Nas redes sociais, Patrick de Paula agradece ao Palmeiras e se despede do clube

Patrick de Paula comemora a conquista do Paulistão 2020 pelo Palmeiras contra o SCCP, após converter a última cobrança de pênalti no Allianz Parque.
Cesar Greco

Palmeiras negociou 50% dos direitos econômicos de Patrick de Paula ao Botafogo por 6 milhões de euros

O meio-campista Patrick de Paula fez um post de despedida do Palmeiras em seu perfil do Instagram, na noite desta terça-feira. O jogador foi negociado com o Botafogo em transação que rendeu ao Verdão cerca de 35 milhões de reais, referentes a 50% dos seus direitos econômicos.

Formado nas categorias de base do Palmeiras, Patrick mostrou gratidão ao clube e fez um agradecimento especial a Abel Ferreira e a João Paulo Sampaio, coordenador da base do Palmeiras. Confira:

View this post on Instagram

A post shared by PK (@patrick.dpaula99)

Patrick de Paula deixa o Palmeiras com mais de 100 jogos e quatro títulos

Patrick de Paula, do Palmeiras, comemora o gol marcado sobre o SPFC, no Morumbi
Cesar Greco

Patrick foi descoberto pelo Palmeiras em 2017, quando atuava no futebol amador do Rio de Janeiro. Pelas categorias de base do Verdão, conquistou dois campeonatos nacionais (Brasileiro Sub-20, em 2018, e a Copa do Brasil Sub-20, em 2019) e três estaduais da categoria Sub-20 seguidos (2017, 2018 e 2019).

Subiu ao time principal em 2020 e logo em sua primeira competição como profissional marcou o gol de pênalti que garantiu o título Paulista em cima do SCCP. Após a conquista, no entanto, o atleta teve dificuldades em manter regularidade e teve problemas extracampo, como o episódio em que foi flagrado por torcedores na saída de uma balada em São Paulo, em meio à pandemia.

Decisivo e com gols marcados contra os três maiores rivais do Palmeiras, Patrick de Paula deixa o clube com 103 jogos disputados, oito tentos marcados e quatro títulos conquistados (Paulista 2020, Copa do Brasil 2020 e as Libertadores 2020 e 2021), além de ter feito parte do elenco que recentemente conquistou a Recopa Sul-Americana.

  • Cara, um moleque igual ele sair por tão pouca grana é muito sinal da incapacidade do Barros em negociar. Não faz sentido desfazer de uma fatia tão grande do passe dele por essa pechincha. O Botafogo deve estar rindo da nossa cara. Credo.

  • Patrick de Paula cumpriu muito bem o que dele se esperava, nos rendeu alegrias e, agora, é o momento de render o retorno financeiro do investimento que o Palmeiras fez. Fica, claro, aquela sensação de que poderia ter ficado um pouco mais e de ter sido ainda mais importante em campo, mas o atleta sai pela porta da frente e o Palmeiras costurou um ótimo negócio.

    Boa sorte a ele – menos contra o Palmeiras.