Com atividades técnicas e táticas, Palmeiras finaliza preparação para enfrentar o Atlético-MG

Gustavo Gómez, Murilo e Dudu durante treinamento do Palmeiras, na Academia de Futebol.
Cesar Greco

Time de melhor campanha da fase de grupos da Libertadores, Palmeiras inicia caminhada à semifinal como visitante

O Palmeiras está pronto para enfrentar o Atlético-MG no jogo de ida das quartas-de-final da Libertadores, que acontece amanhã, às 21h30, no estádio Mineirão. Na manhã desta terça-feira, a equipe realizou o último treinamento na Academia de Futebol.

A comissão técnica propôs aos jogadores atividades técnicas e táticas. De começo, os atletas fizeram um trabalho de linha de fundo com cruzamentos e finalizações; em seguida, em campo reduzido, participaram de um treino recreativo.

Para finalizar, Abel Ferreira e seus auxiliares passaram orientações táticas de posicionamento e o time ensaiou jogadas de bola parada defensivas e ofensivas.

Reforços do Palmeiras para o restante da temporada, os atacantes Flaco López e Merentiel podem estrear na Libertadores. Os dois foram inscritos pelo clube na competição na semana passada, nos lugares dos juniores Serafim e Daniel. Outro que pode ser a novidade do time para o duelo de amanhã é Rony, recuperado de lesão muscular.

A delegação palmeirense almoça na Academia de Futebol e, no período da tarde, embarca à capital mineira.

“É continuar com a nossa alegria e união. Sabemos que temos de mudar a chavinha. No Brasileiro, somos líderes, mas pela Libertadores será um jogo difícil. Sabemos que lá teremos uma pressão da torcida, do time deles, que vem de um resultado negativo. Vamos confiantes para entrarmos firmes e buscar um bom resultado”, disse o meio-campista Danilo, sobre o confronto desta quarta-feira.

Palmeiras busca 3ª semifinal seguida de Libertadores

Palmeiras, em jogo contra o Atlético-MG, durante segunda partida válida pelas semifinais da Conmebol Libertadores 2021, no Mineirão.
Cesar Greco

Bicampeão seguido da Libertadores e time de melhor campanha da fase de grupos, o Palmeiras iniciará a busca pela disputa de sua terceira semifinal seguida na competição, feito que o clube conquistou apenas uma vez: entre 1999 a 2001, quando bateu campeão em cima do Deportivo Cali e caiu duas vezes para o Boca Juniors.

Historicamente, o Verdão tem vantagem em mata-matas de Libertadores contra equipes mineiras. Em 2001, a equipe superou o Cruzeiro, à época dirigido por Felipão, nos pênaltis (4 a 3) dentro do Mineirão. E em 2021, no mesmo estádio, a equipe avançou diante do Atlético-MG após empatar em 1 a 1 e prevalecer por conta do critério do gol qualificado – vale ressaltar que tal regra não está mais em vigor.