidirão em partidas únicas os finalistas, que disputarão o título em ida e volta, na quarta-feira (5) e no sábado (8).

Campeonato Paulista 2018

Os acontecimentos dos últimos anos levaram o torcedor do Palmeiras a perder o encanto por uma das rivalidades mais ricas do futebol mundial: o Derby, principalmente em confrontos pelo Campeonato Paulista.

Atitudes desrespeitosas, antiéticas, antidesportivas, para não dizer “criminosas”, esfriaram o desejo por reviver tantas vezes quanto possíveis o que já foi – e que talvez ainda seja – o maior clássico do futebol brasileiro.

Nosso torcedor, cada vez mais exigente, anda mais ranzinza e corneteiro do que nunca, com ou sem razão. O comportamento padrão dos últimos anos tem sido elogiar quem não veste nossa camisa e espinafrar quem nos defende.

O absurdo chega ao limite de verem com simpatia até uma volta de Deyverson, como se ele não tivesse sido a encarnação do demônio enquanto estava por aqui. Ou criarem ranço por causa do posicionamento político de Felipe Melo, que expõe suas preferências num cenário de alta intolerância, sem nenhum freio.

Tudo isso foi motivo para criar alguma barreira entre o time e a torcida na disputa final do estadual deste ano. Desprezo, indiferença e até, pasmem, torcida contra, foram alguns dos desejos verificados em alguns torcedores.

Mas é certo que esses palmeirenses são exceções que, pelo inusitado das manifestações, acabam chamando atenção. São apenas uma minoria, muito jovens e imaturos, ou apenas “xaropes” mesmo, que aparentam ter mais relevância numérica do que realmente têm.

Na iminência de termos, mais uma vez, um Derby decidindo o campeonato em dois jogos a partir da próxima semana, a grande maioria, silenciosa, tende a ser mordida pelo velho bichinho, principalmente os mais velhos e calejados, que acabam não resistindo e cedendo ao apelo mágico da velha rivalidade.

Todos juntos, agora

Torcida do Palmeiras no Allianz Parque

Mesmo que tenhamos ainda dois times do interior no caminho, mantendo todo o respeito por Ponte e Mirassol, é impossível não projetar os Derbies para a semana que vem. E a rivalidade, mesmo alterada pelos episódios recentes, aflora. O desejo de vencê-los passa a ter mais importância do que qualquer outra coisa.

É por isso que, neste momento, precisamos deixar de lado todos os nossos comportamentos negativos em relação ao Verdão, seja qual for o motivo, e remarmos todos na mesma direção.

Neste momento, não quer dizer nada o que você pensa ou disse do jogador que não te convence. Não faz diferença o que você acha do trabalho do treinador. Não importa o posicionamento político do jogador, nem que o presidente que você odeia levantou um troféu em nosso estádio há quase dois anos. O papel do palmeirense, neste momento, é apoiar, empurrar esse grupo pra cima daqueles caras e buscar a vitória com todas as armas possíveis.

Torcida 2003

Deixa a corneta de lado. Corta o pessimismo. Dá uma pausa na militância. Vamos abraçar o Luxa e nossos jogadores. Já a partir do confronto contra a Ponte, o elenco precisa sentir, através das redes sociais (já que as arquibancadas seguirão vazias), que estamos com eles e que eles têm por quem lutar.

Chamem por eles no Twitter e no Instagram com mensagens legais. Que eles corram também por nós, não apenas por seus salários e por suas carreiras. E cabe a nós despertar esse sentimento neles.

Se não quiser fazer nada disso, tudo bem. Fica de boa. Mas pelo menos não atrapalha. Não agora.

Podemos sair vencedores do estadual, ou não. Podemos nem chegar nas finais. Mas jamais podemos nos furtar de fazer nosso verdadeiro papel quando a disputa chega a este cenário.

Vestiário do Allianz Parque na final do Paulista-2018

Quando acabar, podemos voltar a nossos comportamentos usuais, sejam eles saudáveis ou não. Mas agora temos que entrar em “modo decisão”. O destino está nos dando a chance de vingar, pelo menos um pouco, a enorme traição de 2018. Não podemos desperdiçar.

PRA CIMA DELES! VAMOS PALMEIRAS!


O Verdazzo é um projeto de independência da mídia tradicional patrocinado pela torcida do Palmeiras.

Conheça mais clicando aqui: https://www.catarse.me/verdazzo.

  • Pior tipo de clássico possível: ou o time e a torcida vão completamente apáticos por causa do desânimo oriundo nos anos recentes ou então ultra pilhados além da conta, excedendo na pressão a um ponto prejudicial.

    Vai, Luxa. Faz o time ir mordido na medida certa. VAMOS, PALMEIRAS!

  • Boa madrugada.
    Tenho 59 anos e acompanho o Palmeiras desde que entendo como gente. Já saí duas vezes do estádio para não vaiar o Palestra. Nos dois rebaixamentos e na na fila dos 16 anos foram as épocas que eu mais acompanhei o time. Não tenho essa relação de amor ( na vitória ) e ódio ou raiva ( na derrota ) como muitos torcedores hoje em dia tem, porém temos alguns jogadores que ainda não perceberam a grandeza do time no qual eles jogam. Estou nesse momento focado 100% no jogo contra a Ponte Preta, e espero realmente que a gente possa se apresentar melhor que nos três jogos anteriores. Forza Palestra, Avanti Palmeiras, Sempre !

  • Tenho 22 anos, acompanho o Palmeiras desde 2008 (alias que saudades eu tenho daquele Palmeiras de 2008, aquele paulistão foi (o primeiro titulo que eu vi do verdão) , sou torcedor por causa do meu pai e porque o time me cativou, sobre o texto na minha humilde opinião as criticas ao time existem em demasia porque tem jogador que ainda não entendeu o tamanho do Palmeiras,tem jogador acomodado(Lucas lima é o maior exemplo), é principalmente falta culhão nos caras, falta raça , falta vontade de vencer , infelizmente do lado adversário parece que sobra, vou torcer mais é inegável que nesse elenco atual tem jogador que não merece alento da plateia alviverde, TEM QUE ACABAR A COVARDIA.

  • É difícil encontrar quem escreva bem desse jeito. Parabéns!

    Vamos apoiar sim!!! Palmeiras até o fim!!!

  • Insistem no fato de que o time não ganhou de nenhum adversário da série A. E assim vai continuar. Vai passar pela Ponte e pelo Mirassol. É o que interessa.

  • Essa zica, esse roteiro que o Derby vem seguindo, eles fazem um gol numa bola vadia depois se fecham o Palmeiras martela martela o Cássio faz milagres e eles ganham …isso uma hora vai acabar, é claro que enquanto estiver dando certo pra eles tá ótimo, mas isso vai acabar.

    Mas eu não estou pensando na decisão não, estou pensando apenas na semi final , essa Ponte Preta é enjoada temos que ter muita atenção, e eles tbm tem que passar pelo Mirassol que não é nenhuma galinha morta, se caso se confirmar o Derby aí sim toda concentração e vibração positiva pro Palmeiras nessa final.

    Vamos vencer esse Paulistão tenho fé !

  • Nada melhor que um Derby pra mudar o animo da torcida! Contra eles é guerra. É nós contra eles, é o bem contra o mal. E se um palestrino não consegue enxergar isso… tira essa camisa. É hora do Pofexo dar aquelas preleções históricas, dar tapa na cara desses malditos sem brio, é hora de VINGANÇA! Chega de apanhar dessa raça, ninguém aguenta mais essa palhaçada

  • Isso Conrado, agora é hora de abraçar o time e incentivar até o final! Temos o melhor time dos 4! Só acreditar que, vindo o título, tudo fica mais fácil dali pra frente!

  • Bom dia Conrado, ótima coluna, parabéns, esse deveria ser o sentimento que todos nós Palestrinos deveriamos ter, entretanto, também entendo quem está decepcionado com a postura dos nossos “atletas”, eu me incluo nessa turma, não por posições políticas, nem pelo Presidente da República ter levantado taça, isso realmente para mim não conta, o que conta, isso sim, é a vontade de vencer, é entrar em campo e honrar a camisa que tem história. Não vejo isso, não sentimos isso, perder para eles, como disse o nosso técnico, é apenas mais um jogo, não, não é ! É um campeonato a parte, porque ganhar deles é dar um tapa na cara do sistema de federação, televisão, jornalista, dessa forma tem que entrar em campo com raiva, e na verdade, infelizmente para nós, nossos “atletas” já devem estar tremendo e indo ao banheiro desde às 21:00 de ontem.

  • Precisamos de inteligência.
    Eles vão jogar com a camisa e a gente precisa lembrar que também temos a nossa e não só depender e sobrecarregar cada peça do time.
    Confiança. Além de serem grandes jogadores, vocês jogam no Palmeiras. Vamos vencer.

    Comprei a ideia. Vamos bombar as redes sociais dos caras com positivismo.