Marcos Rocha lamenta revés e fala sobre o desgaste físico dos jogadores do Palmeiras

Murilo, Danilo, Weverton e Marcos Rocha em jogo do Palmeiras contra o Ceará, durante partida válida pela primeira rodada do Brasileirão 2022, no Allianz Parque.
Cesar Greco

De volta ao time titular após ser poupado, Marcos Rocha comentou também sobre a arbitragem

O Palmeiras estreou no Campeonato Brasileiro na noite de sábado, contra o Ceará. Mesmo jogando no Allianz Parque, o Verdão não conseguiu superar o adversário e perdeu a partida por 3 a 2Zé Rafael e Gustavo Gómez fizeram os gols palmeirenses.

Ao final do jogo, ainda no gramado do Allianz Parque, Marcos Rocha concedeu entrevista e falou sobre o revés. Para o lateral, o desgaste físico dos jogadores palmeirenses foi um dos principais fatores para o resultado adverso.

“Tivemos um jogo difícil contra o SPFC, depois uma viagem longa, cansativa. A gente veio acumulando jogos importantes durante o ano, chega uma hora que você cansa. Mas é só o começo do campeonato”, disse o camisa 2.

Desde o início da temporada, o Palmeiras jogou 22 partidas. Em apenas uma oportunidade o time teve um intervalo de sete dias entre um jogo e outro – antes do início do Mundial de Clubes.

A derrota para o Ceará foi a primeira do Palmeiras atuando no Allianz Parque em 2022. A equipe só havia levado dois gols no estádio nesta temporada antes da partida deste sábado.

“O nosso estádio é nossa fortaleza, sabemos que o clube que faz uma grande campanha como mandante é um forte favorito ao título. Hoje foi um tropeço, mas vamos trabalhar jogo a jogo para que a gente possa alcançar nossos objetivos. Estamos com um déficit agora e precisamos buscar esses três pontos fora de casa”, complementou Rocha.

Marcos Rocha fala da arbitragem

A partida ficou marcada também por muitas confusões entre os jogadores nos minutos finais do jogo, muito por conta da arbitragem de Caio Max Augusto Vieira, que de acordo com Marcos Rocha, estava “meio perdido nas suas ações desde o começo do jogo”.

“Faltou ao árbitro controlar o jogo. Ele inverteu faltas, deixou as equipes nervosas”, explicou o lateral.

O Palmeiras volta a campo pelo Brasileirão no próximo sábado para enfrentar o Goiás, em Goiânia. Antes desse confronto, no entanto, o Verdão terá um jogo pela Libertadores contra o Independiente Petrolero, na terça-feira que vem, no Allianz Parque.