1
X
0

30/05/2021 - 16:00

Pré-Jogo

Pré-jogo Flamengo x Palmeiras

Na tarde deste domingo, a Sociedade Esportiva Palmeiras estreia no Brasileirão 2021 contra o Flamengo, no Maracanã.

A partida marca a entrada definitiva no modo “dois jogos por semana”, que deve ser a tônica até dezembro, a não ser que o Verdão seja eliminado precocemente das copas que disputa.

Palmeiras

PalmeirasDESFALQUES
Lesionados:
Kuscevic, Marcos Rocha, Gabriel Veron, Breno Lopes e Luan Silva

Abel Ferreira poupou os principais jogadores no jogo contra o Universitário e alguns jogadores pediram passagem, sobretudo Gabriel Menino e Viña. O treinador tem algumas decisões para tomar.

Outra dúvida, esta de ordem física, é no lado esquerdo da zaga. Renan está recuperado da pancada no joelho e está à disposição, brigando com Alan Empereur pela vaga.

Considerando as dúvidas nas alas, a provável escalação para esta tarde é Weverton; Luan, Gustavo Gómez e Renan; Mayke (Gabriel Menino), Felipe Melo, Patrick de Paula, Raphael Veiga e Victor Luis (Viña); Rony e Luiz Adriano.

Flamengo

FlamengoNo Flamengo, Rogério Ceni não poderá contar com Gabicelha, que está passando o fim de semana no troninho. O problema é que o substituto é melhor: Pedro está escalado e faz gols de todos os jeitos.

O time da casa vai entrar em campo com Diego Alves; Isla, Willian Arão, Rodrigo Caio e Filipe Luis; Diego e Gerson; Éverton Ribeiro e De Arrascaeta; Pedro e Bruno Henrique.

Números

  • Os dois times já se enfrentaram 119 vezes desde 1929 e a vantagem do Verdão é confortável: 46 vitórias, contra 40 derrotas, mais 33 empates.
  • Nos últimos 10 confrontos entre as duas equipes no Rio de Janeiro, o Palmeiras ganhou 4; houve 3 empates e 3 vitórias do Flamengo;
  • Em 67 duelos válidos por campeonatos brasileiros, o Palmeiras venceu 23, empatou 24 e perdeu 20 vezes;
  • Faça os cruzamentos de dados históricos como quiser usando nosso Almanaque. Clique aqui!

Odds

Pelo fato do mando ser do Flamengo, os sites de aposta estão registrando favoritismo para o time carioca. Boa oportunidade pra reforçar o caixa apostando no Verdão. As odds em média são:

FlamengoFlamengo: R$ 1,75
Empate: R$ 3,60
PalmeirasPalmeiras: R$ 4,33

No calendário

O Palmeiras já disputou 22 jogos no dia 30 de maio e venceu 13 vezes. Veja a lista completa clicando neste link.

Arbitragem

Anderson DaroncoÁrbitro Principal:
Anderson Daronco

Daniel Nobre BinsVAR:
Daniel Nobre Bins

Projeção de pontos

Nossa projeção inicial tolera algumas derrotas, e uma delas seria para o Flamengo no Maracanã. Desta forma, o que vier esta tarde será lucro.

Parpite

O palpite mais óbvio seria o empate. Nenhum dos dois times deveria se abrir para tentar a vitória a qualquer custo num jogo de abertura de campeonato, ainda mais sabendo que uma derrota pode causar pressões indesejadas.

Ocorre que o Flamengo tem um jogo naturalmente ofensivo e uma defesa que ainda luta para achar o melhor posicionamento. Assim, o jogo deve ter gols dos dois lados.

Juntando tudo, 2 a 2 parece ser um bom parpite e os gols do Verdão serão de Luiz Adriano e Raphael Veiga. Mas com a bola rondando bastante as duas áreas, qualquer placar é possível.

Transmissão

TV GloboGlobo (menos CE e RS)

PFCPFC

Pós-Jogo

Flamengo 1x0 PalmeirasCesar Greco

O Palmeiras foi derrotado pelo Flamengo por 1 a 0 no Maracanã, na rodada de abertura do Campeonato Brasileiro. Depois de um bom primeiro tempo, o time sofreu um gol a 15 minutos do fim do jogo e não conseguiu reagir.

Apesar do resultado incômodo, o time não fez um mau jogo e a rodada não foi das piores em termos dos resultados dos principais concorrentes. Nada com que se preocupar, a não ser uma certa incapacidade de pressionar o adversário contra sua meta quando necessário. É preciso recuperar essa autoridade.

Primeiro tempo

11'
Flamengo

De Arrascaeta enfiou para Pedro, que infiltrou com pouco ângulo; Weverton saiu nos pés do atacante e protegeu o gol, cedendo escanteio.

17'
Palmeiras

Contra-ataque fulminante do Verdão: Raphael Veiga lançou Rony na direita; Luiz Adriano se projetou por dentro e o centro veio na medida; o camisa 10 escorou e Diego Alves conseguiu desviar no reflexo.

24'
Flamengo

Após roubada de bola em cima de Patrick de Paula, Bruno Henrique recebeu no bico da grande área e rolou para a batida seca de De Arrascaeta; Weverton foi no canto esquerdo e pegou firme.

25'
Palmeiras

No ataque postado, Viña recebeu na esquerda, viu a passagem de Veiga que girou com pouco ângulo mas mesmo assim tentou bater cruzado; Diego Alves espalmou a escanteio.

29'
Palmeiras

Rony  foi lançado por Patrick de Paula, impediu a saída de bola pela linha de fundo, trouxe pra dentro e tocou para Luiz Adriano, que tocou de primeira para Veiga; de frente, veio o tapa na direita para o apoio de Gabriel Menino, que foi pra cima de Filipe Luís e bateu cruzado; Rony, impedido, escorou para o gol, mas o bandeira assinalou acertadamente.

33'
Palmeiras

Alan Empereur avançou pela esquerda, ninguém deu combate e ele levou até a meia esquerda e arriscou a batida; a bola desviou em Arão e Diego Alves precisou recuar para defender em cima da risca.

36'
Palmeiras

Luiz Adriano disparou o passe em velocidade para Rony, que partiu do campo de defesa; no duelo com Gerson e Rodrigo Caio, Rony parou, tirou de lado e atirou forte, Diego Alves voou para ceder escanteio.

46'
Flamengo

Gerson roubou a bola de Luiz Adriano; acionou Everton Ribeiro que enfiou para Pedro, que entrou em diagonal, ganhou de Luan e bateu cruzado, para fora do gol.

47'

Anderson Daronco, que teve trabalho com o jogo truncado, encerrou o primeiro tempo.


Segundo tempo

As duas equipes voltaram sem alterações dos vestiários.

1'
Flamengo

Com 20 segundos de bola rolando, De Arrascaeta já conseguiu enfiar para Bruno Henrique no meio da área; Weverton saiu para fechar o ângulo e o atacante flamenguista tocou por cima do travessão.

5'
Flamengo

Felipe Melo errou na intermediária ofensiva e veio o contra-ataque puxado por Gerson; Bruno Henrique recebeu na esquerda, trouxe para o pé direito e bateu no canto; Weverton precisou ler o quique da bola antes de cair no canto e desviar para a linha de fundo.

9'

Danilo entrou no lugar de Felipe Melo.

9'
Flamengo

Após bola rodada por todo o ataque, De Arrascaeta bateu no canto direito; Weverton fez a defesa.

10'
Palmeiras

Rony foi lançado por Luan, entrou na área pela direita e bateu forte; Diego Alves fez a defesa e Rony pegou o rebote pelo alto e testou; Viña escorou e Diego Alves fez mais uma defesa. Nada disso valeu, porque Rony estava impedido no primeiro lance.

16'

Gustavo Scarpa, Wesley e Zé Rafael entraram nos lugares de Raphael Veiga, Luiz Adriano e Patrick de Paula.

24'
Flamengo

De Arrascaeta suspendeu falta na área; Rodrigo Caio mergulhou de cabeça e exigiu uma enorme defesa de Weverton. Na sequência, a bola ficou viva mas Weverton conseguiu ficar com ela no chão.

29'
Flamengo

Gol do Flamengo – Gerson tocou para Bruno Henrique, que fez a jogada de velocidade pra cima de Gabriel Menino, ganhou de Luan e cruzou na medida para Pedro escorar para o gol, sem chances para Weverton.

30'

Victor Luis entrou no lugar de Viña.

 

34'
Flamengo

Mais um contra-ataque veloz com Bruno Henrique; ele fez o giro e rolou para De Arrascaeta, que tocou para a batida de Vitinho, mascada, fácil para Weverton.

37'
Palmeiras

Gustavo Scarpa bateu falta frontal na barreira; no rebote Victor Luis tentou emendar mas mandou pelo alto.

42'
Flamengo

Contra-ataque ao estilo do Palmeiras: Isla tocou para Michael aberto pela direita, saiu a tabela com Pedro e Michael disparou em direção à área, mas finalizou mal, fraco, fácil para Weverton.

44'
Flamengo

Gustavo Gómez errou o domínio na saída de bola; Bruno Henrique roubou, entrou na área pela esquerda e bateu forte; sem ângulo, facilitou para Weverton, que aparou pelo alto.

46'
Palmeiras

Gustavo Scarpa recebeu na meia, abriu o espaço e bateu de canhota; Diego Alves foi bem no canto para fazer a defesa.

47'
Palmeiras

Gustavo Scarpa abriu para o apoio de Victor Luis que cruzou no segundo pau; Rony tentou a testada mas mandou por cima.

49'
Palmeiras

Wesley fez o pivô para Gabriel Menino, que bateu cruzado; a bola passou à frente de Zé Rafael e Gustavo Gómez e saiu à direita do gol.

51'

Anderson Daronco, que não influenciou no resultado, terminou o jogo.





Fim de jogo

A estratégia de jogo foi muito parecida com a da final do estadual, contra o SPFC – e desta vez, diante da força do adversário, foi mais do que acertada. O Flamengo teve pouquíssimas aproximações ao gol de Weverton, ao passo que Diego Alves precisou fazer boas defesas no primeiro tempo.

Nossa proteção à zaga foi muito eficiente; a vigilância sobre o núcleo de criação do Flamengo foi intensa. Everton Ribeiro e De Arrascaeta não tiveram um minuto de sossego e por isso nosso gol foi pouco ameaçado.

O equilíbrio entre a intensidade física e os cuidados com a parte disciplinar foram perfeitos; nossos marcadores fizeram a leitura correta das características da arbitragem e souberam usá-la.

Na frente, os contra-ataques do Palmeiras encaixaram e o time pecou no último toque. Na chance mais aguda, Luiz Adriano só precisava escolher o canto, mas escorou em cima do goleiro.

No segundo tempo o time teve mais dificuldades em armar os contragolpes e o jogo ficou bastante amarrado. As mudanças propostas por Abel deram pouco resultado prático.

Aos 30 minutos, no brilho individual, o Flamengo chegou ao gol. Abel ainda tinha uma mexida para fazer; Victor Luis estava à beira do campo e o plano ainda podia ser modificado. Willian para pisar mais na área talvez fosse uma opção melhor que Victor Luis. Mas não sabemos o quanto Viña ainda tinha de gás.

Os 15 minutos finais foram frustrantes. O Palmeiras chegou a ensaiar uma pequena pressão, mas longe de ser suficiente para ameaçar o gol de Diego Alves. No final, o resultado foi justo a quem aproveitou os momentos de brilho de seus atletas.

O resultado estava dentro das previsões realistas. Ninguém vai ser campeão invicto; dentre as poucas derrotas que podemos tolerar num planejamento racional, uma delas é o jogo contra o Flamengo no Maracanã.

Sem confundir esta visão pragmática com conformismo, fica  mais fácil absorver a pancada e continuar. Porque tombar ao primeiro golpe numa caminhada de 38 rodadas, cheia de jogos de copa entre as rodadas, é que é inaceitável. Em frente, VAMOS PALMEIRAS!

Ficha Técnica

Flamengo

Diego Alves
Isla
Willian Arão
Rodrigo Caio
Filipe Luis
Diego
Hugo Moura
Gerson
Everton Ribeiro
Vitinho
De Arrascaeta
Michael
Pedro
Rodrigo Muniz
Bruno Henrique
Rogério Ceni
TÉCNICO

Notas


Jogador
Descrição
Nota
Weverton
Uma enorme defesa na cabeçada de Rodrigo Caio; no mais, a boa colocação e a firmeza de sempre.
7.5
Luan
Muito trabalho nos 90 minutos com Bruno Henrique e foi bem em quase todos; acabou batido em um lance e foi fatal.
6.5
Gustavo Gómez
Sempre bem postado e se dando ao luxo de sair à caça dos meias flamenguistas entre as linhas.
6.5
Alan Empereur
Teve a vida um pouco mais tranquila do lado esquerdo porque não tinha nenhum Bruno Henrique por ali.
6
Gabriel Menino
Discreto, deu um passo atrás na evolução.
6
Felipe Melo
Fez uma boa leitura da intensidade no combate, ficando no ponto correto para quebrar o ritmo do adversário e não levar cartão.
6.5
Danilo
Deu sequência ao trabalho do titular; não criou problemas com passes atravessados.
6
Patrick de Paula
Como a maioria do time: foi correto, mas faltou brilho.
6
Zé Rafael
Mais do mesmo, não fez a diferença.
6
Raphael Veiga
Nas poucas vezes em que o ataque foi posicionado e que a bola teve que passar por ele, foi bem. Apenas bem.
6
Gustavo Scarpa
Conseguiu se posicionar bem, construiu, chegou em condições de bater... mas a canhota não estava calibrada como em outros dias.
6
Viña
Subiu e desceu de forma frenética, incansavelmente. Ou nem tanto: cansou, e precisou dar lugar a Victor Luis.
6.5
Victor Luis
Deu tempo de pegar um rebote e mandar na lua.
6
Rony
Estava um degrau acima do resto do time. Mesmo assim, insuficiente para fazer diferença.
7
Luiz Adriano
Fez um bom jogo taticamente; mas na função primordial, que era colocar para dentro, falhou.
6
Wesley
Tentou, ciscou, brigou, e só.
6
Abel Ferreira
Abel Ferreira
A tática estava correta. O Palmeiras teve, sobretudo no primeiro tempo, mais chances de matar o jogo. Desta vez, quem ficou devendo foram os jogadores.
7





  • O goleiro deles evitou nosso gol.
    Eles fizeram 1×0 em um clássico com os postulantes ao título.
    Bonito fizeram Galo, Bambis e Cholorados.

  • Não consigo ver o copo meio cheio como parece ser o texto.

    Vejo o copo meio vazio, com o time retrocedendo com o que ja fez com o portuga.

    O time ta lembrando os piores jogos da ultima passagem do felipao: a retranca pura e simples, com uma jogada só

  • O Raphael Veiga quando vai mal o Palmeiras fica so na ligação direta pro Rony, o Veiga inspirado o Palmeiras é outra coisa, naquela final na Supercopa contra os flavela o Veiga jogou muito, o Abel recebeu muitos elogios por ter recuperado o futebol do Veiga , agora parece que ele voltou a jogar mal, alias, muitos jogadores não estão bem, o Zé Rafael, o Wesley o Menino, ontem até o Viña foi mal

  • Boa Conrado… Esse time já mostrou o que pode nos dar. Temos que seguir confiantes, futebol é assim mesmo e errado são aqueles que ainda não aprenderam a dosar a paciência. Abraços

  • meu único medo é o Abel encher o saco e sair fora na janela do meio do ano. ganhar a libertadores ou o brasileiro esse ano vai ser muito mais difícil que no ano passado, vide a concorrência. espero que as pessoas tenham a cabeça no lugar porque achar outro Abel seria muito difícil, e não venham me falar de Renato Gaúcho, pelo amor de San Genaro. EU SOU PALESTRA.

  • O Flamengo tem o melhor time em qualidade técnica e o mais caro da América do Sul. Joga o que dele se espera. O goleiro deles fez um milagre em bola do Luís Adriano. O time do Palmeiras joga de maneira competitiva e o que o elenco oferta. Ponto. O Português fez milagres nos títulos anteriores, a continuarem cobrando o que o time não pode entregar, estão tirando a responsabilidade e ajudando a retórica da diretoria em não trazer valores mais qualificados para o time, consequentemente a culpa cai sobre o bom técnico, que logo será demitido ir algum fígado mais exaltado. Menos viajem e mais realidade. Nosso elenco, graças as crias da base que graças a Deus surgiram, em o melhor custo benefício da América, é isso. Ponto.

    • CRF melhor time com jogadores diferentes,.

      Palmeiras bom elenco sem jogadores diferentes.

      Abel e comissão técnica estão de parabéns pelo excelente trabalho…

  • Conrado, o seu pós jogo no YT é o meu coping cara, vc analisa de uma maneira que eu abraço e as vezes até adoto pra discutir futebol no serviço e afins, pq depois que acaba o jogo principalmente com uma derrota dessa com um segundo tempo tão ruim, eu fico cego e nada vem na minha mente só penso no time fazendo ligação direta, chuveirinho e no Abel dando uma de Rolando Lero nas coletivas

  • Resultado normal. O Flamengo Tem um time que joga o que se esperava dos jogadores que lá estão. Foram contratados a peso de ouro para isso. O elenco do Palmeiras tem o melhor custo benefício do Brasil graças as crias da base. Não esqueçam que alguns bons valores saíram, a pandemia se iniciava, e a proposta da diretoria foi essa aí. Todo mundo abraçou e comemorou títulos . Existem alguns valores que realmente precisam sair do elenco, mas ainda não é momento para investir em jogadores caros. Realidade nua e crua. Nada inteligente alimentar a imprensa saopaulina e corintiana com falação de asneira…..ou aceita isso aí, ou faz o jogo dos animais, manda o portuga embora, trás Renight falastrão ganha nada, arromba os cofres e voltamos a mediocridade de sempre. Menos fígado e mais cérebro, vá!?!?

  • Passar os 90 minutos fazendo ligação direta para o Rony é muito pouco para vencer um dos melhores times do continente.

    Hj o Palmeiras entrou com a escalação (quase) ideal, mas pagamos o preço pela falta de entrosamento. Menino e Vina fizeram partidas muito aquém daquilo que podem, especialmente o uruguaio.

    O gol perdido pelo Luiz Adriano no cruzamento do Rony foi mais mérito do Diego Alves. Hoje ele tira um 10 nas notas do mulambazzo.

    Os “proficionais” de imprensa do nicho esportivo do Brasil (mau caráter pereira e a turma do bem amigos da onça) que vociferam contra a cultura do “triturador de técnicos”, hipocritamente estão esfregando as mãos pela demissão do Abel Ferreira. Eles sabem que só isso pode nos tirar do caminho das conquistas. Torcida precisa entender que esse é um momento de transição do time no novo esquema do Abel, e que em pouco tempo o time vai voltar a jogar bem!

  • De novo jogando bem e não ganhando. O acaso tem ajudado muito os fedorentos.

    Nosso time está mudando a forma de jogar, tem um longo caminho de evolução certa, e ainda precisa aprender a sair de marcação alta.

    Estou muito puto com a derrota, mas continuo otimista.

    Agora, o que fode tudo é ver palmeirense falando que é freguês. É muito PNC.

  • Nojo do reporter do Premiere distorcendo uma fala crítica do Abel. Querendo tumultuar o trabalho.

  • Esse jogo é confronto direto, o flamengo vai brigar com o Palmeiras nesse campeonato, junto com Atlético e Bambi e Inter, os bambi ja empataram e o Atlético ja perdeu na primeira rodada, esses 3 pontos de hoje são valiosos além de dar moral pro time estrear com vitória é fundamental , não vou arriscar parpite pra não atrair coisa ruim

  • Que dê Verdão, mas se não der, que seja um jogo legal de se assistir, digno de duas grandes equipes. A gente às vezes esquece que futebol é pra se divertir TAMBÉM.

  • Poxa, vão se esquecer do 1º título de Copa do Brasil do Verdão contra o Cruzeiro em 1998? Pois é, foi num 30 de maio. 23 anos atrás, mas parece que foi ontem 🙂 Hoje dá Verdão também.