Weverton revela pedido de Abel e projeta duelo contra o Cerro Porteño

Weverton em jogo do Palmeiras contra o Avaí, durante partida válida pela décima quarta rodada do Brasileirão 2022, na Ressacada.
Cesar Greco

Weverton quer um bom resultado no Paraguai para que o Palmeiras feche o confronto com tranquilidade no Allianz Parque

Embalado pela liderança do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras encara na noite desta quarta-feira o Cerro Porteño, fora de casa, no jogo de ida das oitavas-de-final da Libertadores.

Com o Verdão entrando em campo a cada dois dias nas últimas semanas, Weverton explicou que a preparação da equipe para enfrentar o time paraguaio foi mais focada no descanso e na recuperação dos atletas; contudo, o goleiro quer um bom resultado atuando como visitante.

“Nessa semana a gente mais descansou e recuperou os atletas que atuaram contra o Avaí. Estamos todos focados e preparados, sabemos como é jogar Libertadores e como será mais um confronto difícil”, disse o arqueiro.

“A gente sabe o quanto é importante obter um bom resultado no primeiro jogo para depois fechar em casa. Em jogo de mata-mata o Abel nos pede isso, um bom resultado no jogo de ida, melhor ainda se for com baliza zero, para fechar em casa. Com certeza como o Allianz Parque estará lotado, vamos contar o apoio do nosso torcedor no segundo jogo”, acrescentou Weverton.

O camisa 21 é um dos poucos remanescentes do elenco que venceu o Cerro Porteño nas oitavas da Libertadores de 2018. Além dele, Dudu, Gustavo Scarpa, Gustavo Gómez, Mayke e Marcos Rocha faziam parte do grupo.

“É um adversário que enfrentamos em 2018 e sabemos o quanto é duro jogar lá, mas aquilo que viemos apresentando na competição nos dá experiência para fazermos mais um grande jogo, buscarmos um bom resultado e decidirmos em casa”, completou.

O Palmeiras não perde como visitante na competição continental há mais de três anos. São 18 jogos de invencibilidade, com 13 vitórias e cinco empates – número recorde na História do torneio.

Weverton fala de reencontro do Palmeiras com Arce

Weverton durante treinamento do Palmeiras, na Academia de Futebol.
Cesar Greco

A partida desta quarta-feira marca também o reencontro do Palmeiras com Arce, atual técnico do Cerro Porteño. Weverton comentou sobre o duelo contra o ídolo palmeirense e elogiou seu trabalho à frente do adversário.

“O Arce será muito bem recebido por todos por tudo o que fez vestindo a camisa do Palmeiras. A gente sempre tem que valorizar os profissionais que prestaram um ótimo serviço ao clube. Sei que ele é um vencedor. O acompanhei apenas pela televisão, ele batia muito bem faltas e pênaltis. Será muito bem tratado e nos tratará muito bem também. Ele está fazendo um grande trabalho, classificou o Cerro por mérito e tenho certeza de que será um jogo duro. Vai ser bacana poder reencontrá-lo. Sempre será um ídolo do clube”, finalizou Weverton.

Arce jogou no Palmeiras de 1998 a 2002, disputou 241 partidas e conquistou quatro títulos.