Abel Ferreira enaltece seriedade do Palmeiras e comenta sobre Wesley

Abel Ferreira em jogo do Palmeiras contra o Independiente Petrolero, durante partida válida pela fase de grupos da Libertadores 2022, no Estádio Olímpico Pátria.
Cesar Greco

Após mais uma vitória na Libertadores, Abel Ferreira afirmou que o Palmeiras tornou “o jogo fácil” contra o Independiente Petrolero

O Palmeiras goleou o Independiente Petrolero, na Bolívia, por 5 a 0, e classificou-se antecipadamente às oitavas de final da Libertadores. Após a partida, em entrevista coletiva, o técnico Abel Ferreira elogiou a postura apresentada pelo time em campo.

“Todas as partidas são difíceis. Hoje [terça-feira], fomos nós que tornamos o jogo fácil. Jogamos de forma séria, competentes e fomos os justos vencedores. Não entramos pensando que iríamos golear, queríamos ganhar o jogo e manter a nossa baliza a zero. Felizmente os jogadores criaram e marcaram os gols”, disse o treinador.

Com a vitória, o Verdão manteve o 100% de aproveitamento na Fase de Grupos. Além disso, o clube tem o melhor ataque da competição, com 20 gols marcados em quatro jogos, o que representa uma média de cinco bolas na rede por partida. Apesar da ótima campanha e o ataque avassalador, o comandante palmeirense rechaçou qualquer tipo de favoritismo.

“A gente é uma equipe muito focada, que trabalha sério. Não vamos ganhar sempre e temos que estar preparados para perder. A exigência aqui é cada vez maior, agora somos considerados os favoritos. Temos de continuar com o nosso caminho, trabalho, fazer a gestão de energia para jogar na máxima força. Pensar sempre no próximo jogo, não há outra forma”, declarou Abel.

“Nossa obsessão é pelo trabalho. Essa é a palavra mágica. Quando me perguntam o segredo do sucesso, é o trabalho com qualidade, com jogadores desse nível. Tão importante quanto ter bons jogadores é a característica de seres humanos que eu tenho à minha frente, por isso que somos tremendamente competitivos”, complementou.

Abel Ferreira cobra Wesley

Wesley em jogo do Palmeiras contra o Independiente Petrolero, durante partida válida pela fase de grupos da Libertadores 2022, no Estádio Olímpico Pátria.
Cesar Greco

Apesar da vitória tranquila, que começou a ser construída no início do jogo, um lance deixou Abel chateado. Aos 21 minutos da etapa final, Zé Rafael recebeu de Scarpa dentro da área e escorou para o gol; a bola entraria, mas Wesley completou o lance e a jogada foi anulada, pois o camisa 11 estava impedido.

Para Abel Ferreira, faltou concentração e foco a Wesley.

“Fiquei triste [com o lance] porque teve a ver com foco e concentração nas tarefas. Faltou isso. Se [os atletas] jogam bem ou não, faz parte, mas não pode estar relaxado. Entendo que o Wesley esteja chateado por não jogar o tanto que ele quer, mas ele tem que entender que a concorrência é muito forte. Quando a equipe precisa dele, tem que dar uma boa resposta. Sou eterno insatisfeito. Mas os jogadores sabem o quanto eu gosto deles, o quanto admiro e os respeito”, finalizou.

O Palmeiras volta a campo no próximo domingo para enfrentar o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro. O duelo acontece no Allianz Parque, às 16h.