Breno Lopes celebra gol após quase 4 meses sem ir às redes

Breno Lopes comemora seu gol pelo Palmeiras contra o Grêmio, durante partida válida pela vigésima nona rodada do Brasileirão 2021, na Arena do Grêmio.
Cesar Greco

Em um lance característico seu, o chute rasteiro cruzado, Breno Lopes sacramentou a vitória do Palmeiras sobre o Grêmio

Autor do maior gol palmeirense no século XXI, o atacante Breno Lopes voltou a marcar no jogo contra o Grêmio e quebrou um jejum de quase quatro meses sem ir às redes adversárias – apesar do longo tempo, Breno ainda se mantém como o segundo maior goleador da equipe no Campeonato Brasileiro, com seis tentos (Raphael Veiga, com oito, é o líder).

Um fato curioso sobre os gols do atacante na competição, dos seis, quatro deles aconteceram após os 40 minutos da etapa final, sendo ainda, três nos acréscimos. Os adversários que sofreram os tentos foram: Atlético Goianiense, Bahia, Juventude e Grêmio. Além disso, a cabeçada que passou por John no duelo frente ao Santos, que deu o título da Libertadores, também foi no apagar das luzes.

A quantidade de gols nesse período do jogo fez o Palmeiras brincar com o atleta nas redes sociais.

“Muito feliz. A gente sabia que seria um jogo difícil hoje [domingo], um jogo grande. Eles estão em uma situação complicada e entraram para fazerem a partida da vida, mas nossa equipe foi muito consistente. Saímos atrás, porém mantivemos o comportamento pedido pelo Abel”, disse após o jogo.

Breno Lopes fala sobre chute característico

Embora o seu lance mais famoso com a camisa do Verdão tenha sido uma cabeçada, Breno vem se notabilizando por outra jogada: o chute cruzado e rasteiro. De todos os seus gols pelo clube (10), quatro deles vieram dessa maneira.

Para o camisa 19, o sucesso nessa batida é tudo questão de treino. “Pratico muito esse chute cruzado, tento aperfeiçoar o máximo para quando eu estiver nessa situação, que eu possa fazer o gol. Fui feliz, dominei a bola em progressão, olhei o goleiro e bati cruzado”, detalhou.

“Ficamos muito felizes pelo Danilo [Barbosa]. Todos nós entregamos muito nos treinamentos, no dia a dia, para chegar no jogo e fazer o melhor. Ele fez uma jogada individual muito boa e achou o passe pra mim. Dedico esse gol a ele também, que é um cara trabalhador, merecedor”, completou.

Contratado em novembro junto ao Juventude, Breno completou 50 partidas no Palmeiras.