Especulado como diretor de futebol, João Paulo Sampaio fala sobre continuidade dos trabalhos na base em 2022

Especulado como diretor de futebol, João Paulo Sampaio afirma que seguirá trabalhando na base em 2022.
Reprodução

Coordenador da base palmeirense, João Paulo Sampaio comentou também sobre a preparação para a Copinha

Depois de anos de reestruturação, a base do Palmeiras começou a render frutos para a equipe profissional no início do ano passado e se tornou referência no Brasil, tanto em revelações, estrutura e em conquistas de títulos.

Um dos responsáveis por fazer com que o Verdão tenha esse status é João Paulo Sampaio, coordenador geral das categorias de base. Devido ao seu trabalho, JP teve seu nome ventilado para ser diretor de futebol da equipe profissional nesta reta final de temporada.

Em entrevista à Rádio Bandeirantes, o coordenador falou sobre essa possibilidade, mas afirmou que Anderson Barros seguirá no cargo e elogiou o colega de clube.

“É muito justo o Anderson continuar no cargo, ele é bicampeão da América, campeão da Copa do Brasil e merece o reconhecimento de seguir no clube. O caminho segue. Eu continuarei na base e seguirei com o mesmo afinco. Sentimento de que estamos no caminho certo. Perder ou ganhar faz parte, mas a entrega é inegociável e ficamos muito felizes pelos meninos”, disse.

“[Ser dirigente do elenco profissional] é inevitável, já tive muitos convites para sair do Palmeiras e assumir outras equipes. Mas, nunca achei que era o momento porque o clube é uma família. O Palmeiras pagou o décimo quarto salário a todos os funcionários esse ano e ano passado. O reconhecimento e o cuidado que eles têm com o ser humano faz você pensar duas vezes antes de sair”, acrescentou.

Sampaio chegou em março de 2015 ao Verdão para substituir Erasmo Damiani, que havia acertado com a CBF. Com ele na gestão da base, o clube revelou atletas que foram importantes para a conquista do bicampeonato da Libertadores, como Patrick de Paula, Veron, Gabriel Menino, Renan, Wesley e Danilo.

“Queremos que cada vez mais isso [lançar os jogadores ao profissional] seja contínuo, que os meninos não subam no desespero. Quando subimos os jogadores, o clube vivia um momento estável, como hoje. Nos últimos 3, 4 anos,  o Palmeiras se tornou referência e se mantém no topo”, declarou.

João Paulo Sampaio comenta preparação para a Copinha

Presente na semifinal do Campeonato Paulista Sub-20 – a equipe decidirá uma vaga para a final contra a Ferroviária nesta quarta-feira – o Palmeiras terá logo após o estadual a disputa da Copinha.

De acordo com João Paulo Sampaio, para o torneio, o elenco do Verdão contará com jogadores de categorias menores, além dos atletas do plantel do Sub-20. Sendo assim, há a possibilidade de Endrick e Luís Guilherme, de 15 anos cada, integrarem a lista de inscritos.

“Alguns jogadores do Sub-15 e do Sub-17 estarão na lista da Copinha. Nós sempre abrimos espaços para meninos mais novos para que eles joguem no Sub-20. Em relação ao time Sub-20, se nós passarmos para a final do Paulista, teremos uma semana de descanso e preparação para a Copinha, então o time será o mesmo [para a Copa São Paulo]. São os jogadores que vocês viram jogando nos últimos três jogos do Brasileirão Série A que vão para o torneio”, comentou.