Defesa que ninguém passa e artilheira: zagueiros somam 16 gols em 2022 pelo Palmeiras

Defesa que ninguém passa e artilheira: Gustavo Gómez e Murilo comemoram gol do Palmeiras contra o SPFC, durante partida válida pela décima terceira rodada do Brasileirão 2022, no Morumbi.
Cesar Greco

Murilo e Gustavo Gómez vivem grande momento ofensivo e defesa do Palmeiras decide jogos importantes

Murilo e Gustavo Gómez vêm formando uma dupla completa no Palmeiras. Além de serem seguros defensivamente e ocuparem as posições mais altas nos critérios de defesa, os dois fazem uma temporada artilheira e decisiva no ataque.

Na última quarta-feira, no empate em 2 a 2 do Verdão com o Atlético-MG pela Libertadores, Murilo marcou o primeiro tento palmeirense da partida. Com isso, o camisa 26 chegou a sete gols no ano, firmando-se como o quinto maior goleador do elenco na temporada, ao lado de Danilo, Dudu, Rafael Navarro e Zé Rafael.

“É uma sensação única pra mim. Voltei pro Brasil com esse pensamento de poder disputar Libertadores e dar a vida pela equipe. Tive um lance infeliz no jogo, a bola acabou batendo em mim e foi gol pra eles, mas mantive a concentração, tive personalidade e graças a Deus ajudei a equipe com o gol”, disse Murilo, ao final do jogo.

Já Gustavo Gómez soma oito bolas na rede em 2022, sendo o último deles no dia 24 do mês passado frente ao Internacional. Na lista dos defensores que mais gols marcaram em uma única temporada, o paraguaio é o terceiro colocado, atrás apenas dos feitos de Vágner Bacharel (1983) e Daniel (2005), que marcaram nove, e Júnior Baiano, que anotou dez em 1999.

Os gols dos zagueiros palmeirenses, além de terem acontecido em partidas importantes, como em matas-mata de Libertadores e Campeonatos Paulista, e em clássicos estaduais, saíram em sua maioria em jogadas de bola parada. Em 2022, dos 107 tentos que o Palmeiras marcou até agora, 42 tiveram origem nesse tipo de jogada.

Defesa está próxima de marca histórica

Defesa que ninguém passa e artilheira: Murilo e Gustavo Gómez comemoram gol do Palmeiras contra o Cerro Porteño, durante segunda partida válida pelas oitavas de final da Libertadores 2022, no Estádio General Pablo Rojas.
Cesar Greco

Os zagueiros do atual elenco marcaram, no total, 16 gols no ano (Gustavo Gómez – 8; Murilo – 7; e Luan – 1). Assim, a defesa palmeirense de 2022 está perto de ser a mais goleadora em uma temporada. Os anos recordistas com mais gols por defensores na história do Palmeiras são 1999 e 2006, com 18.

Em 99, os tentos se fracionam entre Júnior Baiano (10), Roque Júnior (5), Cléber (2) e Agnaldo (1); já em 2006, Daniel marcou quatro, Gamarra e Nen foram às redes três vezes, enquanto Dininho, Douglas, Leonardo Silva e Thiago Gomes marcaram dois gols cada.

Confira abaixo os gols marcados pelos zagueiros em 2022:

  • Murilo

26/01: Palmeiras 3 × 0 Ponte PretaCampeonato Paulista;
16/02: Ferroviária 0 x 2 Palmeiras – Campeonato Paulista;
26/03: Palmeiras 2 × 1 Bragantino – Campeonato Paulista;
03/05: Independiente Petrolero 0 x 5 PalmeirasLibertadores;
20/06: SPFC 1 × 2 PalmeirasCampeonato Brasileiro;
29/06: Cerro Porteño 0 x 3 Palmeiras – Libertadores;
03/08: Atlético-MG 2 × 2 Palmeiras – Libertadores.

  • Gustavo Gómez

09/04: Palmeiras 2 x 3 Ceará – Campeonato Brasileiro;
23/04: Palmeiras 3 x 0 SCCP – Campeonato Brasileiro;
29/05: Santos 0 x 1 Palmeiras – Campeonato Brasileiro;
16/06: Palmeiras 4 x 2 Atlético-GO – Campeonato Brasileiro (dois gols);
20/06: SPFC 1 x 2 Palmeiras – Campeonato Brasileiro;
06/07: Palmeiras 5 x 0 Cerro Porteño – Libertadores;
24/07: Palmeiras 2 x 1 Internacional – Campeonato Brasileiro.

  • Luan

26/01: Palmeiras 3 × 0 Ponte Preta – Campeonato Paulista.