Dudu alcança expressiva marca de 350 jogos com a camisa do Palmeiras

Dudu comemora seu gol pelo Palmeiras contra o Deportivo Táchira, durante partida válida pela fase de grupos da Libertadores 2022, no Estádio Pueblo Nuevo.
Cesar Greco

Titular contra o Deportivo Táchira, Dudu anotou o primeiro gol do Palmeiras na Libertadores de 2022

A goleada do Palmeiras por 4 a 0 sobre o Deportivo Táchira, na noite desta quarta-feira pela Libertadores, foi especial para Dudu: o atacante marcou o primeiro gol do Verdão na partida e também alcançou mais recordes com a camisa palmeirense.

Protagonista do time desde sua contratação, em 2015, o Baixola completou a expressiva marca de 350 jogos pelo Palmeiras contra a equipe venezuelana – ele é apenas o 23º jogador da História do clube a atingir este feito.

Com o gol sobre o Táchira, ainda, o camisa 7 chegou a 78 bolas na rede em toda sua trajetória no Palmeiras, empatou com o ex-meia Alex e ocupa a 28ª posição no ranking dos maiores goleadores da História do Verdão. Além disso, ao entrar em campo na noite desta quarta, o jogador ultrapassou Marcos e atualmente é o atleta que mais vezes disputou a Libertadores pelo clube.

Aos 30 anos, Dudu é um dos principais jogadores do elenco no ano. Ele anotou um dos gols da equipe na semifinal do Mundial de Clubes e foi eleito o melhor jogador do Campeonato Paulista, vencido pelo Palmeiras.

Confira outros feitos atingido por Dudu no Palmeiras

  • Atacante com mais títulos na História do Palmeiras: 8;
  • Jogador com mais jogos (151), mais vitórias (108), mais gols (36) e mais assistências (38) no Allianz Parque;
  • Jogador com mais jogos (350), gols (78) e assistências (83) do atual elenco;
  • 2º jogador com mais partidas pelo Palmeiras em Libertadores: 42, ao lado de Weverton e atrás apenas de Marcos, com 57;
  • 4º jogador com mais vitórias pelo Palmeiras em Libertadores: 26 (logo atrás de Gustavo Gómez, com 28);
  • Artilheiro do Palmeiras no século: 78 gols;
  • 2º com mais jogos no século: 350 (atrás apenas de Marcos, com 392);
  • 1º com mais vitórias no século: 203;
  • Maior artilheiro do Palmeiras na era dos pontos corridos do Brasileiro: 43.