Possível volta de Felipe Melo agita os bastidores

Fernando Prass e Felipe Melo
Cesar Greco / Ag Palmeiras

Um inesperado movimento cresceu na semana que antecedeu ao clássico contra o SPFC: Felipe Melo, afastado por Cuca e pela diretoria nos primeiros dias do mês, deve ser reintegrado ao elenco do Palmeiras que disputa, até o fim do ano, o Campeonato Brasileiro. O jogador tem contrato com o Verdão até o fim de 2019.

O jogador entrou em rota de colisão com Cuca há pouco mais de um mês. Com seu estilo pouco discreto fora de campo, foi pouco a pouco sendo deixado de lado no time titular, sobretudo após a contratação de Bruno Henrique. Insatisfeito, passou a desempenhar por sua própria conta a função de “técnico auxiliar”, orientando e passando instruções aos jogadores à beira do campo.

Depois, deixou vazar um áudio no Whatsapp detonando Cuca, dizendo que “tem sacanagem” no elenco e que não trabalharia mais com o técnico, a quem chamou de mau caráter, entre outras coisas. Obviamente acabou afastado do grupo e desde então treina em horários alternativos.

Neste movimento de apaziguamento, uma trégua foi proposta entre os dois, para que o volante voltasse a ter clima para trabalhar junto ao grupo. Não se sabe como será recebido, nem exatamente por que a pacificação foi deflagrada, mas é provável que tenha sido por recomendação do departamento jurídico, prevendo complicações com os agentes do atleta, que não querem ver seu cliente sendo “depreciado” ao treinar em separado. Ou pode ser por outro motivo qualquer. Mas por carência no setor, que conta com Thiago Santos, Bruno Henrique, Tchê Tchê, Gabriel Furtado e em breve Arouca, é que não foi.

Como fica o Cuca?

Diante do climão criado pelo jogador que culminou em seu afastamento, é bem provável que Cuca tenha exigido algumas garantias para reabrir as conversas. Se quiser manter sua autoridade sobre o grupo, o treinador precisa ter duas cartas em seus bolsos: uma que lhe dê total liberdade para não escalá-lo ou mesmo não relacioná-lo se não desejar, e outra para reafastá-lo em caso de notar qualquer tipo de má influência de Felipe Melo sobre o grupo.

Mas mesmo que tenha essas duas prerrogativas, num primeiro momento, Cuca sai como derrotado na história, ao menos aos olhos da imprensa e do público. É preciso muito desprendimento e pensamento coletivo para aceitar tal sacrifício em nome de uma situação maior.

E o Felipe Melo?

Maravilhas criadas por Deus! #bonitopornatureza #amomeubrasil🇧🇷 #paistropical #ousadura #nordeste #ousadura #ousadoNoNordeste 💚

Uma publicação compartilhada por felipe (@felipemelo) em

Mesmo tendo passado boa parte de seu “castigo” postando belas paisagens no Instagram, Felipe Melo precisa mostrar que aprendeu a lição se ainda quiser contribuir com o Palmeiras. O período afastado tem que servir como Semancol, para que, em caso de sua reintegração ser confirmada, o jogador baixe a bola e se comporte como um atleta a mais, contratado para servir ao clube, e não como uma prima donna. Que tenha humildade para usar sua experiência, sua raça e sua técnica a favor da coletividade, não para sua promoção pessoal.

O movimento tem todo um jeitão de relacionamento com ex-namorada reatado. Uma atração de origens incertas insiste em envolver as duas partes, mesmo com o universo sabendo que é algo fadado a dar errado.

A tendência é que Cuca dê a Felipe Melo a mesma importância no elenco que tem, por exemplo, Fabiano. Vai entrar uma vez a cada oito ou dez jogos – e temos apenas 16 partidas pela frente. Muitas vezes não será nem relacionado. E o temperamento do jogador, mais uma vez, será posto à prova.

Isso só não acontecerá se o jogador mostrar nos treinos e nas partidas que vai jogar como se fosse o César Sampaio. Se reconquistar a confiança de todos e a posição entre os titulares, se tiver um comportamento exemplar dentro e fora do campo, de forma natural e discreta. Se entregar ao Palmeiras aquilo que se espera dele, nem mais, nem menos. Se tudo isso acontecer, Cuca verá seu sacrifício ser não apenas reconhecido, mas recompensado.

Torcemos muito por isso. Mas alguém coloca fichas?


O Verdazzo é patrocinado pela torcida do Palmeiras.

Aqui, o link para se tornar um padrinho deste site: https://www.padrim.com.br/verdazzo