“10 completo” e capitão, Raphael Veiga elogia Abel e a força do elenco do Palmeiras

Raphael Veiga do Palmeiras em disputa com os jogadores do Santos, durante partida válida pela décima primeira rodada do Paulistão 2022, no Allianz Parque.
Cesar Greco

Decisivo na vitória contra o Santos, Raphael Veiga manteve o aproveitamento perfeito nas cobranças de pênaltis

Vivendo o auge da carreira, Raphael Veiga decidiu mais uma partida para o Palmeiras. No domingo, o camisa 23 foi o autor do único gol palmeirense na vitória sobre o Santos, por 1 a 0, no Allianz Parque.

Escolhido pela FPF o Craque do Jogo, Veiga, que foi chamado de ’10 completo’ de Abel Ferreira na coletiva pós-jogo, concedeu entrevista ao final da partida e fez questão de enaltecer a força coletiva do Palmeiras, que segue invicto no Paulista e se mantém como a melhor defesa da competição.

“Acredito que o Abel e todos os jogadores estão se sentindo importantes, parte do processo. Todo mundo tem jogado, competindo, e tem dado resultado dentro de campo. A cada dia que passa, o Palmeiras constrói um elenco forte, todos sabem a importância de cada um. Independentemente do adversário nós sabemos o compromisso de darmos o nosso melhor, de sermos intensos. Os resultados estão aparecendo e cada vez mais estamos elevando o nosso nível”, disse em entrevista na saída do gramado à TNT Sports.

Raphael Veiga também falou sobre o técnico Abel Ferreira, que antes do duelo comentou novamente sobre seu futuro e pediu para os torcedores “dormirem tranquilos”. O meio-campista quer a permanência do comandante.

“Se ele falou para dormir tranquilo, vou dormir tranquilo (risos). O Abel é um cara fantástico, não sei quanto tempo mais vai ficar aqui, espero que muito. Ele tem ajudado muito a gente, conquistado títulos. Sempre quero estar perto dos melhores, ele tem me ajudado muito a crescer, então espero que ele fique muito mais tempo”, declarou.

Raphael Veiga mantém o 100% de aproveitamento nos pênaltis

Capitão contra o Santos, Raphael Veiga marcou seu 19º gol de pênalti com a camisa do Palmeiras. O atleta ainda não desperdiçou nenhuma cobrança desde que começou a ser o cobrador oficial da equipe, em 2019.

Raphael Veiga comemora seu gol pelo Palmeiras contra o Santos, durante partida válida pela décima primeira rodada do Paulistão 2022, no Allianz Parque.
Cesar Greco

“A questão do pênalti é engraçada, lá atrás eu tinha receio de bater pênalti em estádio lotado. Mas foi muito trabalho para enfrentar algo que dá frio na barriga”, disse ainda no intervalo da partida.

Disputando sua quinta temporada com o Palmeiras, o jogador de 26 anos acumula 48 gols (está empatado com Artime na 60ª posição do ranking dos maiores artilheiros do clube), marcados ao longo de174 partidas.