Felipe Melo fala sobre o Derby: “Mais do que um clássico, é uma guerra”

Felipe Melo comemora seu gol pelo Palmeiras contra o SCCP, durante Derby válido pela décima terceira rodada do Brasileirão 2019, no Itaquerão.
Ag.Palmeiras

Ao falar do jogo da última terça-feira, Felipe Melo discordou das críticas recebidas pela equipe

Assim como ocorreu em março deste ano, quando jogou um Derby no meio das finais da Copa do Brasil, o Palmeiras terá novamente um confronto diante do SCCP em meio à disputa de um mata-mata importante; desta vez, o Verdão está decidindo uma vaga à final da Libertadores.

Apesar de o duelo contra o Atlético-MG acontecer já na próxima terça-feira, o volante Felipe Melo pediu foco ao time no jogo deste sábado e destacou a importância da partida frente ao rival, principalmente para a sequência da temporada.

“A gente tem que manter esse retrospecto, tem que manter sobretudo a humildade, manter a cabeça no lugar. Entender que, mais do que um clássico, é uma guerra contra nosso maior rival, contra nosso inimigo. São jogos que definem campeonatos, elenco, treinador”, disse à TV Palmeiras/FAM.

“Passamos um momento, e eu me incluo, sem vencê-los. Foi muito difícil para nós, conseguimos mudar isso. Hoje estamos há alguns jogos sem perder para eles. Isso muda a todo momento. Tem de saber que isso vai mudar completamente o panorama da nossa temporada e a gente espera que seja para o bem. Estamos trabalhando bastante para trazer os três pontos para a nossa Academia”, acrescentou.

Titular como volante nos dois duelos anteriores, a presença do camisa 30 no clássico ainda é incerta, assim como todo o restante da escalação. Suspenso no jogo contra a Chapecoense, Zé Rafael está de volta e Abel Ferreira tem todo o elenco à disposição.

Na atual edição do Campeonato Brasileiro, Melo, que atuou por 16 partidas, ocupa posições altas em rankings defensivos entre os jogadores do Palmeiras: segundo em rebatidas (74); terceiro com mais desarmes certos (26); e segundo em interceptações corretas (10)Já no índice de passes, o jogador é o que mais acerta, com 96% de aproveitamento.

Felipe Melo rebate críticas ao jogo do Palmeiras contra o Atlético-MG

O empate em 0 a 0 contra o Atlético-MG fez com que o Palmeiras e, principalmente, o técnico Abel Ferreira fossem bastante criticados por parte da imprensa. Felipe Melo, no entanto, discorda das críticas e entende que, taticamente, o jogo foi uma “aula”.

Felipe Melo disputa com Hulk, em jogo do Palmeiras contra o Atlético-MG, durante primeira partida válida pelas semifinais da Libertadores 2021, no Allianz Parque.
Cesar Greco

“Jogo muito truncado, realmente. Um jogo quiçá feio, pra quem espera espetáculo, mas pra quem conhece de futebol, foi até uma aula de futebol. Taticamente, os times fizeram aquilo que os treinadores mandaram. A meu ver, teve muita consistência defensiva; todo mundo correu muito, lutou muito. Quem esperava 4 a 4 ou um 5 a 5, se decepcionou”, declarou.

“Eu joguei muitas vezes contra grandes equipes. Por muitas vezes, ouvi que o outro time sabia jogar Libertadores, mas quando é a gente que faz um jogo tático, truncado, é considerado como feio. Então, tomara que continue feio e a gente continue passando de fase e conquistando nossos objetivos”, finalizou.